Conecte-se conosco
smt-CarlSagan-P1

CULTURA GEEK

Há 81 anos nascia Carl Sagan, homem que divulgou a ciência disfarçada de entretenimento

Considerado o maior divulgador da ciência dos nossos tempos, Carl Sagan completaria 81 anos se estivesse vivo na data de hoje, 9 de novembro de 2015.

smt-CarlSagan-P2

Se estivesse vivo, Carl Sagan completaria 81 anos nesse dia 09 de novembro de 2015

Se existe um fato que pode ser afirmado em relação à humanidade é sua diversidade. Se o mundo é repleto de exemplos de como o ser humano pode ser destrutivo, violento e ignorante, há sempre uma parcela de pessoas que transcende o grotesco da existência para nos inspirar com suas lições e manter viva as esperanças de que nossa espécie possa um dia atingir seu potencial de equilíbrio e justiça.

Carl Sagan foi certamente uma dessas pessoas. Considerado o maior divulgador científico do século XX (talvez o maior de todos os tempos), Sagan seduziu gerações com suas explicações simples em que revelava as descobertas da ciência, encantando dos mais leigos aos mais especialistas. Suas pesquisas sobre o sistema solar e a sua busca pela vida e inteligência extraterrestre, fizeram dele o astrônomo mais famoso do mundo.

smt-CarlSagan-vhs

Além de inspirar toda uma geração de amantes da ciência, Carl Sagan também adotava um tom poético e filosófico nos assuntos que discutia, tornando suas reflexões ao mesmo tempo belas e dotadas de elementos capazes de despertar uma consciência humanista nas pessoas. Sua maestria com as palavras e sua oratória implacável, emocionavam dos mais jovens aos mais velhos.

Autor de mais de 600 publicações científicas e de mais de 20 livros de ciência e ficção científica, Sagan é conhecido principalmente pela série Cosmos, transmitida na TV durante a década de 1980. Além do seriado, Cosmos também foi lançado em livro, que esse ano completou 35 anos de sua publicação (leia nossa matéria sobre os 35 anos de Cosmos).

smt-CarlSagan-P3

Carl Sagan passou a infância observando as estrelas e a vida adulta estudando-as em seu centro de pesquisas na NASA. Foram quase 40 anos dedicados à pesquisa e divulgação científica, que teve início em 1960, quando o astrônomo concluiu seu doutorado em astronomia e astrofísica. Para o azar da espécie humana, Sagan morreu no dia 20 de setembro de 1996 aos 62 anos, de pneumonia, depois de uma batalha de dois anos com uma rara e grave doença na medula óssea (mielodisplasia).

Se estivesse vivo, completaria na data de hoje (09 de novembro de 2015) 81 anos. Porém, indivíduos como Carl Sagan permanecem vivos no legado que deixam em suas obras. Nossa homenagem para o homem que deu forma aos sonhos de explorar os mistérios do universo termina com uma citação do próprio Sagan. “Cada um de nós é, sob uma perspectiva cósmica, precioso. Se um humano discorda de você, deixe-o viver. Em cem bilhões de galáxias, você não vai achar outro“.

Jornalista, fã de cinema e curioso de todas as coisas. Sempre atento às informações, escreve sobre ciência, comportamento e as novidades do mundo tecnológico.

Comentários

Mais de CULTURA GEEK

Dica

Mais Lidas

Reviews

Cultura Geek

Tutoriais

To Top