Conecte-se conosco
screenshot_05startbackground_Web

PCs com Windows

Windows 8.1: Microsoft revela novidades da atualização e traz de volta o Menu Iniciar

Menos de 1 ano desde o lançamento do Windows 8, a Microsoft começa a revelar as novidades da próxima atualização do sistema, o Windows 8.1

screenshot_05startbackground_Web

Desde que foi lançado, em Outubro do ano passado, o Windows 8 tornou-se um para-raios de críticas devido às drásticas mudanças visuais às quais o sistema foi submetido. A “reimaginação” do Windows não agradou os usuários acostumados à interface do Windows 7 – e de basicamente todo Windows desde o 95 – e as vendas mornas de equipamentos com o sistema operacional da Microsoft confirmam a insegurança do público. A boa notícia para os usuários da plataforma é que a empresa está atenta ao feedback e em pouco mais de 8 meses, revelou a atualização 8.1, que pretende aparar as arestas do Windows 8 e trazer ainda mais novidades ao sistema.

Menu Iniciar

Embora mudanças no design e no próprio funcionamento do Windows 8 como os Charms e os Tiles sejam mais óbvias, foi uma sutil omissão que mais despertou indignação nos usuários – o Menu Iniciar. A ausência do “icônico” botão no canto inferior esquerdo, que desde 1995 dá acesso à lista de programas, documentos recentes, busca, painel de controle e até ao comando para desligar a máquina, causou confusão e frustração entre os consumidores – e a imprensa. Para acalmar os ânimos, a Microsoft reintroduzirá o botão na atualização 8.1 – o comeback mais comentado de 2013, depois de David Bowie. Mas há um porém: embora o ícone e a inscrição “Iniciar” estejam lá, o antigo formato com menus, pastas e atalhos está definitivamente aposentado. Ao clicá-lo o usuário será levado para a Tela Inicial, como no Windows 8. Mas esta tela não será exatamente como no Windows 8.

Tela Inicial

Maior mudança visual do sistema operacional, a Tela Inicial com seus tiles animados e coloridos foi concebida para tornar o Windows mais amigável às telas sensíveis ao toque presentes em tablets, notebooks e PCs mais modernos. Na atualização 8.1 ela irá tornar-se mais funcional e personalizável do que nunca. Os tiles agora poderão ser redimensionados em 4 tamanhos: pequeno, médio, grande e muito grande (útil para apps como previsão do tempo, onde há mais informação visível). Reorganizá-los ficará mais simples com a possibilidade de selecionar e mover vários tiles ao mesmo tempo. Ao rolar a Tela Inicial para baixo (ou clicando em uma seta), uma lista com todos os apps instalados no PC será exibida. Esta lista terá  filtros como “Novos”, “Categorias” e “Mais Usados” para ajudar na localização dos aplicativos e também para “reservar” a Tela Inicial apenas aos apps preferidos do usuário. Programas para Desktop também passarão a ter atalhos coloridos e customizáveis (repare nos ícones do Office 2013) e o mesmo plano de fundo poderá ser usado na Tela Inicial e na Área de Trabalho, tornando a experiência mais coesa. Uma opção avançada permitirá “pular” a Tela Inicial e iniciar o sistema diretamente na Área de trabalho.

screenshot_03startscreen_Web

Tela de Bloqueio

A tela de bloqueio sempre foi planejada com atenção pela Microsoft tanto no seu sistema para smartphones, Windows Phone 8, quanto no Windows 8. Na versão 8.1 a tela de bloqueio ganhará alguns ajustes interessante. A função mais requisitada pelos usuários, segundo a empresa, era a de utilizar a tela de bloqueio do tablet e/ou do PC como porta-retratos digital. Este pedido será atendido na atualização 8.1, com a possibilidade de escolher entre fotos salvas no aparelho e no SkyDrive. Será possível também tirar fotos e atender chamadas de voz/vídeo do Skype diretamente da tela de bloqueio.

