Conecte-se conosco

Android

Steve Jobs ataca Google e recebe resposta

Steve Jobs se juntou a uma chamada sobre os ganhos da Apple, e aproveitou o momento para descascar as fúrias no Android. Foram cinco minutos de fúria em que ele disse tudo que o Android tem de errado, e falou sobre como a Apple reverte essa situação e seus i*evices. Ele falou sobre a abertura do sistema, que não é nem de longe boa, pois existem centenas de versões de sistemas (ele deve estar contando os MODs certo?), sobre o Market e os outros Markets que vão ser feitos (Amazon, Verizon), e foi falar do Tweetdeck também. De onde ele tirou tudo isso eu não sei, e o que o Tweetdeck tem a ver com tudo isso. Siga o link para ouvir a gravação e ver as respostas bem dadas ao CEO “eu sei o que as pessoas querem.”

Uma coisa ele conseguiu no entanto: fez Andy Rubin, o engenheiro por trás do Android, twittar pela primeira vez! E não foi um dos melhores não.

the definition of open: “mkdir android ; cd android ; repo init -u git://android.git.kernel.org/platform/manifest.git ; repo sync ; make”

Sabe o que isso significa? Segundo as fontes é um comando para poder compilar uma cópia do Android em qualquer sistema Linux. Uma resposta digna de engenheiro, diga-se de passagem. Intrínsecamente, ele está demonstrando o quão aberta é a plataforma. Qualquer um com um PC Linux pode compilar e começar a mexer na plataforma.

Outra coisa que o Sr. jobs falou foi que as maiores empresas (HTC e Motorola) têm que fazer suas próprias interfaces, o que deixa os usuários confusos e têm que aprender a mexer em uma interface nova. Em comparação com o i*hone, que todos tem a mesma interface e funciona tudo igual. Fala sério, tudo igual é legal?

E não acaba aí. Ele falou mal da “abertura” do Market. Como há rumores de empresas lançando seus próprios Markets, como a Amazon e a Verizon, o sistema vai ficar confuso tanto para desenvolvedores quanto para usuários. Novamente em comparação com o i*hone que tem uma só App Store, é todo integrado e tudo mais. Ele disse que é o dilema da “abertura x integração.”

Não contente em atacar o Google, ele resolveu atacar os desenvolvedores também. Falou sobre aquela tabela do Tweetdeck que mostrou em quais aparelhos ele estava rodando, em quais sistemas, etc (onde também vimos o Gingerbread possívelmente rodando), afirmando que deve ser horrível para o desenvolvedor ter que se preocupar com mais de 100 sistemas diferentes e mais de 200 aparelhos. E foi aí que ele levou a segunda bofetada.

Iain Dodsworth fundador da Tweetdeck, também pelo twitter, sentiu-se magoado com a afirmação, e prontificou-se a defender a plataforma também.

Em algum momentos nós dissemos que foi um terror desenvolver para Android? Errr nope, nós não falamos. Não foi.

E depois acrescentou:

Nós temos apenas 2 caras desenvolvendo o TweetDeck para Android, então acho que isso mostra o quão pequeno um problema de fragmentação é.

Essa foi na boca titio Jobs!!! Deixo os comentários a vocês, queridos Androiders, para dizer que pontos das afirmações são verdadeiros, quais são falsos, e falar o que quiserem. E deixo abaixo a ligação feita pelo Jobs.

Via euAndroid

"There was a young lady named Bright Whose speed was far faster than light; She set out one day In a relative way And returned on the previous night."

Comentários

Mais de Android

Dica

Mais Lidas

Reviews

Cultura Geek

Tutoriais

To Top