Conecte-se conosco
IMG_20130920_112501

Computadores

Testamos: Notebook Dell Inspiron 14R

Tivemos a oportunidade de testar o notebook Inspiron 14R da Dell. O modelo é muito interessante e tem diversos pontos que merecem destaque. Para saber mais, veja os resultados neste review.

IMG_20130920_112501

Tivemos a oportunidade de testar o notebook Inspiron 14R da Dell. O modelo é muito interessante e tem diversos pontos que merecem destaque. Para saber mais, veja os resultados do nosso período de testes:

Visual e Acabamento:

O aparelho é muito bonito. Disponível nas cores vermelho e cinza, possui bordas arredondadas, além da parte externa da tampa e a interna da base (onde fica o teclado e o trackpad), são revestidas com um alumínio escovado (que não deixa marcas de dedos), dando um toque de sofisticação e elegância ao produto.

A tampa não possui trava nem faz um “click”, para indicar o limite de abertura. Se para alguns pode ser um ponto negativo, para outros pode ser positivo, já que o aparelho não te obriga a utilizar a tela em ângulos predefinidos.

A única crítica aqui fica por conta de alguns detalhes que poderiam ter sido melhor observados, como alguns (quase imperceptíveis) vãos entre a carcaça. Nada muito aparente, mas que deixariam o produto com uma cara ainda melhor se fossem corrigidos.

Hardware

O Inspiron 14R possui algumas variações, alternando memória, processador e placa de vídeo. Nessa análise, abordamos o modelo com Core i5, 4GB de Memória e placa gráfica dedicada.

O processador é um Core i5 3337U (Ivy Bridge, com 22nm) que varia de 1.8GHz até 2.7GHz. O sufixo U significa que o processador é Ultra Low Energy (TDP máximo de 17W), ou seja, consome pouquíssima energia. O modelo vêm com 4GB de memória RAM DDR3 e placa gráfica dedicada GeForce 730M com 2GB de memória, além de um HD SATA de 1TB. O conjunto da obra é bem potente e garante que o aparelho não ficará defasado em pouco tempo.

CPUZ copy

Sistema Operacional

O notebook vêm com o Windows 8, a versão mais atual do sistema operacional da Microsoft, o que é um diferencial para quem usa Windows e preza por sempre utilizar softwares atuais. A atualização para o Windows 8.1 deve aterrizar em breve na Windows Store (confira aqui a análise da prévia) e provavelmente os próximos Inspiron 14R virão com essa versão pré-instalada.

Os aplicativos pré-instalados no notebook fizeram a Dell ganhar uma estrelinha no meu coração. Ao contrário de outras fabricantes que lotam o sistema de bloatware (softwares inúteis), os que acompanham o Inspiron 14R são utilitários de backup e diagnóstico de problemas da própria Dell, Skype e o McAfee Live Safe Internet Security (com assinatura premium de um ano), além de uma versão de testes do Microsoft Office 365.

Conectividade

O Inspiron 14R possui duas portas USB 3.0, uma USB 2.0, entrada de cabo de rede (RJ45), conexões wireless e bluetooth, além de uma saída HDMI. A entrada de fones de ouvido é semelhante à de smartphones, onde num só cabo é possível transmitir voz e áudio.

O único ponto negativo (e que deveria ser bem explícito no anuncio do notebook) é que o modelo 2013 NÃO possui saída VGA. Ou seja, sem chance de conseguir conectar o notebook num projetor antigo nativamente. Você vai precisar de um adaptador HDMI/VGA.

IMG_20130828_084323 copy

IMG_20130828_084341 copy

Games & Aplicações Gráficas

Talvez o ponto mais forte do aparelho. O Inspiron 14R consegue rodar a grande maioria dos jogos atuais na resolução nativa (1366×768) com filtros gráficos configurados entre médio e alto. Um dos recursos interessantes é a tecnologia Optimus, da nVidia, que alterna entre a placa gráfica integrada ao processador e a placa gráfica dedicada dependendo do jogo e aplicação. Por exemplo, o game Sonic & Sega All Stars Racing Transformed roda na HD Graphics 4000, já games que exigem maior poder de fogo, como Saints Row: The Third, rodam na GeForce 730M.

