Conecte-se conosco
smt-TeslaGigaFactory-capa

Automotivo

Metas atrasadas na Gigafactory podem render multa bilionária para Tesla

Compromissos assumidos pela Tesla com o estado de Nevada para a construção da Gigafactory não estariam sendo cumpridos

smt-TeslaGigaFactory-P0

Fundada em 2003, a marca de automóveis norte-americana Tesla, responsável por veículos elétricos de alta performance, tem se destacado no mercado mundial devido às suas grandes inovações sustentáveis. Para dar continuidade a este legado, a empresa está construindo um dos maiores prédios do mundo, a Gigafactory. A ideia seria colocar todo o processo de fabricação de baterias sob o mesmo teto, o que (em tese) garantiria a fabricação em massa de modelos mais acessíveis.

O empreendimento é capitaneado pela empresa de Elon Musk em parceria com a Panasonic e tem custo estimado em 5 bilhões de dólares. A Tesla optou por construir a Gigafactory no estado de Nevada (nas imediações da cidade de Reno), aproveitando um pacote de incentivos fiscais oferecido pelo governo local. Para isso, a empresa assumiu uma série de compromissos que, segundo informações do Reno Gazette-Journal, não estão sendo cumpridos.

De acordo com os dados levantados pela reportagem, o acordo com o estado de Nevada previa que a Gigafactory deveria produzir 700 postos de trabalho permanentes até o final de 2015. No entanto, foi apurado que menos de 100 pessoas foram contratadas até agora. Outra questão pendente é em relação à folha de pagamento da empresa, que deveria ser de 40 milhões durante esse mesmo período, mas atualmente, os valores atuais somam menos que 3 milhões de dólares (2,9 milhões).

Apesar de ser cedo para decretar o fracasso do empreendimento, a Tesla já se preocupa com os possíveis efeitos do não cumprimento das metas. O contrato firmado com o governo de Nevada, prevê o estorno de todos os impostos do qual a empresa ficou isenta. Essa quantia, facilmente ultrapassaria 1 bilhão de dólares e seria um duríssimo golpe para as pretensões da companhia.

smt-TeslaGigaFactory-P00

Mais do que isso, o fracasso da Gigafactory poderia significar um passo atrás para o planeta em termos de sustentabilidade. Como se sabe, o carro é o 3° maior poluidor da atmosfera e tornar sua versão elétrica mais acessível – em preço e fabricação – poderia ter um impacto muito positivo para o meio ambiente. Oficialmente, as autoridades de Nevada dizem não estarem preocupadas com os atrasos e que confiam na capacidade da empresa em lidar com os imprevistos.

Fonte: Reno Gazette-Journal.

Jornalista, fã de cinema e curioso de todas as coisas. Sempre atento às informações, escreve sobre ciência, comportamento e as novidades do mundo tecnológico.

Comentários

Mais de Automotivo

Dica

Mais Lidas

Reviews

Cultura Geek

Tutoriais

To Top