Connect with us

Android

Review: tablet LG G Pad 8.3

Aguardamos ansiosamente a chegada desse gadget para nossos testes. Este que promete ser um sucesso de vendas. Leveza, elegancia, portabilidade, hardware potente, e uma impressionante tela de 8.3 polegadas com resolução Full HD+ (1920×1200), fazem do G Pad um forte concorrente na acirrada briga pela preferencia dos consumidores.

LG G Pad 8.3

Primeiras impressões

Aguardamos ansiosamente a chegada desse gadget para nossos testes. Ele promete ser um sucesso de vendas. Leveza, elegância, portabilidade, hardware potente e uma impressionante tela de 8.3 polegadas com resolução Full HD+ (1920×1200), fazem do G Pad um forte concorrente na acirrada briga pela preferência dos consumidores. Uma novidade na disputa com os tablets da Samsung Galaxy Note 8 e Galaxy Tab 3 8.0, e com o Apple iPad Mini.

A LG investiu pesado para desenvolver um tablet de alta performance, portabilidade, preço razoável e uma  rica experiência multimídia.

Veja abaixo o review em vídeo, mostrando suas principais características:

LG G Pad 8.3 pode ser encontrado no varejo ou em lojas virtuais como Walmart , Ricardo Eletro e Extra por valores que variam entre R$ 917,15  e  R$ 1.099,00

Especificações

Processador/Chipset (CPU)          Qualcomm APQ8064 Pro Snapdragon 600 / Quad-core 1.7 GHz Krait 300
Placa gráfica (GPU)  Adreno 320
Memória RAM /Armazenamento  2GB de RAM/ 16GB de armazenamento (12GB disponíveis) + Micro SD até 64GB
Tela  8.3″ Capacitiva Multi-touch LCD IPS Full HD+ (1920×1200) / Densidade 273dpi
Câmeras  Principal 5MP Auto-foco, sem flash, HDR, vídeo 1080p / Frontal 1.3MP, 720p
Conectividade  Wi-Fi N, Wi-Fi Direct, DLNA, Miracast (Espelhamento de tela), NFC, Bluetooth 4.0 LE, GPS (GLONASS), giroscópio, acelerômetro, sensor de luz ambiente e infravermelho
Tamanho  216,8 x 126,5 x 8,3 mm
Peso  338g
Audio  2 alto-falantes Estéreo Dolby Digital Audio
Bateria  Li-Po 4600 mAh não removível

Design e Construção

A LG foi bem discreta no quesito design do LG G Pad e preferiu seguir o padrão de layout dos smartphones. Por isso, o G Pad 8.3 foi projetado para ser utilizado no modo retrato, ou seja, na posição vertical. Mas o aparelho é bastante confortável quando usado na horizontal por conta da proporção um pouco mais quadrada da tela. Apesar de simples, o design se mostra bastante funcional. As bordas estreitas facilitam o manuseio do tablet segurando-o apenas com uma das mãos.

A unidade recebida para testes veio na cor branca, com a traseira em alumínio prateado fosco, mas está disponível na cor preta. Seu corpo mede 216,8mm de comprimento, 126,5mm de largura e apenas 8,3 mm de espessura. As dimensões tornam o tablet bastante fino e com uma boa “pegada”. O tamanho intermediário do G Pad 8.3 o torna bastante portátil e discreto, mas não pense que ele cabe em qualquer bolso.

A parte frontal do dispositivo é bem aproveitada, sendo quase totalmente ocupada pela tela. O acabamento é muito bom e pode até ser considerado premium, especialmente por conta da traseira feita em alumínio fosco. Além de conferir um visual elegante, o metal ainda ajuda na dissipação do calor durante atividades mais intensas.

Na parte da frente  encontramos apenas um sensor de luminosidade e a câmera frontal, portanto, nada de teclas. Na parte superior, ficam o conector de áudio P2 (3,5mm), o slot para cartão Micro SD e o transmissor de infravermelho. A lateral esquerda é vazia, sem teclas ou conectores. No lado direito ficam o botão Power e os controles de Volume. Na parte inferior, temos o conector Micro USB, que serve tanto para carga, quanto para transferência de dados, e um microfone. Por último, na parte traseira, fica a câmera principal e os 2 alto-falantes que reproduzem áudio estéreo.