A intenção dessa tecnologia é poupar energia ao executar games com o notebook fora da tomada, fornecendo processamento gráfico sob demanda para o jogo ou aplicação, e funciona muito bem. Se preferir, é possível habilitar o uso da GeForce durante todo o tempo de uso – basta alterar uma configuração no painel de controle da nVidia. A placa gráfica integrada é uma Intel HD Graphics 4000 e a offboard, a já citada GeForce 730M. Confira as especificações de cada uma delas:

GeForce 730M

HD Graphics 4000

Performance de jogos no novo Inspiron 14R

Testamos vários jogos no notebook, medindo a quantidade de quadros por segundo (FPS). Os testes foram feitos com o aplicativo Fraps e funcionam da seguinte forma: durante 1 minuto (com ação intensa na tela, in game), capturamos e medimos o desempenho do game no notebook. O notebook conseguiu segurar games relativamente pesados nas configurações média/máxima na resolução nativa de 1366×768 com taxa de quadros por segundo estáveis entre 30 e 60FPS na maioria dos casos. Alguns dos jogos testados foram Resident Evil: Revelations, Tomb RaiderSaints Row The Third, Alan Wake e Alan Wake’s: American Nightmare, Mirror’s Edge, Portal 2, Sonic & All Stars Racing Transformed, Rayman Legends, Rayman Origins e The Walking Dead. Desempenho mais do que satisfatório, na minha opinião.

DICA IMPORTANTE: o notebook possuiu a tecnologia Optimus, da nVidia, que alterna entre a placa de vídeo onboard e a placa offboard automaticamente. Só que em alguns casos (Rayman Legends, por exemplo), o ideal seria o game rodar na placa de vídeo offboard, mas a Optimus “puxa” a onboard e o game pode apresentar lentidões. Para resolver esse problema é fácil:  clique no ícone verde da nVidia localizado na barra de tarefas, próximo ao relógio, com o botão da direita do mouse e selecione Abrir o painel de controle da nVidia. Agora, em configurações globais, na opção Processador gráfico preferido selecione processador nVidia de alto desempenho.

Teclado

O teclado vêm no padrão Brasileiro (ABNT) e possui tecla Ç e tecla dedicada para os caracteres ?, / e °. As teclas possuem um espaçamento excelente e a digitação no aparelho é extremamente confortável (até mesmo para usuários que estão acostumados com teclados de desktop e seus níveis de inclinação. Eu só acrescentaria um teclado numérico dedicado (a ausência é justificável pelo espaço disponível para o teclado, dado o tamanho compacto do notebook) e leds internos de iluminação, que ajudariam a digitar no escuro.

IMG_20130828_084149 copy

Tela

Um dos poucos pontos decepcionantes do Inspiron 14R. A tela infelizmente não é das melhores. Apesar do nível de brilho bom, a resolução é relativamente baixa e dependendo do seu ângulo de visão, as cores ficam lavadas. Esse último aspecto só foi percebido por mim e por um amigo que já é mais experiente com notebooks. Ou seja, se você não é um usuário hardcore provavelmente não vai perceber. Depois de um tempo, você acha o ângulo ideal e se acostuma.

Bateria

O notebook acompanha uma bateria de 6 células. A autonomia de bateria chega a aproximadamente 5 ou 6 horas de uso contínuo, no modo de economia de energia – o processador da série U (Ultra Low Power) e a tecnologia Optimus ajudam nessa economia. Desempenho mais do que suficiente para a grande maioria dos usuários.

Peso e tamanho

Pesando 2,1Kg, achei o aparelho leve, levando em consideração a robustez do hardware. Por ser bem compacto, é possível transportá-lo com frequência sem maiores problemas.

Veredito

O Dell Inspiron 14R, é um notebook incrível, apesar das suas falhas. Se você procura um computador portátil robusto, leve, com boa duração de bateria e que além de tudo permita que você execute games atuais sem lentidão em configurações médias ou altas, acrescente esse modelo na sua lista. O modelo dessa análise custa em média R$2.200,00, com uma versão similar sendo vendida à R$ 1.899,00 na Fnac.

código + música + coisas LGBTQ + gaming

Comentários

Mais de Computadores

Dica

Mais Lidas

Reviews

Cultura Geek

Tutoriais

To Top