Conecte-se conosco
Malware se transmite usando alto-falantes e microfone de computadores

Linux

Malware usa alto-falantes e microfones para infectar outros computadores

Pesquisador alega ter descoberto um novo tipo de malware que infecta outros computadores utilizando alto-falantes e microfones para transmitir dados.

Malware se transmite usando alto-falantes e microfone de computadores

Pode parecer roteiro de filme de ficção científica, mas um pesquisador alega ter descoberto um novo tipo de malware que consegue se propagar para outros computadores apenas usando o sistema de alto-falantes e o microfone.

O consultor de segurança Dragos Ruiu relata que, há três anos, seu Macbook Air foi infectado por um tipo de rootkit chamado badBIOS que alterava a BIOS (software utilizado para inicializar o hardware, que vem pré-instalado e a partir do qual se consegue instalar o sistema operacional de fato) da máquina para impedir que um novo sistema operacional fosse instalado através de drives de CD. Além disto, ainda alterava configurações e impedia que algumas opções fossem modificadas pelo usuário. Até aí, nada de anormal para um malware .

A parte interessante da saga contada pelo pesquisador é que ele relata que um outro computador, rodando o sistema Open BSD e completamente isolado fisicamente do Macbook Air, passou a apresentar os mesmos sintomas, tendo sua BIOS modificada e se recusando iniciar pelo drive de CD e permitir uma reinstalação do sistema operacional.

Nos anos seguintes, Ruiu conta que diversas vezes reinstalou tudo nas máquinas, inclusive BIOS, mas o malware encontrava uma maneira de ressurgir, mesmo com os computadores conectados apenas à energia elétrica e sem qualquer forma de comunicação com a internet ou rede local.

Em um dos casos, um computador que acabara de ter a BIOS renovada e o Windows instalado impediu que o registro fosse alterado apenas alguns minutos após a primeira inicialização do sistema operacional, indicando que o malware já estava agindo outra vez.

A partir daí, o pesquisador desenvolveu uma teoria para a até então inexplicável proliferação do malware: ele estaria usando os alto-falantes das máquinas infectadas para transmitir informações em um frequência inaudível para humanos, que era captada por microfones das outras máquinas. O badBIOS ainda é extremamente versátil, sendo capaz de infectar computadores rodando os sistemas Windows, Mac OS, Linux e BSD.

A teoria de Ruiu ainda não foi testada por outros pesquisadores e, portanto, ainda não foi confirmada, mas, segundo o site Ars Techinca, que nos traz este relato, Dragos Ruiu é muito conhecido e conceituado no ramo de segurança e vem documentando sua pesquinsa sobre o badBIOS há algum tempo, o que dá certa credibilidade ao relato. E, em uma época em que toda semana descobrimos uma nova forma pela qual a NSA espia o resto do mundo, não podemos duvidar de mais nada.

A transmissão de pacotes de dados via ondas de som não é algo novo no meio tecnológico, mas seu uso por um malware tão persistente ainda não havia sido sequer especulado.

Para uma descrição mais detalhada do malware e da pesquisa, visite o site Ars Techinca (em inglês)

Fonte: Ars Technica

Atualmente advogado, mas apaixonado por tecnologia e tentando uma nova carreira na área, não passo um dia sequer sem usar algo feito por Apple, Google, Microsoft e Amazon.

Comentários

Mais de Linux

Dica

Mais Lidas

Reviews

Cultura Geek

Tutoriais

To Top