Conecte-se conosco
google-wallet3

Android

Google anuncia integração do Android Pay com diversos serviços de pagamento

Google anuncia integração do Android Pay com diversos serviços de pagamento

Google Wallet

Sundar Pichai, vice-presidente de produtos do Google, anunciou hoje, que o Google está trabalhando em uma API para o “Android Pay“, plataforma do sistema operacional Android feita para padronizar o trabalho de pagamentos com dispositivos móveis. O objetivo da API é tornar mais fácil para os comerciantes utilizarem a plataforma e aumentar a compatibilidade de diversos serviços junto a solução oferecida pela companhia.

Até agora o Google não teve muito sucesso com sua plataforma de pagamento, mesmo estando o serviço disponível no mercado já a alguns anos. Em parte, isso ocorre porque o Google tem focado no mercado americano, em vez de tentar expandir globalmente, onde as operadoras tiveram de optar por soluções próprias.

Os pagamentos com dispositivos móveis podem ser um negócio de bilhões de dólares para qualquer empresa séria entrando neste mercado. O Google Wallet também já enfrentou a concorrência de seus próprios parceiros – OEMs Android, como a Samsung, já lançaram seus próprios serviços de pagamentos mobile. Ela, recentemente, adquiriu a LoopPay, um de pagamento já compatível com vários estabelecimentos. Resta saber se a moda pega. Nos EUA, o que se vê é a crescente adoção dos padrões EMV e Chip and PIN.

Para resolver a baixa adoção, bem como a fragmentação das opções de pagamento, a solução proposta pelo Google parece ser um API padronizador chamado de Android Pay, que funcionaria em todos os aparelhos Android. Isso poderia ser boa notícia para os lojistas, uma vez que teriam que se habilitar a apenas uma plataforma unificadora, e não uma para cada marca ou aparelho. A API Android Pay também unificaria as soluções de segurança, mantendo seguros os dados de cartões de crédito e informações de clientes em um no banco de dados da companhia. Por enquanto pouco se sabe, exceto que os números dos cartões serão acessados usando-se tokens de forma similar ao que acontece na plataforma da Apple, a Apple Pay.

02

Os novos telefones Apple e os chips Qualcomm suportam as tecnologias Sense ID e SecureMSM. Estes farão uso de zonas de hardware seguros afim de proteger esses dados de crédito. Ainda não está claro se o Google fará uso de técnicas semelhantes de proteção, tanto para impressões digitais, como para cartões de crédito. Não o fazendo, poderá haver diminuição na segurança.

Sundar Pichai não disse quando o API Android Pay chegará, mas é provável que apareça em uma versão futura do OS Android, provavelmente no final do ano. Google deve oferecer mais informações esse assunto no próximo Google I/O.

Fonte: Tom’s Hardware

"There was a young lady named Bright Whose speed was far faster than light; She set out one day In a relative way And returned on the previous night."

Comentários

Mais de Android

Dica

Mais Lidas

Reviews

Cultura Geek

Tutoriais

To Top