Galeria de fotos

Este slideshow necessita de JavaScript.

Conectividade

A LG não poupou esforços para garantir ao consumidor o que há de melhor e mais recente em termos de conexões e sensores. Em vez de começar dizendo as conexões que o LG G Pad possui, é mais fácil dizer a única conexão que lhe falta. O tablet não tem slot para SIM/MicroSIM, portanto, nada de conexão de internet móvel 3G ou 4G. Isso não é exclusividade da unidade enviada para nossos testes. Atualmente, não existem modelos fabricados do G Pad 8.3 que atendam esta demanda.

Sentimos a ausência do NFC, mas no restante, temos quase tudo: Wi-Fi N, Wi-Fi Direct, DLNA, Miracast (Espelhamento de tela),  Bluetooth 4.0 LE, GPS (GLONASS), giroscópio, acelerômetro, sensor de luz ambiente e até infravermelho.

Isso mesmo. Quando falamos dessa tecnologia, os mais antigos podem lembrar-se das antigas agendas eletrônicas e PalmTops. Pode parecer nostálgico, mas transmissores infravermelhos são usados até hoje nos controles remotos. E foi exatamente por isso que a LG o incluiu no G Pad 8.3.

O transmissor infravermelho, juntamente com um software chamado Quick Remote, através de controles pré-configurados, controla vários modelos de controles remotos das TVs, DVDs e BluRay Players das marcas mais conhecidas. É bem útil para quem tem vários aparelhos na sala, mas acaba em desuso para quem tem apenas uma TV, como é o meu caso.

As conexões com os satélites por GPS foram rápidas e precisas para qualquer aplicativo que utilize sua localização, principalmente devido ao GLONASS (sistema de posicionamento por satélites russos). O Bluetooth 4.0 LE é o que existe de mais novo no mercado, proporciona a transmissão de áudio estéreo e baixo consumo de energia em conexões constantes.

A conexão por Bluetooth se mostra bem útil na utilização do aplicativo QPair, que já vem pré-instalado, e faz a sincronização das notificações recebidas no smartphone. Neste pareamento, onde o aplicativo também deverá ser instalado no smartphone, faz com que o usuário seja avisado das ligações recebidas, e possa até mesmo responder mensagens através do tablet. Pelo QPair é possível também compartilhar a conexão 3G ou 4G do seu telefone, quando não há uma conexão Wi-Fi por perto.

Através o Wi-Fi Direct é possível transferir arquivos de mídia para outro gadget com a mesma tecnologia, como um vídeo de grande tamanho, com altas taxas de transferência. Fazendo uso dessa mesma conexão é possível também compartilhar conteúdo multimídia diretamente com sua Smart TV, mesmo sem um roteador Wi-Fi, seja por transmissão de áudio e vídeo, como também pelo Espelhamento de Tela, chamado Miracast.

Ainda no quesito conectividade, temos as interessantes funções USB Host, ou OTG (On-The-Go) e Armazenamento Sem Fios. Esta opção permite conectar pendrives diretamente ao tablet pela porta Micro USB, utilizando um adaptador, ou por pendrives que já possuam conexão Micro USB. Já a outra função permite compartilhamento de arquivos através da rede  sem-fios, exatamente como fazemos num grupo de trabalho Windows, acessando o LG G Pad através de endereços de rede padrão UNC (\\g_pad).

O conector Micro USB ainda conta com o protocolo Slim Port, algo semelhante ao MHL, comumente presentes nos aparelhos da Samsung. Utilizando um adaptador específico Micro USB-HDMI (Slim Port), é possível transmitir vídeo e áudio do G Pad diretamente via cabo para qualquer TV, ou monitor que possua entrada HDMI. A conexão física responde melhor, principalmente em jogos, e será útil caso sua TV não possua conexão wireless.

