Conecte-se conosco
smt-Bezos-capa

Ciência e Tecnologia

Foguete de Jeff Bezos sai na frente na batalha da Corrida Espacial do século XXI

Na corrida espacial do século XXI, o foguete New Shepard fabricado pela Blue Origin do bilionário Jeff Bezos vence a primeira batalha.

smt-Bezos-P1

Durante o período do pós-guerra, o mundo assistiu a uma corrida aeroespacial protagonizada entre EUA e URSS. Com o fim da guerra fria, a NASA passou a dominar a maior parte das ações nessa área, até que dois milionários — Elon Musk e Jeff Bezos  — trouxessem de volta o clima de rivalidade para a conquista da galáxia (pelo menos um pedacinho dela).

A batalha mais recente de ambos envolve conseguir lançar e pousar um foguete, trazendo-o de volta à Terra, intacto, para reutilização. Vale ressaltar que, ao longo da história, todas as tentativas de lançamento de foguetes feitos por empresas privadas (e não agências nacionais), terminaram com seus protótipos destruídos ou abandonados no espaço.

O primeiro a mover suas peças foi Musk, com o foguete Falcon 9 construído por sua empresa SpaceX. Apesar de ter se saído bem nos testes em baixas altitudes, o Falcon 9 explodiu (confira o vídeo) ao tentar o pouso em uma base naval no Cabo Canaveral, após deixar uma cápsula de carga de suprimentos na Estação Espacial Internacional (ISS). Com isso, coube ao fundador da Amazon, Jeff Bezos os louros da primeira vitória. Na última segunda-feira (23), Bezos anunciou que sua companhia espacial, a Blue Origin, obteve sucesso na sua missão. O foguete New Shepard pousou suavemente em terra firme depois de atingir altitude sub-orbital (100 km), chegando ao espaço mas sem entrar em órbita.

A façanha é demonstrada no vídeo acima, que tem ares de super produção de Hollywood, simulando inclusive como seria se o foguete fosse tripulado. Por contar a novidade, Bezos utilizou, pela primeira vez, sua conta no Twitter, criada há mais de 7 anos. A resposta veio pela mesma rede social, onde de forma polida Elon Musk felicitou o “rival”, sem no entanto deixar de, discretamente, minimizar a importância do feito. Musk explicou que o foguete e a cápsula da Blue Origin voaram apenas a uma altitude suborbital, o que torna menos difícil fazer voltar o foguete em terra firme.

É bem verdade que existem diferenças fundamentais entre a Falcon 9 da SpaceX e a New Shepard da Blue Origin. Além de terem designs completamente distintos (confira na galeria abaixo), os próprios testes cumpriram tarefas diferentes, uma vez que o Falcon 9 levou cargas para o espaço, enquanto o New Shepard realizou um passeio sub-orbital. Apesar da comparação não ser a ideal, não é possível deixar de fazê-la. Afinal, não é todos os dias (ou décadas) que podemos assistir bilionários criativos como Musk e Bezos travando seus jogos de poder em uma ambiente fora da Terra. Como diriam os romanos: Alea jacta est! (a sorte está lançada)

Jornalista, fã de cinema e curioso de todas as coisas. Sempre atento às informações, escreve sobre ciência, comportamento e as novidades do mundo tecnológico.

Comentários

Mais de Ciência e Tecnologia

Dica

Mais Lidas

Reviews

Cultura Geek

Tutoriais

To Top