Conecte-se conosco
Alcatel One Touch M Pop - OT5020E (184)

Android

Review: smartphone Alcatel One Touch M’Pop (OT 5020E)

Testamos o Alcatel One Touch M’Pop, aparelho dual chip da linha.

Alcatel One Touch M Pop - OT5020E (182)

Quando soube que ia fazer o review do Alcatel One Touch fiquei bem contente,  já tinha lido boas críticas sobre o aparelho e seria excelente poder tê-lo em mãos por alguns dias.  Imediatamente fui ao site da Alcatel para ver as especificações e me preparar para os testes e foi aí que começou a surpresa: descobri que o “One Touch”  é uma bandeira que engloba vários aparelhos, como está sendo feito também por outras marcas. Sim, havia o aparelho topo de linha sobre o qual eu havia lido, mas também muitos outros de configuração média e até dual chip: o One Touch M’Pop (OT 5020E) que recebi para testar.

Se por um lado o aparelho não é o topo de linha da Alcatel, por outro, tem a vantagem de ser dual chip, uma funcionalidade que sempre me atraiu pela praticidade nesses tempos de multilinhas, principalmente porque eu já uso regularmente três linhas. O Showmetech já testou vários aparelhos dual chip, como o Galaxy Gran Duos, o Galaxy S4 Duos (exclusivo para o mercado chinês), o CCE SK504, o Xperia E dual e o Motorola Razr D3  então vamos lá.

LAYOUT E ACABAMENTO

O modelo enviado é em plástico tradicional,  todo preto à exceção dos botões cromados,  borda da lente da câmera e logos que acompanham o padrão cromado ou em prata. A tela de 4 polegadas ocupa a maior parte da frente,  margeada pela borda também preta e bem larga para os padrões atuais.

Fazendo o acabamento entre a frente e o corpo, um aro preto de belo brilho metálico, um cromado preto,  por assim dizer. Confesso que o conjunto, apesar de denotar o posicionamento mid-end do aparelho, tem uma coesão que o deixa mais elegante mesmo usando materiais menos nobres. Há ainda as opções de cores: branco e berinjela (roxo), porém mantendo a frente preta.

O diferencial está no formato das laterais, que se inclinam para fora a partir da tela,  mais pronunciadamente na parte inferior,  medianamente na superior e bem suavemente nas laterais, dando um formato trapezoidal ao celular. Apesar de deixar quinas mais vivas do que estamos acostumados, esse formato incomum não chega a incomodar no bolso, mas dificulta o acesso ao botão “power”,  por exemplo e exige reaprender a segurar o telefone, fazendo ele parecer mais largo do que é. Em compensação, essa exigência faz com que o aparelho fique mais firme durante a operação, o que ajuda a evitar quedas acidentais.

O logo cromado da Alcatel se destaca na frente do telefone,  junto com a proteção metálica do alto falante, ao lado do qual fica a câmera frontal VGA. A larga borda preta inferior esconde os botões “voltar”, “home” e “menu”,  visíveis apenas quando acesos. Na lateral direita apenas uma pequena barra cromada faz as vezes dos dois botões de volume, aumentando ou diminuindo conforme o lugar onde se aperta. Na lateral esquerda apenas a entrada USB e na parte superior a entrada para fones de ouvido e o botão “power”. Na traseira, a câmera de 5 MP, o alto falante viva voz, microfone e o logo “onetouch” fecham o design bem arrumado do aparelho.

Aberta a tampa, primeiramente notei que o segundo chip também fica posicionado embaixo da bateria, portanto é impossível trocá-lo sem desligar completamente o aparelho,  o que vai à contramão da maioria dos aparelhos dual chip que tenho visto,  que tem acompanhado uma tendência de posicionar o segundo chip de forma que possa ser facilmente trocado  bastando, no máximo,  abrir a tampa traseira.  A bateria,  de Litium, é de 1400 MAh e parece adequada ao tamanho do aparelho.

Já no que tange ao layout do Android, a Alcatel fez um bom trabalho, usando como base os quadrados, seguindo uma inegável tendência dos “tales” e conseguiu fazer um Android com ares modernos, bem definidos e com personalidade própria. Dentro dos aplicativos, um visual clean facilita o uso e deixa o aspecto mais agradável.

ACESSÓRIOS

Checado o material que acompanha o aparelho,  o acabamento do carregador e cabo USB já o posicionam como mid-end antes mesmo de ligar o aparelho. O aparelho vem com o kit padrão:  aparelho,  bateria, tampa traseira,  carregador com conector USB e cabo USB que faz as funções de cabo de carregamento e de conexão USB, fones de ouvido intra-auriculares e os manuais. Dentro do aparelho um brinde:  um cartão de memória de 2GB.

DISPLAY

A tela do M’Pop é TFT capacitiva de 4.0 polegadas, WVGA, 16 milhões de cores contando com 480×800 pixels (densidade de aprox. 233 PPI), proporcionando uma usabilidade muito boa, imagens claras e uma boa experiência de toque. Não há Gorilla Glass.

