28
out
Conferências reúnem especialistas em energia solar do Brasil e da Suíça nesta semana em São Paulo
18:30 to 19:00
From 28-10-15 to 29-10-15

AtlantikSolarUAV_wlogo-1024x613

Um grupo de especialistas em energia solar do Brasil e da Suíça estará junto nessa semana em São Paulo, nos dias 28 e 29 de outubro, em dois eventos diferentes. O primeiro encontro acontece na conferência “As novas tendências em energia solar: benefícios e aplicações no Brasil”. No dia seguinte, dois cientistas suíços que acabaram de sobrevoar a floresta amazônica com um avião solar não tripulado, o AtlantikSolar, estarão em uma sessão especial do evento DroneShow.

A conferência “As novas tendências em energia solar: benefícios e aplicações no Brasil”, organizada pela swissnex Brazil, o “consulado científico da Suíça”, traz Philipp Oettershagen, estudante de doutorado no Instituto Federal de Tecnologia de Zurique (ETH), na Suíça. Ele é o coordenador do AtlantikSolar, veículo aéreo não tripulado movido à energia solar. Oettershagen falará sobre o sobrevoo do AtlantikSolar na Amazônia: há alguns dias, o AtlantikSolar fez um voo inédito na região da floresta amazônica paraense onde recentemente houve um naufrágio de um navio carregando cerca de cinco mil bois.

Em um voo teste, o avião solar também levantou informações atmosféricas sobre ventos, umidade, temperatura e radiação, por meio de sensores, em trechos da floresta antes nunca estudados. “Esse tipo de aeronave pode complementar as informações de satélites de forma mais precisa, rápida e barata, com maior qualidade, tornando-se uma boa opção para aprimorar o monitoramento em áreas de médio porte”, diz Oettershagen, doutorando do ETH Zurique e responsável pela aeronave.

O suíço Gilles Maag, criador da SUNbiotec, uma empresa spinoff da ETH de Zurique, também estará na conferência. Ele desenvolveu uma tecnologia capaz de transformar em energia o vapor de biomassa exposta à energia solar. Ao lado dele, estarão o físico Roberto Zilles, do Instituto de Eletrotécnica e Energia da USP, que desenvolveu uma máquina de gelo movido à energia solar para comunidades ribeirinhas da Amazônia, e Gustavo Belic Cherubine, presidente da ONG Sociedade do Sol, que cria soluções baseadas em energia solar para reduzir o consumo de energia elétrica.

CONFIRA:

As novas tendências em energia solar: aplicações e benefícios no Brasil

Quando: 28 de outubro, 4ª feira, às 18h30

Onde: Biblioteca latino-americana, do Memorial da América Latina

Palestrantes: Philipp Oettershagen (AtlantikSolar, ETH de Zurique), Gilles Maag (SUNbiotec, ETH de Zurique), Roberto Zilles (máquina solar de gelo, USP) e Gustavo Belic Cherubine (ONG Sociedade do Sol).

DroneShow – sessão especial sobre o AtlantikSolar

Quando: 29 de outubro, 5ª feira, das 17h30 às 19h

Onde: Centro de Convenções Frei Caneca

Palestrantes: Philipp Oettershagen e Thomas Stastny (AtlantikSolar, ETH de Zurique)

SOBRE:

ETH Zurich

O Instituto Federal de Tecnologia de Zurique é uma das dez melhores universidades do mundo, de acordo com o ranking do THE (Times Higher Education) lançado em setembro de 2015. É ainda uma das principais universidades do mundo nas áreas de tecnologia e ciências naturais. È conhecida por sua excelência em educação, pesquisa e extensão. Fundada em 1855, a ETH Zurich já formou mais de 18.500 alunos de mais de 110 países, incluido 4 mil estudantes de doutorado. A pesquisadores, oferece um ambiente de trabalho inspirador: 21 prêmios Nobel estudaram, lecionaram ou coordenaram pesquisas no instituto, o que reforça ainda mais a excelente reputação acadêmica da universidade.

swissnex Brazil

Oficialmente inaugurada em abril de 2014, a swissnex Brazil é o mais novo membro da rede global swissnex e está localizada no Rio de Janeiro, com escritório satélite em São Paulo. A swissnex é uma parceria pública-privada da SERI (Secretaria de Estado da Suíça para a Educação, Pesquisa e Inovação), com escritórios em São Francisco, Boston, Xangai, Bangalore, Cingapura e agora no Brasil. Também conhecido como “consulado científico da Suíça”, a swissnex Brazil fomenta parcerias e colaborações entre o Brasil e a Suíça, nas áreas de ciência, educação, arte e inovação.

Swissando

A Swissando é uma campanha de comunicação da Suíça criada pela “Presença Suíça”, do Departamento Federal Suíço de Assuntos Estrangeiros (DFAE), e pela Embaixada da Suíça no Brasil.  Trata-se de um programa de dois anos (2014 a 2016), cujo intuito é estreitar os laços culturais com o Brasil, conectando os dois países por meio de projetos e eventos, em economia, turismo, tecnologia e inovação com o Brasil.