Tela

A tela multi touch de 8.3 polegadas é um capítulo à parte. Com uma resolução de 1920×1200, é superior á Full HD, chamada de Full HD+, apresenta um aspecto menos alongado, mais quadrado. Isso torna mais confortável a visualização na horizontal. O tamanho também agrada, parece muito maior dos que as apertadas telas de 7 polegadas presentes na maioria dos tablets do mercado. A sensibilidade e resposta ao toque é muito boa, chegando a ser acionada mesmo sem chegar a tocá-la, apenas aproximando a ponta dos dedos.

A tecnologia empregada nessa generosa tela é a IPS LCD, com ótimos 276ppi. Apesar de não ser uma Retina, ou Super Amoled, a tela do LG G Pad 8.3 é capaz de reproduzir cores vivas nos mais variados ângulos. Os tons escuros, ou pretos, são bem definidos, semelhantes ao que vemos nas telas Amoled. Mesmo em ambientes muito iluminados, e sob o sol, há uma boa visibilidade. Seus pixels são quase que imperceptíveis, somente podem ser notados posicionando o tablet bem próximo aos olhos.

G-Pad-Tela-Pixels

Qualidade da tela – Pixels

A tela de 8.3 polegadas é excelente para leitura de páginas da internet e livros eletrônicos. Para essas tarefas, considero a tela dos iPads mais confortáveis, devido á proporcão quase que totalmente quadrada (4:3). Toda a qualidade e resolução dessa bela tela realmente ganham destaque na visualização de fotos e vídeos.  Assistir um filme em Full HD, ou ver suas fotos de viagem, com certeza será uma grata experiência.

Sistema Operacional e Recursos

O sistema operacional pode não ser o mais atual, mas se trata de uma versão não tão antiga, a 4.2.2 do Android Jelly Bean. A LG promete a atualização para a versão mais recente, a Kit Kat em breve. Mas isso não chega a ser um problema.

O LG G Pad proporciona uma experiência de uso bastante fluida, com transições suaves, sem lags ou travamentos em qualquer momento. Mesmo assim, algumas coisas acabaram incomodando um pouco. O launcher/interface chamado de Optimus UI, é bem parecido com o Touchwiz da Samsung, que é desafeto de uma grande parte dos usuários. Essa interface usada pela LG é muito carregada, o que torna um pouco confuso encontrar seus apps. Algumas vezes, ao alternar entre a gaveta de aplicativos e a Home Screen, há uma irritante demora de alguns segundos. Mas, como nada é tão ruim quanto parece, esse pequeno problema é facilmente contornado substituindo o launcher padrão pelo Nova Launcher, ou outro de sua preferência.

Para a alegria dos entusiastas do “Android Puro”, conforme já noticiado pelo Showmetech, existe uma versão Google Play Edition do LG G Pad 8.3. Essa versão, semelhante à linha Nexus do Google, que não é comercializada na Play Store brasileira, já vem de fábrica com a versão mais recente,o Android Kit Kat. Isso por si só já garante um sistema mais “leve”, mais atualizado e, com maior performance. A má notícia é que, junto com a interface Optimus UI, também se vão as interessantes features (recursos) e softwares exclusivos, que analisaremos em seguida.

Também temos muitos apps pré-instalados, muitos deles são redundantes á funções já presentes nativamente no Android, como por exemplo, os apps de Calendário e Backup. Outros são totalmente dispensáveis.

Mesmo assim temos alguns recursos interessantes, como efeitos de desbloqueio de tela, rotação da orientação da tela na tela de bloqueio e Home Screen. Também há função de Pause/Play automáticos de vídeo e, bloqueio do desligamento da tela baseados na detecção dos olhos. Outro recurso que merece destaque é o Knock On, que liga e desliga a tela com dois toques rápidos no centro dela, economizando assim o pressionamento excessivo da tecla Power.

A LG também inclui na sua interface vários atalhos úteis e toggles (ajustes rápidos) na barra de notificações. Também é possível alterar o tema, tamanho da fonte, e até mudar a ordem, a cor e os botões da barra de navegação.

