Conecte-se conosco
A história do Android

Android

Hoje é o aniversário de 8 anos do Android; Relembre essa História

O Android completa hoje 8 anos desde o seu lançamento oficial em 2008. De lá pra cá, o sistema teve 7 versões e suas variações. Confira a história do sistema operacional do Google que ganhou o mundo.

8 anos do Android

O Android é hoje o sistema operacional para dispositivos móveis mais usado no mundo e começou a ser usado inicialmente em smartphones e tablets. Hoje ele está presente não só nesses dispositivos, mas também em relógios inteligentes, TVs, carros e até em geladeiras, somando no total mais de um bilhão de dispositivos.

Apesar dessa trajetória de sucesso ter começado há 8 anos, completados na data de hoje, 23/09, quando o primeiro dispositivo Android foi lançado, sua história poderia ter tomado outros rumos.

Conheça um pouco da história do sistema e veja fatos marcantes de cada versão lançada, desde o Android 1.6 Donut até o mais recente Android 7.0 Nougat:

Tudo tem um Começo

O Android surgiu em 2003, em Palo Alto, Califórnia, e foi desenvolvido por Andy Rubin, Rich Miner, Nick Sears e Chris White, que fundaram a Android Inc. A ideia original do grupo era lançar um sistema para câmeras de segurança, mas vendo o mercado limitado partiram para o mercado mobile.

Já em 2005 o Google comprou a empresa e assim nasceu a Google Mobile Division. Na época o sistema foi bastante desacreditado e até alvo de piadas, mas prometia ser um sistema inteligente, sofisticado, atualizável e que estivesse ciente das preferências e localização de seus usuários.

Antes da primeira versão do Android Beta ser lançada em 2007, pelo menos duas versões foram lançadas internamente no Google. Uma delas foi batizada de R2-D2, e nem preciso dizer o porquê, não é?

HTC Dream

HTC Dream, primeiro Android

Oficialmente, a primeira versão do Android foi lançada no dia 23 de setembro de 2008, há 8 anos. O primeiro aparelho Android foi o HTC Dream.

E Chegaram os “Doces”

Android Donut

O Android 1.5 Cupcake permitia navegar na web, tinha uma loja de aplicativos, chamada Android Market, suporte a widgets e foi a primeira a usar um nome de doce.

Depois veio Android 1.6 Donut, com caixa de pesquisa na tela inicial, pesquisa na web e  rotas de trânsito. A versão 2.0 Eclair já permitia organizar sua tela inicial do jeito que você quiser. Tanto apps, como widgets podiam ser organizados em várias telas e pastas. Planos de fundo interativos que respondem ao toque também foram adicionados.

Tela inicial do Android 2.2 Froyo

Tela inicial do Android 2.2 Froyo

O Android 2.2 Froyo foi marcado pela chegada da digitação por voz no sistema que escreve o texto por você, e hoje é uma ferramenta bastante utilizada. As ações de voz também permitem que você controle seu smartphone sem precisar digitar. O Froyo foi o que mais trouxe acessibilidade ao sistema do Google.

A Grande Reformulação

No Android 2.3 Gingerbread o sistema sofreu seu primeiro grande facelift. A interface foi remodelada, e o Android ganhou suporte a sensores de movimento, iniciando a carreira do sistema como uma plataforma de jogos. NFC, câmera frontal, e teclado virtual também chegaram nessa versão.

O primeiro Tablet

Motorola Xoom

Motorola Xoom

A única versão lançada especialmente para tablets foi o Android 3.0 Honeycomb. Ela é uma versão otimizada do sistema para telas maiores, que equipou tablets como o Motorola Xoom e Smart TVs.

Tela inicial do Android 4.0

Tela inicial do Android 4.0

Android 4.0 Ice Cream Sandwich, carinhosamente chamado de Android ICS, foi o primeiro a ficar mais “bonito”. Ele surgiu com um design novo e refinado, mais simples e moderno. Foi nesse momento que o Android começou a se mostrar um sistema grande perante seus concorrentes.

Google Now

O Google Now finalmente surgiu no Android 4.1 Jelly Bean, como assistente pessoal do Google para smartphones, e já estamos em 2012.

Nesse momento a Google Play Store já havia batido a marca de mais de 1 milhão de aplicativos. Essa nova versão recebeu melhorias de performance, ficando mais rápida, suave e com um visual ainda melhor.

Com o tamanho sucesso do sistema, tivemos o primeiro Android “de marca”. Estou falando do KitKat 4.4, que ainda está presente em 34% dos aparelhos atualmente. O nome veio de uma parceria do Google e a Nestlé e desde então alimenta o imaginário dos usuários que imaginam que as próximas versões poderão ganhar qualquer nome comercial.

Android Kit-Kat

Android Kit-Kat

O Kit-Kat recebeu melhorias na multitarefa, o app do Hangouts, emojis no teclado, Google Cloud Print, compatibilidade com Chromecast, modo de fotos em HDR+, infravermelho, entre várias outras novidades.

Um toque de Material Design

Chegamos a versão mais usada do sistema atualmente, o Android 5.0 Lollipop, que trouxe entre outras coisas, o suporte para vários tamanhos de tela, desde TVs até relógios. Ele também nos apresentou o Material Design, que está presente hoje em praticamente todos os produtos e serviços do Google.

Android Lollipop, com Material Design

Android Lollipop, com Material Design

Foi a versão mais recente a trazer uma mudança tão grande em sua interface. Melhorias na bateria e segurança também chegaram, além de novos controles de configurações rápidas.

A penúltima versão do sistema, Android 6.0 Marshmallow, foi anunciada no Google I/O de 2015 e ainda tem uma participação bem tímida no mercado. Apenas 2.3% dos dispositivos possuem essa versão.

Ela trouxe consigo o Modo Doze de economia de bateria, o “não perturbe”, “Google Now on Tap“, suporte para USB Tipo-C, telas 4K, MIDI em instrumentos musicais, backup e restauração automática no Drive entre outras melhorias.

Android 7.0 Nougat preview

Android 7.0 Nougat

E finalmente, chegamos na última versão do Android, até o momento. O Android N, batizado de Android 7.0 Nougat, mesmo com forte clamor popular para que ele se chamasse Android Nutella, só pode ser encontrado em dispositivos Nexus até o momento.

Ele trouxe novos recursos, como tela dividida, respostas rápidas nas notificações, entre outras coisas que você pode conferir neste artigo. Mas, ainda é raridade entre os donos de smartphones com o sistema do Google.

Durante esse longo trajeto o Android evolui bastante, e hoje merece o posto de sistema operacional mais usado do mundo, equipando 66.87% de todos os smartphones do planeta. Se ele é o “melhor” ou o “segundo melhor” sistema operacional mobile do mundo, a gente deixa para você responder.

Mas que o tímido robozinho verde ganhou o coração de muitos, isso ele ganhou. Parabéns, Android! Confira essa história em um vídeo todo especial no canal do Showmetech no YouTube:

E ai, quando você começou a usar o sistema Android? Qual foi seu primeiro smartphone e qual seu atual? Conte pra gente.

Desenvolvedor web, técnico em eletrônica, geek desde criança, nerd e gamer caixista, ama Halo e Gears of War mas está esperando a SEGA lançar outro console porque é fã de Sonic. Entusiasta de tecnologia em geral, ama robôs e PC gaming.

Comentários

Mais de Android

Dica

Mais Lidas

Reviews

Cultura Geek

Tutoriais

To Top