VELOCIDADE E DESEMPENHO

O aparelho usa chip MTK 6575 de 1GHz que permite desempenho dentro do esperado, mesmo para exibição de vídeos. Durante os testes, não foram notados engasgos para o uso mediano e um pouco mais pesado quando foram usados vários aplicativos ao mesmo tempo.

APLICATIVOS

Além dos aplicativos tradicionais do Android, naturalmente há sempre os aplicativos proprietários, esses odiados pelos puristas e às vezes amados pelo usuário regular. A Alcatel até foi econômica na hora de colocar aplicativos próprios no aparelho, entre os quais destacamos o One Touch Cloud Backup para armazenamento nas nuvens do backup do aparelho, o Memorandos que possibilita fazer memorandos escrevendo diretamente na tela usando o dedo mesmo e um app para atualização de sistema (que, mesmo direcionando para a atualização tradicional do Android, pode indicar a intenção da Alcatel em manter os sistemas o mais atualizados possível).

Na contramão dessa economia, há os aplicativos de terceiros pré-instalados e são diversos. Destacamos positivamente o Evernote e o Swipe, mas há uma variação de jogos e aplicativos que devem ter foco especial no publico teen, como Skitch, Picsay e Shark Dish.

CÂMERA E REPRODUÇÃO DE VÍDEO

O One Touch M’Pop vem equipado com câmera dianteira VGA e traseira de 5MP, confirmando seu posicionamento mid-end. A câmera vem equipada com modo noturno de captura, mas não há flash. A qualidade das fotos é mediana a boa, como pode ser visto em algumas imagens feitas com o aparelho em condições normais de luminosidade e uso padrão. Não há função macro, portanto esqueça aquele mega close na flor ou no na rolha do seu novo vinho preferido.

Na foto abaixo, tirada propositadamente contra a luz e no modo automático, vê-se que a câmera conseguiu compensar razoavelmente, embora isso não tenha ficado claro na tela do aparelho. Mais fotos na galeria no fim do post.

Alcatel One Touch M Pop - OT5020E (177)

Há ainda os modos de foto panorâmica e 360 graus, muito interessantes em viagens.

REPRODUÇÃO DE SOM E VOZ

As ligações são de boa qualidade, desconsiderando problemas de operadoras; os sons são cristalinos, o viva voz reproduz bem voz e sons e o volume é até bastante alto. Para uso em lugares públicos é preciso moderação e bom senso, pois certamente incomodará outras pessoas se for ligado no máximo.

ARMAZENAMENTO

O One Touch M’Pop vem com 512MB de Ram e armazenamento de 4GB, sendo 2GB ocupados pelo Android e apenas os outros 2GB livres para o usuário. Por outro lado, apesar de vir com um cartão de memória de 2GB, o aparelho aceita cartões de até 32GB, o que dá uma boa capacidade ao aparelho. Dado o pequeno espaço disponível na memória, vale mais uma vez lembrar que usar apenas o necessário da memória de qualquer aparelho garante sempre o melhor funcionamento e desempenho.

Recomendamos escolher os aplicativos úteis que deverão ser mantidos no aparelho e lembrar sempre de desinstalar “aplicativos-mortos”, aqueles que às vezes baixamos, deixamos de usar e depois esquecemos no aparelho, ocupando memória desnecessariamente.

Mesmo vindo com a versão 4.1.1 do Android, existe a possibilidade – para os aplicativos que foram programados para isso – de transferir esses para o cartão de memória em “Configurações/Aplicativos” clicar no aplicativo e em “Mover para o Cartão de Memória”, que estará ativo nesse caso, friso: só os apps preparados para isso.  Testei com o aplicativo QR Droid (19 MB) e funcionou. Um alívio importante para donos de aparelhos com pouca memória interna como o Alcatel One Touch M’Pop.

DURAÇÃO DA BATERIA

Na contramão das telas super definidas e super consumidoras de bateria da atualidade, o M’Pop vem com tela TFT, que garante boa visibilidade, imagens cristalinas e bem definidas, mas com consumo bem menor, isso faz com que a bateria de 1400 MAh tenha força para durar mais de 30 horas. Nos testes, consegui com certa facilidade chegar a um dia e meio de duração, em uso regular.

FREQUÊNCIAS E DADOS

Segundo o próprio fabricante, o One Touch M’Pop vem com: GSM 1900/850/1800/900 e UMTS 900/2100, conecta-se para dados por Bluetooth, Wi-Fi e USB 2.0, além de estar equipado com A-GPS e G-sensor.

TELEFONANDO

Importante detalhar aqui, pois estamos utilizando um dual. Os melhores Dual Sim são os chamados Full Active (DSFA), onde é possível receber uma ligação em cada chip ao mesmo tempo. Ao contrário do que parece, isso não é o mais usual nos aparelhos dual chip, que normalmente são Dual Sim, Dual Standby (DSDS), ou seja: os dois chips ficam ativos desde estejam em Standby, mas uma vez que um esteja em ligação o outro não estará ativo. O M’Pop é Dual Standby

Fiz o teste e no caso do One Touch M’Pop, estando em uma ligação e recebendo a segunda na outra linha, esta fica com sinal de espera até que o usuário termine a primeira, quando toca imediatamente, isso se quem lhe ligou ainda estiver esperando, claro.

