Conecte-se conosco
Screenshot from 2016-01-11 18:25:12

Android

RemixOS: um Android para você rodar no seu PC

A empresa Jide, formado por ex-engenheiros do Google, quer transformar o Android para PCs em um realidade. Conheça e saiba como usar o RemixOS.

Capture-d’écran-2015-08-07-à-13.47.121

A empresa Jide, formado por ex-engenheiros do Google, quer transformar o Android para PCs em um realidade.

Ok, você leu o título e não se espantou, tudo bem, a gente entende. O Google já trabalha na criação de um sistema operacional para notebooks e computadores – o ChromeOS – e um conhecido projeto para portar o Android para computadores – o Android x86 – está parado já tem algum tempo. Então, por que uma empresa se interessou em criar um novo projeto para transpor o Android, das plataformas mobile para os computadores tradicionais?

Então, o uso do sistema ChromeOS nos Chromebooks do Google demonstra claras vantagens de performance em relação à sistemas operacionais tradicionais, como o Windows da Microsoft. Em contrapartida, ele ainda está em estágios iniciais de desenvolvimento (não é tão completo), e carece de um ecossistema de aplicativos que justifique o uso.

Pensando nisso, a Jide resolveu aproveitar a grande vantagem do Android – a quantidade de apps disponíveis – fazendo dele uma opção mais completa que o ChromeOS em computadores e notebooks tradicionais. Adicionando modificações e recursos importantes para quem faz uso do mouse e teclado, a ideia tem tudo para repetir o sucesso do sistema em smartphones:

14-jide-remix-tablet-home-screen

Essa variante do sistema Android, totalmente compatível com os apps já disponíveis, ganhou o nome de RemixOS. Em sua versão 2.0, ela poderá ser usada de duas formas:

Remix Mini

A primeira é comprando um pequeno dispositivo, chamado Remix Mini. Ele é uma espécie de mini computador, que pode ser conectado à monitores tradicionais, periféricos (mouse e teclado, por exemplo) e, claro, à internet.

Tamanho importa? A Jide.com acredita que sim

Tamanho importa? A Jide.com acredita que sim

O gadget possui conexões Bluetooth, WiFi e USB, e pode ser comprado nas versões com 1 GB de memória RAM e 8GB de armazenamento, ou 2GB de RAM e 16GB de armazenamento. O preço é bem em conta: US$ 69,92, uma pechincha, se considerarmos que ele pode substituir muitos computadores tradicionais que não realizem tarefas pesadas (como jogos e renderizações).

Screenshot from 2016-01-11 18:18:51

Duas portas USB 3.0, além de um porta HDMI e uma porta ethernet Gigabit

UltraTablet

A empresa também oferece outra forma conhecida de usar o Android, através de um tablet de fabricação própria, o Remix UltraTablet:

 

Screenshot from 2016-01-11 18:21:09

 

Ele vem com uma dock station, com encaixe magnético pensado exatamente para evitar problemas de encaixe e usuários mais desastrados, e que o transforma em um notebook híbrido:

Mais leve que maioria dos 2 em 1, uma real alternativa de mobilidade.

Mais leve que maioria dos 2 em 1, uma real alternativa de mobilidade.

As configurações também não deixam a desejar. Ele tem tela de 11.6 polegadas, com resolução Full HD e tecnologia IPS2GB de memória RAM, 64GB de armazenamento interno, além de o slot para cartões microSD de até 128GB. O modelo deve passar boas horas longe da tomada, com uma bateria de 8.100 mAh que serve até como “Power Bank” (pode carregar outros aparelhos conectados ao tablet).

O preço do Remix UltraTablet também impressiona: US$ 299,00, com o teclado magnético incluso no pacote.

Tanto o miniPC quanto o tablet virão de fábrica com o sistema Android 5.1 (Lollipop) e o próprio fabricante já disse as atualizações estão a caminho. Além de já ter prometido para a metade de Janeiro o RemixOS para ser instalado em qualquer PC compatível.

PCs Tradicionais:

redmix-mini-render-remixos

A empresa promete que a versão mais recente do sistema, a RemixOS 2.0, chega até o final de janeiro. Mas você já pode experimentar a versão atual, em fase Alfa (Remix OS for PC – Developer version n. 2016011201), fazendo o download através deste link.

Os arquivos de instalação cabem em um pendrive (692.15 MB), que precisa ter suporte para partições FAT32, e o processo de instalação é bem simples:

  • Faça o download dos arquivos de instalação, direto do site da Jide;
  • Descompacte estes arquivos no seu computador;
  • Insira um pendrive com, pelo menos, 1GB de espaço para armazenamento;
  • No computador, abra o arquivo Remix OS USB Tool e siga as instruções para transformar o pendrive em um disco de inicialização (Boot Disk);
  • Concluído o processo, reinicie o computador em que o sistema será instalado;
  • Durante a reinicialização, clique em F12 (em PCs) ou Option (em Macs), para entrar no Menu de Reinicialização (Boot Menu);
  • Certifique-se de que a opção “USB Storage Device” está ativa como opção de inicialização (“boot option”);
  • Ao iniciar o sistema, opte por “Guest Mode” (modo de visitantes) ou “Resident Mode” (modo de administrador) para iniciar o Remix OS.

O sistema pode ser instalado em qualquer computador (PC ou Mac), seja um desktop tradicional ou um notebooks. O sistema promete, inclusive, dar vida nova a máquinas antigas, que ficavam muito lentas com o uso de versões mais recentes do Windows.

Do nosso ponto de vista, este parecer ser finalmente uma ótima forma de aproveitar as vantagens do sistema Android e seu ecossistema de aplicativos em PCs. Além de possuir um design muito bonito e funcional, o RemixOS é leve e parece se integrar perfeitamente ao uso com o mouse e teclado.

E você o que achou? Conheça mais sobre a Jide e o RemixOS 2.0 na página oficial da empresa.

Nerd e profissional de TI desde que se entende por gente. Gosta de cultura geek e adora escrever sobre tudo um pouco.

Comentários

Mais de Android

Dica

Mais Lidas

Reviews

Cultura Geek

Tutoriais

To Top