Busca

Não há escapatória: o serviço de busca padrão – e imutável – do Windows 8.1 será o Bing. Se você for habitante de uma das regiões onde a ferramenta de buscas da Microsoft oferece sua versão completa, como nos Estados Unidos, com todos os recursos disponíveis e algoritmos otimizados para o seu idioma, acredite: a experiência pode ser bastante agradável – vide a imagem abaixo com os resultados para “marilyn monroe“. Mas este não é o caso do Brasil e nem da língua portuguesa, portanto o belo layout de apresentação do Bing e a integração entre buscas na Web e no aparelho é uma promessa truncada para os usuários brasileiros do sistema, já que os resultados dificilmente serão tão relevantes quanto os do Google. Em compensação a busca local (no sistema e na memória do dispositivo) deve tornar mais fácil a execução de ações como tocar uma música ou abrir um vídeo direto da tela de resultados. Outra vantagem é que a exibição dos resultados será unificada, ou seja, o usuário não precisará especificar se o termo que ele procura é um aplicativo, um arquivo ou configuração, como ocorre atualmente.

screenshot_04search_Print

Multitarefa

A diversidade de dispositivos que rodam Windows 8 forçou a Microsoft a flexibilizar o Snap View – recurso que divide a tela entre dois aplicativos com 80% do espaço para um e 20% para o outro e já estrelou até um comercial de TV ao lado do iPad – na próxima atualização do Windows. Usuários de PCs com monitores com tamanho ou resolução muito grande (por exemplo, acima de 27 polegadas) reclamam que o formato atual do Snap View os deixa com muito espaço inutilizado em tela, já que os aplicativos não ocupam toda a área disponível. Por outro lado, monitores com resolução inferior a 1366×768 não podem utilizar o recurso por uma limitação imposta pela Microsoft. Tudo isso muda no Windows 8.1: não há limite de resolução mínimo e o usuário poderá redimensionar as janelas livremente, embora um sistema “inteligente” tenha sido desenvolvido para aproveitar o espaço em tela da melhor forma, automaticamente.

screenshot_02multitasking_Web

Configurações

Um dos maiores incômodos enfrentados por quem usa o Windows 8 é a existência de 2 Painéis de Controle: o antigo para Desktop (que ficou com a maior parte das configurações, especialmente as avançadas) e o novo com visual moderno (que abrange apenas configurações simples como idioma e notificações). Essa duplicidade torna especialmente difícil a vida de usuários de telas sensíveis ao toque, já que o Painel antigo, com seus ícones pequenos, não é nada amigável aos dedos. Segundo a Microsoft, isto não deve mais ser um problema no Windows 8.1: a empresa garante que até configurações avançadas como resolução de tela, gerenciamento de energia e até participação em um domínio poderão ser feitas pela nova interface.

screenshot_01skydrive_Web

Internet Explorer/SkyDrive

O serviço de armazenamento em nuvem da Microsoft, SkyDrive evoluirá a forma como se integra ao sistema operacional. Ao se logar com a Conta da Microsoft (Outlook.com, Hotmail, Xbox LIVE, etc.) o usuário terá os itens hospedados no SkyDrive resgatados e o serviço passará a ser oferecido como uma opção na hora de salvar novos arquivos. A sincronização entre o dispositivo e a nuvem ocorrerá o tempo todo em segundo plano, mantendo-o atualizado. Porém, apenas uma prévia dos arquivos é baixada até que o usuário decida abri-lo de fato, momento em que é feito o download.

Quanto ao Internet Explorer, pouco foi revelado sobre sua 11ª versão. A única mudança visual revelada é que as abas agora ficam na parte debaixo da tela, acima da barra de endereços. Inclusive, a barra de endereços agora poderá ser configurada para manter-se sempre visível. A Microsoft diz que o IE terá a navegação através de toques aprimorada, tempo de carregamento de páginas reduzido e a sincronização de abas entre dispositivos.

Windows 8.1: Próximas atualizações

Mesmo com todas estas funções e ajustes revelados, a Microsoft ainda promete mais novidades para as semanas que antecedem seu evento para desenvolvedores Build – onde a primeira preview do sistema será liberada para download – em 26 de Junho. A versão final do Windows 8.1 deve ficar pronta no final do ano e será disponibilizada gratuitamente a todos os usuários do Windows 8.

Fontes: Blogging Windows, The Verge, Engadget, Neowin.

Já vivia na nuvem antes de ser modinha.

Comentários

Mais de PCs com Windows

Dica

Mais Lidas

Reviews

Cultura Geek

Tutoriais

To Top