Outro aspecto a observar é que ele vem de fábrica com um ajuste para escolher o chip do slot 1 como principal e se o usuário não se atentar para isso poderá gastar seus créditos rapidinho.

É preciso ir em “Configurações/Gerenciamento de SIM/Chamada de Voz” e escolher a opção “Perguntar Sempre” para que o aparelho não direcione automaticamente as ligações.

Feito isso vem o novo desafio que é se acostumar a dois toques para cada ligação, um no grande botão verde de ligar e o outro quando aparece a segunda tela para escolher a partir de qual chip se pretende ligar.

Aqui a Alcatel poderia ter um pouco mais de cuidado com os detalhes, é perfeitamente possível colocar logo na primeira tela dois botões de ligar, um para cada chip, possibilitando ao usuário processar a ligação em um só toque e diretamente para a linha de sua preferência.

Parece pouco, mas faz muita diferença quando se precisa de uma série de telefonemas em sequência, situação bem comum num dia normal de trabalho.

PREÇO E DISPONIBILIDADE

Procurando nas principais lojas virtuais, encontrei-o apenas em duas lojas, também tive dificuldade em encontrar esse aparelho em lojas físicas, embora o preço esteja na casa dos R$ 600,00, parece ser um bom competidor nesta faixa do mercado. Na loja virtual do Walmart é possível comprar o Alcatel por R$ 599,00.

PONTOS POSITIVOS

  • Tela com boa definição, proporciona imagens claras
  • Bateria com boa durabilidade
  • Teclado Swipe nativo
  • Botões bem posicionados e objetivos
  • Facebook e Twitter nativos e integrados

PONTOS NEGATIVOS

  • Acabamento plástico
  • Tela de tamanho médio, faz com que usar o teclado na posição vertical seja um desafio de precisão
  • Pouco espaço de memória
  • Acesso ao segundo Sim Card apenas se retirar a bateria

CONCLUSÕES

Nota-se o cuidado que a Alcatel teve no tratamento do Android e nos aspectos externos do aparelho, dando à versão preta testada um visual clássico e elegante, mesmo sendo um aparelho mid-end. No entanto, o pouco espaço livre certamente vai limitar seu uso. Adicionalmente, o aparelho, como a marca em si, merecia estar mais bem disseminada nas lojas virtuais e físicas. A Alcatel também precisa melhorar as traduções no seu site brasileiro, há uma mescla de português e inglês que confunde o usuário em busca de maiores informações.

GALERIA

ESPECIFICAÇÕES

GERAIS

2G

GSM 850 / 900 / 1800 / 1900

 

GSM 850 / 900 / 1800 / 1900 – OT-5020D (SIM 1 & SIM 2)

3G

HSDPA 900 / 2100

 

HSDPA 850 / 1900 / 2100
HSDPA 850 / 1700 / 1900 / 2100

SIM

Dual SIM (Mini-SIM)

Lançamento

Janeiro de 2013

APARELHO

Dimensões

121.5 x 64 x 11.8 mm

Peso

136.5 g

TELA

Tipo

TFT capacitiva touchscreen, 16M de cores

Tamanho

480 x 800 pixels, 4.0 polegadas

Multitouch

Sim

SOM

Alertas

Vibração; MP3 ringtones

Viva Voz

Sim

MEMÓRIA

Memory Card

microSD, até 32 GB

Memória interna

4 GB, 512 MB RAM/ 1 GB RAM (only OT-5020W model)

DADOS

GPRS

Sim

EDGE

Sim

Velocidade

HSDPA, 7.2 Mbps; HSUPA, 5.76 Mbps

WLAN

Wi-Fi 802.11 b/g/n, Wi-Fi Direct, Wi-Fi hotspot

Bluetooth

Yes, v4.0 with A2DP

USB

Yes, microUSB v2.0

CÂMERA

Primária

5 MP, 2592 x 1944 pixels, autofoco

Vídeo

Sim, [email protected]

Secundária

VGA

APLICATIVOS

SO

Android OS, v4.1 (Jelly Bean)

Chipset

MTK 6575

CPU

1 GHz

Sensores

Acelerômetro e proximidade

Rádio

FM

GPS

Sim

JAVA

Sim

 BATERIA  Li-Ion 1400 mAh battery

Trader, Empresário e Administrador. Recifense aficionado pelo mundo High Tech, sempre tentando unir as mais novas tecnologias à melhoria da dura realidade diária e, como nem tudo é bite ou concreto, aficionado por carros antigos.

Comentários

Mais de Android

Dica

Mais Lidas

Reviews

Cultura Geek

Tutoriais

To Top