Conecte-se conosco
Apple x Samsung: imagens Galaxy e iPhone

Android

Apple x Samsung: a disputa dos smartphones

As ações da Apple não param de subir com a proximidade do lançamento do novo iPhone e a vitória no tribunal dos Estados Unidos em uma ação movida contra a empresa sul-coreana Samsung. Apple e Samsung estão em uma disputa ferrenha pela liderança nas vendas de smartphones em todo mundo. Na última sexta-feira, a empresa de tecnologia sul-coreana foi condenada por tribunal dos Estados Unidos a pagar mais de US$ 1 bilhão (R$ 2 bilhões) em danos e prejuízos à Apple por ‘roubar’ modelos desenvolvidos pela empresa americana para smartphones e tablets.

Apple e Samsung estão em uma disputa ferrenha pela liderança nas vendas de smartphones em todo mundo. Mas, recentemente, a empresa de Steve Jobs obteve uma vitória considerável frente à Samsung nos tribunais americanos.

Na última sexta-feira, a empresa de tecnologia sul-coreana foi condenada por um tribunal dos Estados Unidos a pagar mais de US$ 1 bilhão (R$ 2 bilhões) em danos e prejuízos à Apple por copiar modelos de smartphones e tablets desenvolvidos pela empresa americana.

A decisão reforça a posição da Apple de desencorajar os concorrentes a desenvolver aparelhos que imitam o iPhone e suas funcionalidades. Recentemente, a empresa assumiu o posto de empresa mais valiosa do mundo, avaliada em 623 bilhões de dólares.

Samsung, maior empresa de tecnologia do mundo em receita, teve uma queda nas ações de 7,45% nesta segunda-feira e perdeu 12 bilhões de dólares em valor de mercado. O volume de ações negociado também foi expressivo, sendo quase quatro vezes a média da semana passada e o maior diário desde outubro de 2008.

O processo

A Samsung foi condenada por ter violado seis das sete patentes em disputa, todas referentes ao design e tecnologias de smartphones e tablets. A Apple quer ainda proibir a venda dos produtos coreanos mencionados no julgamento. A Samsung deve recorrer da sentença e vai reforçar o argumento de que a Apple também violou cinco patentes, duas delas relacionadas com a capacidade dos telefones celulares para usarem a tecnologia 3G de transmissão de dados.

Consumidores

A disputa entre as gigantes de tecnologia devem atingir os consumidores. As opiniões são diversas. Alguns apostam que os produtos poderão chegar mais caros no mercado ou em menor variedade. Já outros especialistas acreditam que existirão mais opções no médio prazo já que as empresas investirão em inovação para criar aparelhos diferentes.

As empresas também serão obrigadas a pagar pelas patentes. Um exemplo é a tecnologia de ‘beliscar” (pinch and zoom, em inglês) a tela para aumentar uma imagem, criada pela AppleSmartphones e tablets de outras empresas terão de pagar pelo uso deste recurso ou criar alternativas.

Com a necessidade de inovação para diferenciar os aparelhos, as novidades devem chegar ao mercado em um ritmo mais lento do que o atual para que os engenheiros tenham tempo de criar e testar soluções.

Google e Microsoft

O processo contra a Samsung pode ter sido apenas o primeiro da nova leva de embates judiciais iniciado pela Apple. Antes de morrer, Steve Jobs havia decidido usar o sistema legal da forma mais agressiva possível para proteger a propriedade intelectual da Apple. Ele disse ao seu biografo, Walter Isaacson, que gastaria “cada centavo” dos cofres da Apple para combater o sistema Android do Google. “Destruirei o Android, pois ele é um produto roubado” disse Jobs, complementando que estaria disposto a iniciar uma “guerra termonuclear” contra o sistema operacional que alimenta quase 70% dos smartphones do mundo e dirigentes da Apple consideram muito parecido com o iOS.

Apesar das negativas, o Google pode ter de alterar recursos do Android para evitar possíveis embates jurídicos. Com isso, uma outra empresa pode sair ganhando: a Microsoft. O sistema operacional Windows Phone desenvolvido pela empresa criada por Bill Gates é bem diferente do iOS e do Android, mas ainda é pouco utilizado pelos maiores fabricantes de smartphones do mundo (3,5% segundo dados da IDC).

Um jornalista curioso que adora viajar, comer em bons restaurantes e experimentar as novidades tecnológicas! Ex-correspondente da TV Bandeirantes na China e na África do Sul, atualmente é chefe de redação do BandNews TV.

Comentários

Mais de Android

Dica

Mais Lidas

Reviews

Cultura Geek

Tutoriais

To Top