Notificações, Apps e Home

Notificações, Toggles, Home Screen e Apps

Achamos interessantes os apps como o Quick Memo permite desenhar, anotar, ou recortar sobre qualquer tela. O Quick Translator usa a câmera para capturar e traduzir textos impressos com boa precisão em muitos idiomas. Também já vem pré-instalado a suite Polaris Office.

Outros recursos interessantes são voltados à produtividade e multitarefa. Uma delas o QSlide, que permite o uso simultâneo de múltiplos aplicativos na tela, com a praticidade de ajustar o tamanho e a transparência de até duas janelas  QSlide, que ficam “flutuando”na tela, como janelas:

Já o Slide ASide alterna entre até três aplicativos, de forma organizada por abas. Essa função é ativada deslizando 3 dedos na horizontal da tela:

Câmeras

Como já era de se esperar, esse é um aspecto que o G Pad não se destaca.  Apesar de particularmente não achar que um tablet é o mais indicado para fazer fotos ou vídeos, suas câmeras podem ser úteis em diversas outras funções, como escaneamento de QR Codes e textos ou para vídeo chamadas.

A qualidade das fotos de modestos 5MP é apenas razoável em ambientes bem iluminados. Já em ambientes pouco iluminados, ou á noite, as imagens ficam granuladas, principalmente devido a ausência de flash. Mesmo assim, o app de câmera possui vários recursos e ajustes interessantes. O foco automático e o disparo são bem rápidos. Veja algumas fotos feitas com a câmera principal:

A câmera frontal de 1.3MP é básica, mas suficiente para fazer suas vídeo chamadas, mas não é a ideal para fazer aquela sua “selfie”.

Já os vídeos surpreendem, para um tablet. A câmera produz imagens nítidas em Full HD, e com boa taxa de frames. A LG incluiu um recurso que permite pausar o vídeo, e retomar a gravação no mesmo arquivo. Fizemos um teste de gravação, que você pode conferir abaixo:

Multimídia

Segundo a LG, o G Pad vem equipado com um sistema de som com “qualidade de dockstation”. Apesar de soar um pouco exagerado, ele tem mesmo. Não podemos negar que não tem um volume igual as dockstations mais conhecidas do mercado, mas a qualidade sonora é realmente excelente. São 2 alto-falantes estrategicamente posicionados na parte traseira, numa posição que não são tampados com as mãos e reproduzem o efeito Dolby Digital Audio estéreo. Isso mesmo: som estéreo de alta qualidade e bom volume, que não distorce e permanece agradável mesmo com volume elevado.

Ter um LG G Pad 8.3 para assistir seus filmes e seriados favoritos em HD, ou mesmo acompanhar seus canais preferidos no Youtube, é diversão garantida. A alta qualidade e resolução da tela, aliados ao potente sistema de som, propiciam uma experiência muito interessante. O som se sai melhor ainda com fones de ouvido e boa qualidade.

No pacote multimídia, ainda temos o Miracast. Essa funcionalidade de espelhamento de tela, é muito útil para curtir seus filmes, músicas e fotos prediletas numa tela grande. Essa tecnologia foi testada espelhando a tela do tablet em uma Smart TV Sony Bravia W655 de 42 polegadas, com excelentes resultados. O compartilhamento de conteúdo como vídeos, músicas e fotos por meio do DLNA também funcionou igualmente bem. Também é possivel sinconizar apps da Smart TV, como Youtube e Netflix com os do tablet.

Além da conexão sem-fio, a porta Micro USB possui o Slim Port, que conforme já foi citado anteriormente, por meio de um adaptador pode conectar o tablet diretamente á entrada HDMI da sua TV.

Bateria

A duração da bateria de 4600mAh impressiona. Durante os testes, a carga da bateria facilmente chegou a durar mais de 2 dias, em uso leve ou moderado. Isso compreende navegação na internet Wi-Fi, acesso á redes sociais, visualização esporádica de vídeos e leitura de e-books.

Usando o tablet para assistir vídeos em Full HD armazenados na memória interna e com a tela no brilho máximo, o tempo de uso até zerar a carga foi de aproximadamente 3:50 horas. Assistindo vídeos também em qualidade HD no Youtube, obtivemos resultados bem melhores, ultrapassando a marca de 5 horas.

