Conecte-se conosco
the-internet-of-things

CULTURA GEEK

As 10 empresas mais inovadoras no ramo da “internet das coisas” em 2015

As 10 empresas mais inovadoras no ramo da “internet das coisas” em 2015.

As 10 empresas mais inovadoras no ramo da IoT - "internet das coisas" em 2015

As 10 empresas mais inovadoras no ramo da IoT – “internet das coisas” em 2015

Nesta semana, o site Fast Company elaborou uma lista muito interessante sobre as 10 empresas mais inovadoras neste mais novo nicho de mercado, referido como “Internet das Coisas“. A IoT, ou “Internet of Things” (da sigla em inglês) é um novo setor a que se dedica a toda sorte de produtos, vestimentas, máquinas, automação residencial ou gadgets de uso cotidiano que se comportam de maneira inteligente intercomunicando-se via internet a fim de compartilhar dados e tarefas de modo a tornar mais eficientes as tarefas que executam de forma singular ou em conjunto.

Essa lista, além de posicionar as 10 principais companhias, procura explicar a razão de suas inclusões e a importância que suas ações terão num futuro muito próximo.

major

KICKSTARTER

Por fomentar os desenvolvedores da IoT “Internet das coisas”, um investidor de cada vez. O Kickstarter trouxe milhões de dólares em financiamento e incontáveis “consumidores-investidores” voltaram seus olhos aos novos gadgets em potencial. Eles podem ser escovas de dentes, aparelhos de cozinha, lâmpadas ou até mesmo cortadores de grama inteligentes. “Kickstarter é onde encontroam dicas sobre o caminho que o futuro está tomando”, diz John Dimatos, líder da empresa para parcerias de design e tecnologia. “Há um enorme senso de otimismo em torno de cada um desses projeto”. O site de crowdfunding não só traz dinheiro para startups de Internet das coisas, ele também inunda-os com uma comunidade de clientes dedicados que estão interessados em melhorar suas vidas através da tecnologia. “Se você tem uma ideia genial e um protótipo promissor, você quer ver como as pessoas vão usá-lo e se interessar por ele. O Kickstarter fornece uma conexão muito poderosa entre este grupo de pessoas”, diz Dimatos. Isso faz com que essas inovadoras empresas busquem o site mesmo quando já possuam outras fontes de investimento.

samsung

SAMSUNG

Por aprender com seus erros. A Samsung brevemente triunfou sobre a Apple na “guerra dos smartphones”, porém sofreu grande perda de mercado em decorrer da ascensão da nova concorrente, Xiaomi. É claro que o escopo da Samsung engloba muito mais produtos além dos smartphones, e numa nova era de variados dispositivos interconectados a internet, sendo em nossas casas, carros ou até mesmo em nossos corpos, isso pode significar-se muito mais. Enquanto a Apple lança seu relógio e adquire uma companhia de termostatos inteligentes, a Samsung vem criando uma nova e variada gama de wearables, bem como uma série de novos produtos inteligentes para suprir as necessidades das casas do futuro: Refrigeradores que mantém estoque e avisam quando seus itens perdem a validade, máquinas de lavar louça que decidem quando lavar baseando-se em melhores horários para aproveitar as os custos de energia elétrica, aspiradores de pó robôs controlados por seu smartphone… “Imagine um mundo em que esses aparelhos estão ligados uns aos outros,” diz David Eun, um vice-presidente executivo da Samsung. “O que você teria é uma das maiores plataformas de distribuição de conteúdo, serviços e aplicativos — até mesmo anúncios.”

logoScreen Shot 02-10-15 at 08.15 PM

SPARK

Por trazer facilidade de desenvolvimento e prototipagem rápida para a internet das coisas. É comum é mais fácil atualizar sites e aplicativos, mas com hardware já é outra história. É para resolver isso que a Spark entra no mercado. Ela proporciona uma plataforma simples, baseada em Arduino, com wifi e espaço de prototipagem rápida possibilitando a rápida criação e implantação de dispositivos conectados à internet. Nelas é possível conectar sensores, controladores e outros itens de hardware sem a necessidade de um ferro de solda, e sua plataforma de nuvem permite que os desenvolvedores reprogramem remotamente seus produtos, construam interfaces web e app acessando todos os dados de uma API pré-construída. A companhia disse em julho de 2014, que tem enviado mais de 30.000 kits de sua plataforma Spark, depois de levantar mais de US $500.000 em uma campanha no Kickstarter. Spark já serviu como o núcleo de dispositivos, incluindo o irrigador automático Lono e o CleverPet, um console de videogame para cães.

