Conecte-se conosco
Capturar

Games

Os três misteriosos anúncios do Steam: parte II – Steam Machines

Depois de meses de especulações em torno do “console” da Valve, enfim a segunda revelação: eles são reais. E se chamam Steam Machines.

Capturar

O lançamento do Steam Big Picutre no ano passado só dava mais força aos rumores de um possível SteamBox – um computador disfarçado de console, totalmente integrado ao Steam e que tem funcionalidades completas acessíveis direto de um joystick.

Depois de várias especulações em torno do “console”, enfim a segunda revelação da série “O universo do Steam vai se expandir em 2014″: eles são reais. Sim, você não leu errado. ELES. No plural mesmo. E eles se chamam Steam Machines.

Steam Machines

De acordo com o anúncio da empresa, as Steam Machines serão máquinas dedicadas para jogos, que rodarão o SteamOS. O mais interessante é que as elas não se limitam a apenas um único modelo, mas vários. Fabricantes de computadores poderão criar suas próprias Steam Machines (com designs e especificações diferentes) e lançá-las ao público final. E isso abre um leque enorme de possibilidades.

Teremos Steam Machines para todos os gostos e bolsos: uma pra quem não quer gastar muito, mas faz questão de rodar games em Full HD, outra pra quem preza por resoluções absurdas, vários monitores e filtros ativados ao máximo, e por aí vai.

Imagine a seguinte situação: uma fabricante como a AMD, por exemplo, se torna parceria da Valve e lança uma Steam Machine com configurações mid-end a um preço baixo ou até mesmo pelo preço de custo. Ao ligar a Steam Machine e configurar sua conta no “console”, a AMD receberia, a partir dali, uma porcentagem de cada game que você compra na Steam Store. Este tipo de parceria é a mais provável no modelo de negócios proposto pela Valve.

A equipe da Valve acredita que a melhor forma de garantir que as Steam Machines sejam feitas da forma correta é deixando que os usuários as experimentem. Assim, o produto final será baseado nas sugestões e feedback destes usuários. Nada mais justo não é mesmo?

A empresa já criou um protótipo de alta performance, otimizada para jogos, para fazer parte da sala de estar. Como parte do processo de aperfeiçoamento do produto final, serão enviadas 300 unidades para usuários do Steam, sem custos. Para ser um dos sortudos beta testers, siga este tutorial.

Síntese dos principais fatos sobre as Steam Machines:

  • As Steam Machines começarão a ser vendidas no início de 2014. Parcerias com fabricantes de hardware devem ser anunciadas em breve;
  • Ao contrário do que acontece com programas de beta testers nos produtos da família Xbox (da Microsoft), por exemplo, os participantes que receberem um protótipo de Steam Machine estão autorizados a postar publicamente imagens, screenshots, vídeos, reportar bugs e dar sua opinião para todo mundo ouvir;
  • Você pode transformar seu computador atual numa Steam Machine. E, eles deverão revelar mais detalhes de como fazer isso em breve;
  • As Steam Machines serão totalmente abertas (open-source) e hack-friendly. Será possível modificar o hardware, o sistema operacional e instalar seus próprios softwares. Além do SteamOS ser open-source, seu código fonte será disponibilizado junto com o lançamento das primeiras imagens .ISO;
  • Centenas dos 3.000 games da loja Steam já estão formatados para rodar no SteamOS nativamente (ufa!);
  • Toda a biblioteca de jogos funcionará via streaming nas Steam Machines, direto do seu computador com Windows ou Mac OS, se desejar;
  • Teclado e mouse funcionarão perfeitamente nas Steam Machines, embora este não seja o foco da Valve.

Ficou ansioso pra testar? Pretende comprar uma Steam Machine ou transformar seu computador atual em uma? Acha que é ideia furada da Valve?

Deixe sua opinião! 

código + música + coisas LGBTQ + gaming

Comentários

Mais de Games

Dica

Mais Lidas

Reviews

Cultura Geek

Tutoriais

To Top