Não pudemos realizar um teste tão longo em jogos com gráficos pesados, mas acreditamos que a duração da bateria nesses casos seja bem semelhante ao tempo de quase 4 horas obtido na execução de vídeos Full HD. Durante uma sessão de jogos de aproximadamente 1 hora, rodando Dead Trigger 2, Need For Speed – Most Wanted e Real Racing, foram consumidos entre 25-30% da carga da bateria.

O carregador de 2 mAh, que vêm na caixa, consegue carregar a bateria totalmente em pouco tempo.

Como na grande maioria dos tablets, a bateria também não é removível, mas isso não chega a ser um problema, pois o G Pad 8.3 faz tudo isso sem abrir da leveza e da elegância.

Desempenho

Como diria nosso autor Diego Toda, o G Pad é praticamente um Galaxy S4. Com sua CPU Qualcomm Snapdragon 600 quad-core de 1.7GHz (Krait), 2GB de memória RAM e GPU Adreno 320, esse tablet entra no segmento de alto desempenho.

Toda essa potência é traduzida em excelente desempenho multimídia e em jogos.

Falando em games, a performance é excelente mesmo em títulos que possuem gráficos pesados, conforme comprovamos testando alguns dos jogos mais recentes, como Dead Trigger 2Need For Speed – Most Wanted e Real RacingNão houve nenhum lag, travamento, ou engasgo ao rodar qualquer um deles. Dessa forma, podemos afirmar que o LG G Pad dará conta de rodar qualquer jogo atual para plataforma Android, sem nenhum problema.

Apesar de acreditarmos muito mais na experiência de uso do que nos benchmarks, também rodamos dois dos testes mais conhecidos para Android, o Quadrant e o AnTuTu. Veja os resultados abaixo:

Testes com Quadrant e Antutu Benchmark

Testes com Quadrant e Antutu Benchmark

Agora falando em experiência multimídia, testamos alguns filmes em resolução Full HD, também sem nenhum problema ou travamento. É importante notar que, mesmo após algumas horas de uso, executando jogos e vídeos que exigem bastante do equipamento, a temperatura se mostrou bastante satisfatória, fato um pouco raro quando falamos em dispositivos móveis de alta performance. Essa qualidade em parte se deve ao material de construção da parte traseira, que é feita em alumínio, que acaba ajudando na dissipação do calor gerado pelo alto processamento, e ao bom gerenciamento de energia que alimenta o conjunto CPU-GPU.

No uso geral, o desempenho é bastante fluído. Ações comuns como ligar, desligar, desbloquear a tela, navegar na internet, pesquisar e abrir seus aplicativos, funcionam sem atrasos e sem prejudicar a produtividade.

Preço e disponibilidade

O LG G Pad 8.3 pode ser encontrado facilmente no varejo ou em lojas virtuais como Walmart , Ricardo Eletro e Extra por valores que variam entre R$ 917,15  e  R$ 1.099,00

Conclusão

Com certeza esse é um gadget que vale o investimento. O G Pad proporciona o equilibrio entre preço razoável e excelente qualidade. Além de ser um concorrente à altura aos demais tablets da sua categoria, como Galaxy Note 8 e iPad Mini, acreditamos que ele até mesmo seja capaz de ameaçar o reinado dos tablets de categoria superior, como os Galaxy Tab 10.1 e iPads.

Como único ponto negativo significante, apontamos a ausência de uma versão com conexão móvel, o que pode frustrar alguns usuários que necessitam estar conectados todo o tempo.

Se você procura um tablet muito portátil, com alto desempenho, tanto para entretenimento, quanto para produtividade, o G Pad 8.3 certamente será uma boa escolha.

Analista de Suporte em TI, entusiasta da tecnologia, principalmante sistemas móveis. Usuário de tecnologia móvel desde as agendas eletrônicas, Palmtops e Walkmans.

Comments

Dica

Mais Lidas

Reviews

Cultura Geek

Tutoriais

To Top