IFTTT_Logo.svg.png

IFTTT 

Por trazer automação simples para a Internet das coisas. O IFTTT inicialmente conquistou os corações da comunidade geek por deixar usuários simplesmente escreverem “receitas” para se conectar a serviços de internet puramente digitas. (Por exemplo: “Se eu estou marcado em uma foto no Facebook, salve-a em minha pasta do Dropbox.” Ou “Se minha empresa foi mencionada no New York Times, então me mande um e-mail.”) Mas ultimamente, o IFTTT também tem sido integrando a dispositivos físicos ligados a internet, significando que os usuários podem gravar receitas para definir seus termostatos ou compartilhar seus feitos atléticos registrados por seus wearables diretamente em sites como Facebook. Em seu site existem receitas prontas de como gerar alertas coloridos nas lâmpadas inteligentes Phillips Hue, ou até mesmo agendar alimentação de peixes pelo smartphone que são executadas por alimentadores inteligentes. Com certeza uma enorme variedade de novos gadgets desse tipo estão sendo desenvolvidos usando esta plataforma em conjunto com a plataforma Spark mencionada anteriormente.

London-Underground1

TRANSPORT FOR LODON

Por trazer o primeiro metrô do mundo a par das novidades do século 21. The Underground, como é mais comumente chamada a companhia que administra o serviço de metrô em baixo das ruas de Londres, a mais de 150 anos e combina linhas e túneis construídos originalmente pelas empresas concorrentes, em conjunto com adições mais modernas. Mas a Transport for London está se esforçando para diminuir a distância entre a herança vitoriana e as mais modernas técnicas de transporte metroviário da atualidade. Trabalhando com Telent, CGI e Microsoft para integrar sensores conectados à nuvem em seus vagões. Isso significa que funcionários de trânsito podem detectar problemas em tempo real, frente a um conjunto de painéis de controle central, em vez de ter que trabalhar com as técnicas antigas de monitoramento desconectadas e conjuntos de dispositivos arcaicos. Acompanhamento de tudo incluindo condicionadores de ar, vibrações de equipamentos, câmeras de vídeo e alertas automatizadas, a nova rede facilitou reparação e alocação de pessoal e ferramentas para os lugares certos cortando custos para o sistema ferroviário e seus 1,2 bilhões passageiros anuais.

8867.Microsoft_5F00_Logo_2D00_for_2D00_screen

MICROSOFT

Por abrir suas janelas para a Internet das coisas. Não contente em deixar a Google reinar, a Microsoft entra na era da internet das coisas em grande estilo, ao anunciar sua distribuição livre de licenças do Windows 10 para dispositivos com telas menores do que 9 polegadas e um novo acelerador visando apoio a startups de automação residencial. Convidando os clientes para deixar o Windows abranger seus desktops, telefones e dispositivos embarcados, a empresa anunciou a plataforma de serviços Azure Cloud para processamento de dados para dispositivos embarcados e uma versão do Windows para plataforma de hardware Intel Galileo para dispositivos móveis. E, poucos meses após o lançamento, a Microsoft anunciou que estava trabalhando com parceiros para trazer sua tecnologia para todos os tipos de “coisas”, incluindo elevadores, ferramentas inteligentes de monitoramento de saúde e melhoras a sistemas de resposta de emergência na cidade de Nova Orleans.

