Conecte-se conosco
Electromagnetic hypersensitivity sensibilidade eletromagnetica Wifi

Ciência e Tecnologia

Pesquisa indica que 3 milhões de pessoas se consideram alérgicas a Wi-Fi

Mais de 3 milhões de pessoas acreditam sofrer de um tipo de alergia provocada pela transmissão de sinais Wi-Fi dos aparelhos eletrônicos.

3 milhões de pessoas se consideram alérgicas a Wi-Fi / Imagem: Shutterstock

3 milhões de pessoas se consideram alérgicas a Wi-Fi / Imagem: Shutterstock

Mais de 3 milhões de pessoas acreditam sofrer de Síndrome de Intolerância e Hipersensibilidade Eletromagnética (EHS, da sigla em inglês), doença que traz a hipótese sobre como sinais de Wi-Fi e ondas de rádio emitidas por aparelhos podem fazer mal à saúde. As informações são do jornal inglês Daily Mail.

A EHS seria provocada por celulares, telas de televisão e até mesmo lâmpadas. Esses aparelhos possuem radiação e, apesar de ser baixa, pessoas perceberam que são sensíveis a eles.

As pessoas com a síndrome sofrem de náuseas, dores de cabeça, dificuldades respiratórias e até mesmo paralisia. Alguns dos afetados temem que a radiação possa causar câncer ou distúrbios neurológicos também.

Uma pesquisa apresentada ao American Society for Reproductive Medicine em 2010 revelou que sinais de Wi-Fi dificultaram significantemente atividades cerebrais de jovens mulheres, que tentavam repetir uma série de números lida a elas.

A EHS ainda não é reconhecida como uma doença na Grã-Bretanha, diferentemente da Suécia, onde a síndrome é classificada como uma incapacidade.

Da Redação – [email protected], com informações de Daily Mail.

notícias importantes sobre tecnologia publicadas pelo portal de internet do Grupo Bandeirantes.

Comentários

Mais de Ciência e Tecnologia

Dica

Mais Lidas

Reviews

Cultura Geek

Tutoriais

To Top