Conecte-se conosco
airlander

Ciência e Tecnologia

Primeira aeronave híbrida do mundo está pronta para voar

Há quem já disse que nunca mais iria ser usado os dirigíveis após os acontecimentos em Nova Jersey. Porem durante estas ultimas semanas pudemos ver voar novamente uma aeronova de dimensões semelhantes e que atualmente é a maior do mundo. A aeronova foi denominada Airlander 10, que irá fazer seu primeiro voo para testar seu funcionamento. Ele foi definida por muitas pessoas como um hibrido, em que unia dirigível, helicopter e até um avião, o veiculo decolou de Cardington ,em um pequeno teste, conhecido por ser um vilarejo nas proximidades ao norte de Londres, mais precisamente a 70 kilometros.

Imagem da primeira aeronave híbrida, o Airlander

Imagem da primeira aeronave hibrida, o Airlander

Os primeiros grandes veículos que conseguiram conquistar os céus foram os dirigíveis, aeronaves conhecidas até os dias de hoje pelo seu tamanho e “leveza” ao se deslocar. O precursor dos balões controláveis de ar quente foi feito por volta do ano de 1709 e testado no mesmo período, época na qual muitas tecnologias foram desenvolvidas apenas para atender ao interesse da aristocracia. Na primeira demonstração realizada, toda a corte portuguesa estava presente e assim logo o primeiro dirigível foi testado, chegando a atingir a marca de 4 metros de altura, o que deixou todos os presentes abismados, mas que em questão de segundos terminou infelizmente com um incêndio total do veículo.

Em vista de muitos fracassos passados pela história dos dirigíveis, há quem acredite que nunca mais esta tecnologia irá ser usada para fins comerciais. Porém a Hybrid Air Vehicles quer mudar isso e mostrar novamente ao mundo o poder deste tipo de veículo. Ela pretende fazer isto com seu mais novo projeto híbrido, chamado Airlander 10. O Airlander é atualmente a maior aeronave já criada e foi definida por muitas pessoas como um híbrido que unia dirigível, helicóptero e até um avião. O veículo decolou com sucesso de Cardington em um pequeno teste para demostrar o seu conceito novamente, o vilarejo fica na proximidade norte de Londres, mais precisamente a 70 quilômetros da capital britânica.

Cabine da aeronave Airlander 10

Cabine da aeronave Airlander 10

A aeronave possui quatro motores movidos a diesel e uma grande estrutura superior inflada com gás hélio, resultando em um peso de aproximadamente vinte toneladas, menos que 10% do que pesa um AirBus 380. O gás hélio além de trazer mais leveza a aeronave pode trazer junto mais segurança, já que não é inflamável como o Hidrogênio, usado nos dirigíveis anteriores. O Airlander 10 consegue ganhar da concorrência também em autonomia, pois pode voar durante cinco dias a uma velocidade de aproximadamente 148 km/h, possui dimensões muito significativas, com 92 metros de comprimento, o que o torna 18 metros maior do que os maiores aviões comerciais existentes. O nome da aeronave leva o “10” pois é uma referência a grande capacidade de carga que possui, sendo capaz de carregar 48 pessoas e 10 toneladas de carga. Vale deixar ressaltado que uma nova versão já vem sendo desenvolvida, com capacidade de aproximadamente 50 toneladas e levará o nome de Airlander 50, seguindo a mesma lógica do atual.

O híbrido foi muito elogiado, pois foi considerado como uma aeronave verde e barata, inspirada em um projeto militar norte-americano. A HAV (Hybrid Air Vehicles) o conceituou como a nova geração de aeronaves silenciosas e energeticamente eficientes do mundo devido a sua versatilidade incomparável.

Podemos notar que a Hybrid Air Vehicles veio realmente para mudar o conceito de transporte que estamos acostumados e com o Airlander 10 o futuro da aviação pode realmente estar com os dias contatos para novas mudanças. Vamos torcer para que realmente a nova (ou talvez nem tão nova) tecnologia, traga novos horizontes e possibilidades ao nosso dia a dia.

Cursando Análise e Desenvolvimento de Sistemas (Instituto Federal São Paulo - Campus de Presidente Epitácio). Foi Professor do Mini Curso de desenvolvimento de Aplicativos/Jogos com C# e Unity3D para o Instituto Federal de São Paulo na III Semana Nacional de Ciência e Tecnologia. Foi desenvolvedor de um jogo para dispositivos móveis multiplataforma. Concluinte de Iniciação Científica em Desenvolvimento de Jogos e Aplicativos para Dispositivos Móveis, foco em Educação do público infantil. Faz desenvolvimento e modelagem 2D/3D para Jogos com Blender 3D e Autodesk Maya. Atualmente esta desenvolvendo um jogo educativo com sistema distribuído para o projeto de Iniciação Científica.

Comentários

Mais de Ciência e Tecnologia

Dica

Mais Lidas

Reviews

Cultura Geek

Tutoriais

To Top