quirky-logo

QUIRKY

Por construir uma plataforma comum para a internet das coisas. Comprar um novo aparelho habilitado para internet geralmente significa instalar um app novo e aprender uma nova interface. Quirky, a incubadora de produtos que permite a futuros inventores apresentar ideias de produtos on-line e levando os melhores a lançamento no mercado, mudando sua plataforma Wink, que foi construída em parceria com a GE e agora opera como uma companhia separada dentro Quirky. A Wink permite a usuários controlar uma variedade de dispositivos habilitados para Internet, incluindo lâmpadas, câmeras de segurança e termostatos, através de um app para iPhone ou Android ou mesmo em wearables Android, ou seja, menor de uma curva de aprendizado para os usuários. “Com um simples comando de “Ok, Google, start Wink“, você pode pré aquecer o forno, acender as luzes da sala de estar, verificar para ver se você se lembrou de trancar a porta da frente e muito mais em qualquer lugar, a qualquer momento,” disse Izzy Johnston do Wink logo após o lançamento do Wink. Parcerias com feitas com empresas como a Home Depot e Amazon para destacar as dezenas de produtos habilitados para Wink existentes e uma variedade de fabricantes e ofertas aprovadas com a certificação do selo para novas empresas de automação residencial interessadas em trabalhar com a plataforma.

Nest_Labs_logo.svg

NEST LABS

Por conectar seu Nest e outras plataformas Android a cada vez mais produtos. Divisão Nest do Google expandiu-se para além de sua linha de termostatos e detectores de fumaça, adquirindo câmeras Wi-Fi e anunciando seu programa “Works with Nest“. Isto integra seus produtos com os dos outros dispositivos inteligentes vindos de diversos fabricantes, então um carro inteligente pode telefonar para casa para dizer um termostato Nest para que aumente a temperatura previamente a chegada do veículo, ou um ventilador inteligente Big Ass Fan pode trabalhar em conjunto com o termostato residencial a fim de proporcionar temperaturas mais agradáveis. Entretanto, o Google expandiu sua plataforma Android, para além de telefones e placas de carros, TVs e dispositivos wearables, como smartwatches. Isso significa que esses dispositivos serão capazes de se comunicar com smartphones Android e tablets e executar aplicativos do Google baixados de sua loja Play usando APIs com ferramentas já conhecidas por vários desenvolvedores.

Tesla-Motors-Logo

TESLA MOTORS

Por colocar a Internet das coisas sobre as quatro rodas. Os carros da Tesla observam inicialmente seu design elegante aclamado pela imprensa, motores elétricos e criação pelo lendário empresário e fundador Elon Musk, mas a montadora inovadora também forneceu um modelo para trazer carros para a internet das coisas. Tesla fez um acordo no início de 2014 com AT&T para fornecer conectividade sem fio para seus carros, permitindo diagnóstico remoto seguro, mapas atualizados e habilitados para internet proporcionando entretenimento para condutores e passageiros. Proprietários do novo modelo S desfrutam de rádio por internet e conectividade a seus smartphones via apps que controlam seus carros à distância, e facilitado encontrá-los quando se esquece local de estacionamento.

salesforcel

SALESFORCE

Por trazer a internet das coisas para o local de trabalho. A Salesforce, uma empresa de computação em nuvem corporativa está trabalhando duro para conseguir incluir seus clientes ao uso da internet das coisas. Seu kit de desenvolvimento de software Salesforce promete para os usuários da empresa a bordo controle e gestão via dispositivos wearables, tais como Google Glasssmartwatches Samsung ou a faixa de controle do gestual Myo. A Salesforce imagina cirurgiões usando o Myo pedir raios-x com um gesto sem ter que parar de trabalhar para lavar suas mãos, inspetores de pipeline podem usar o Google Glass para gravar notas de voz e tirar fotos mesmo com suas mãos ocupadas, ou até mesmo os hóspedes de hotéis que através de uma pulseira de autenticação Bionym Nymi a usem garantindo um serviço ainda mais personalizado.

Ficou curioso? Quer conhecer mais sobre a IoT? Então confira a galeria de fotos abaixo contendo algum exemplos dessa nova tecnologia revolucionária:

Fonte: Fast Company.

"There was a young lady named Bright Whose speed was far faster than light; She set out one day In a relative way And returned on the previous night."

Comentários

Mais de CULTURA GEEK

Dica

Mais Lidas

Reviews

Cultura Geek

Tutoriais

To Top