Connect with us

Geral

Internet pela rede elétrica pode salvar a cobertura do Wi-Fi

A internet está em quase tudo, passando muito além de apenas levar dados ao computador. Hoje temos aparelhos de TV conectados, dispositivos de áudio que acessam a rede, sem esquecer de smartphones e tablets. Uma das formas mais práticas e baratas de aumentar o alcance da rede Wi-Fi, é utilizar a rede elétrica que você já tem instalada. Dá certo. Juro.

A internet está em quase tudo, passando muito além de apenas levar dados ao computador. Hoje temos aparelhos de TV conectados, dispositivos de áudio que acessam a rede, sem esquecer de smartphones e tablets. Uma das formas mais práticas e baratas de aumentar o alcance da rede Wi-Fi, é utilizar a rede elétrica que você já tem instalada. Dá certo. Juro.

PLC é o nome da magia

O nome lembra partido político e que significa Power-line Communication, ou comunicação via rede elétrica em tradução livre. Ele basicamente funciona como colocar cabos de rede nos conduítes da rede elétrica, sem colocar os cabos. Isso acontece graças aos dados que trafegam pelos fios de eletricidade, sem a necessidade de mais cabos por lá.

powerlines-repetidores

Esta tecnologia não é nova e vem sendo utilizada desde 1922, mas foi na década de 1980 que esta rede recebeu também dados, com testes iniciados em 1970.

O grande barato desta forma de enviar dados é que você já tem o alcance da rede que precisa, já está instalado. Com este pensamento, o PLC pode ser um ótimo aliado para aumentar o alcance da rede Wi-Fi. Já que fica fraca em alguns pontos mais distantes do roteador.

A melhor aplicação do PLC está em distribuir alguns destes repetidores em pontos distantes do roteador. Ajuda bastante para, por exemplo, quem mora em uma casa com muitos andares e tem apenas um roteador, distante dos produtos que precisam de internet.

Onde encontro esse PLC?

A D-Link é uma das empresas que aposta nesta tecnologia e que trouxe produtos ao Brasil. Com nome próprio de PowerLine, há dois modelos que trabalham com velocidades de rede diferente, entre 150 Mbps e 500 Mbps. Os repetidores precisam de uma base que fica conectada via cabo ao modem e plugado na tomada. Do outro lado, onde você precisa da internet, vai a outra parte deste kit. Este repetidor conta com conexão Wi-Fi para criar outra rede por lá, ou uma rede de cabos tradicionais.

Há alguns problemas com estes aparelhos, sendo dois os principais. Você ocupa a tomada por completo e a rede precisa estar no mesmo disjuntor. Se você separa a casa por vários disjuntores, vai precisar de vários kits para englobar todas as separações elétricas que utiliza. Alguns modelos de repetidores que existem no exterior não ocupam totalmente a tomada, permitindo que você coloque outro produto por lá. Funciona como uma régua de extensão, que vem com Wi-Fi.

A TP-Link também conta com repetidores que utilizam a rede elétrica. Infelizmente com os mesmos limitadores que a D-Link.

Jornalista formado, amante de tecnologia desde pequeno. Faz muito tempo que já escreve sobre tecnologia. Nintendista por paixão e entusiasta dos drones (só falta dinheiro para ter um Mavic Pro).

Comments

Dica

Mais Lidas

Reviews

Cultura Geek

Tutoriais

To Top