Conecte-se conosco
Logomarca e Slogan do Rizzoma

Android

Rizzoma: evolução do “Google Wave” chega ao Android

Quem se lembra do Google Wave? Certamente, foi uma das coisas mais empolgantes anunciadas em 2009. Mesmo após ser descontinuado pelo Google, foi publicado em open-source e acabou se tornando o Rizzoma. Depois de alguns anos evoluindo somente como uma aplicação Web, acaba de ser lançada a primeira versão do aplicativo para Android e em breve chegará também para iOS. Baixei pelo Google Play e fiz uma breve análise do que tem a oferecer e o que mais me incomodou.

Antes de mais nada, olá! Sou Erick Petrucelli, professor na área de desenvolvimento Web, especialista em Gestão de TI e louco por tecnologia. Esta é minha primeira contribuição aqui e vou fazer o possível pra sempre agregar com um pouco do meu conhecimento em Android, Windows, games e o que mais for possível.


Logomarca e Slogan do Rizzoma

Quem se lembra do Google Wave? Certamente, foi uma das coisas mais impressionantes anunciadas em 2009. E daquelas coisas que perdem a empolgação bem rápido, a ponto de “morrer”. Seu “falecimento” foi anunciado aqui em 2011, juntamente com outros serviços do Google que estavam sendo descontinuados naquela época.

Este “morrer” é entre aspas mesmo, pois o Google interrompeu o Google Wave mas tornou seu código open-source. Em pouco tempo, surgiram alguns pensando em como continuar (e capitalizar) com o serviço. Bastante gente lutou contra o fim do serviço, então parece que realmente existia algum público-alvo que queria mantê-lo.

Dentre estas tentativas, destaca-se o Rizzoma, que surgiu como uma evolução direta do Google Wave (suas primeiras versões eram praticamente com o mesmo layout inclusive), seguindo a mesma linha de mensagens públicas e colaborativas, em tempo real, através do navegador.

Posteriormente, modificaram o layout, criaram novos recursos (mapas mentais, por exemplo, que eu adoro) e começaram a oferecer planos corporativos para empresas que desejam adotar a estrutura do serviço para comunicação, reuniões remotas, brainstorms, ou sei lá mais o que. Eu particularmente já usei o serviço com uma equipe remota para brainstorm em um projeto e achei bem interessante. Na verdade, é o único uso prático que fiz nele, mas fica a dica.

Enfim… Até hoje, o Rizzoma tinha permanecido restrito aos navegadores Web. Mas saiu hoje a versão do app para Android. O e-mail de divulgação enviado pela Natalia Kazachenko, uma “embaixadora” da empresa, informa:

Estamos excitados em anunciar o aplicativo móvel da ferramenta colaborativa Rizzoma. Está finalmente lançado! Por enquanto, é apenas para Android, mas a versão para iOS está chegando em breve.

Como já havia usado a versão Web e ficado satisfeito para a necessidade citada, fui conferir a versão Android. Baixei e instalei rapidamente em meu Galaxy Nexus (o aplicativo é pequeno) e fui dar uma olhada.

Tela Principal do aplicativo Rizzona

As abas no topo da tela inicial são exatamente as mesmas existentes na versão Web, o que facilita pra quem já está acostumado, e não causa nenhum daqueles espantos de “nossa, que inovador!“. Também é meio desanimador abrir o aplicativo e não ver nenhuma mensagem de boas-vindas ou de exemplo pra incentivar o usuário a começar. A tela inicial só mostra tópicos que já estávamos seguindo por ter participado publicamente na versão Web (na imagem, um único tópico que acompanhei). Como esse não deve ser o cenário comum, suponho que não encontrar nada na tela principal pode ser um pouco “chato” e espante algumas pessoas que estiverem pensando em iniciar no Rizzoma justamente pelo app para Android.

De cara também dá pra perceber que não está traduzido para o português. Acredito que isto seja algo temporário, até por que eles vêm utilizando a própria ferramenta para abrir discussões sobre como traduzir determinados textos em outras línguas. Inclusive, a imagem abaixo é de uma dessas discussões sobre termos traduzidos para o site oficial. Comentei esta discussão questionando sobre a tradução do aplicativo Android, mas por enquanto ninguém comentou.

Tela de Postagem do aplicativo Rizzona

O acompanhamento das postagens está legal e fácil de usar. Cada parágrafo pode ser expandido e comentado detalhadamente, em níveis infinitos. Ao mesmo tempo em que pode ser um pouco confuso de primeira, é muito útil neste contexto de colaboração ao trocar ideias.

O que incomodou mesmo foi o tamanho pequeno dos componentes da interface, principalmente dos links e botões. Na verdade, fica bem nítido que não é um aplicativo nativo, mas sim um daqueles aplicativos em HTML5 encapsulados por algum PhoneGap da vida, que não foram realmente planejados pra telas pequenas, mas apenas adaptados.

Além disso, um dos recursos mais “inovadores” na época do Google Wave era o fato de você ir digitando e cada letra já aparecia pra outra pessoa em tempo “real”, não existe nessa versão pra Android. Sua resposta vai quando você aperta o botão Reply, como qualquer comunicador “normal”. Mas sinceramente, isso faz sentido e foi algo que me deixou feliz. Quem iria querer ficar gastando seu pacote de dados pra enviar palavras que provavelmente acabaria querendo revisar/apagar antes de mandar?

Resumindo, sugiro a ferramenta pra quem costuma trabalhar remotamente ou estava buscando algo do tipo para proporcionar debates, reuniões, discussões, levantamentos de opiniões, brainstorm. Não tem muitos usos além disso (na minha opinião), mas vale o teste.

Baixe pelo Google Play e tire suas próprias conclusões sobre a utilidade ou não deste aplicativo. Deixe um comentário com suas opiniões.

Professor na área de Engenharia de Software com enfoque em Desenvolvimento Web e Mobile. Mestre em Engenharia de Produção e Especialista em Gestão de Tecnologia da Informação. Louco por tecnologia de maneira geral, principalmente sobre as plataformas Android e Windows. Grande apreciador de Games nas horas vagas.

Comentários

Mais de Android

Dica

Mais Lidas

Reviews

Cultura Geek

Tutoriais

To Top