Startups em alta no brasil

C6 Bank lidera lista das 10 startups em alta no Brasil, segundo o LinkedIn

Avatar of bruno martinez
Em levantamento feito pelo LinkedIn com critérios como crescimento no número de funcionários e interesse por vagas; veja a lista de 10 startups em alta no Brasil em 2021

Já em sua quarta edição, chegou a época do ano em que a LinkedIn Top Startups elege as 10 startups em alta no Brasil que mais impactaram em 2021. Empresas como o banco digital C6 Bank, a fintech Neon e a empresa de tecnologia para recursos humanos Gupy lideram o ranking das startups. A lista também é elaborada em outros 25 países, como Estados Unidos, Itália, Japão e México.

O levantamento foi feito pela equipe editorial da rede social LinkedIn, que, entre muitos fatores de avaliação, também considerou o comportamento de mais de 774 milhões de usuários tendo como quatro pilares: crescimento no número de funcionários, interesse por vagas, engajamento de usuários com a empresa e seus funcionários e atração de profissionais. Além disso, as empresas devem ter sido fundadas até no máximo em 2013, possuir o mínimo de 50 funcionários, serem propriedade privada e independentes e possuírem sede no Brasil.

O ranking deste ano reflete os impactos da pandemia no mercado e você pode conferir a lista completa a seguir.

Confira as 10 Top Startups em alta no Brasil

C6 Bank

C6 bank lidera lista das 10 startups em alta no brasil, segundo o linkedin. Em levantamento feito pelo linkedin com critérios como crescimento no número de funcionários e interesse por vagas; veja a lista de 10 startups em alta no brasil em 2021
O banco digital C6 lidera a lista do LinkedIn

Com vantagens que facilitavam a compra de ingresso para o show da canto norte-americana Taylor Swift (cuja turnê foi cancelada), o banco digital abriu mão de várias estratégias para disputar clientes, como, por exemplo, o lançamento uma plataforma de investimentos batizada de C6 Invest, que permite aplicações em produtos de renda fixa, renda variável e em mais de 250 fundos.

Neon

C6 bank lidera lista das 10 startups em alta no brasil, segundo o linkedin. Em levantamento feito pelo linkedin com critérios como crescimento no número de funcionários e interesse por vagas; veja a lista de 10 startups em alta no brasil em 2021
Neon está entre as startups em alta no Brasil

Criado com a proposta de simplificar a poupança, o Neon busca conquistar e fidelizar clientes das classes C e D. Em cinco anos, o banco digital já registra 12 milhões de usuários, dos quais 80% têm renda de até R$ 1,5 mil por mês.

Gupy

C6 bank lidera lista das 10 startups em alta no brasil, segundo o linkedin. Em levantamento feito pelo linkedin com critérios como crescimento no número de funcionários e interesse por vagas; veja a lista de 10 startups em alta no brasil em 2021
A Gupy se destacou em 2021 e entrou na lista de startups do LinkedIn

A startup de tecnologia para RH recentemente lançou um novo produto para facilitar o acompanhamento da evolução dos grupos de diversidade nos processos seletivos. A ferramenta dá acesso a dados de diversidade de candidatos em conformidade com a Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD), segundo a empresa.

Kestraa

C6 bank lidera lista das 10 startups em alta no brasil, segundo o linkedin. Em levantamento feito pelo linkedin com critérios como crescimento no número de funcionários e interesse por vagas; veja a lista de 10 startups em alta no brasil em 2021
Kestraa garantiu seu espaço na lista das startups em alta no Brasil em 2021

O objetivo da Kestraa é usar a tecnologia para resolver problemas do comércio exterior e facilitar importações e exportações. Para isso, centraliza informações em torno de uma carga, integrando dados de armadores, seguradoras, transportadoras e da Receita Federal.

Mandaê

C6 bank lidera lista das 10 startups em alta no brasil, segundo o linkedin. Em levantamento feito pelo linkedin com critérios como crescimento no número de funcionários e interesse por vagas; veja a lista de 10 startups em alta no brasil em 2021
A Mandaê cresceu bastante no ano passado e entrou nas listas das 10 startups brasileiras

A plataforma que conecta e-commerces a transportadoras cresceu 80% no ano passado – e planeja repetir o número em 2021. No ano, a empresa superou dois milhões de encomendas processadas e enviadas para todo o Brasil.

Loft

C6 bank lidera lista das 10 startups em alta no brasil, segundo o linkedin. Em levantamento feito pelo linkedin com critérios como crescimento no número de funcionários e interesse por vagas; veja a lista de 10 startups em alta no brasil em 2021
Loft é outra startup que se destacou em 2021

Em 2021 a Loft, que atua no mercado imobiliário, captou US$ 525 milhões e foi avaliada em cerca de US$ 3 bilhões. Durante a pandemia, a empresa implementou transações 100% digitais.

Dengo Chocolates

C6 bank lidera lista das 10 startups em alta no brasil, segundo o linkedin. Em levantamento feito pelo linkedin com critérios como crescimento no número de funcionários e interesse por vagas; veja a lista de 10 startups em alta no brasil em 2021
Dengo Chocolates também se destacou como startup em 2021

No final de 2020, a Dengo Chocolates inaugurou em São Paulo uma loja conceito com direito a tour na fábrica da empresa. Já em 2021, a startup passou a utilizar um seguro especial para produtores de cacau da região do sul da Bahia com o objetivo de mitigar os impactos das alterações do clima na produção.

DataSprints

C6 bank lidera lista das 10 startups em alta no brasil, segundo o linkedin. Em levantamento feito pelo linkedin com critérios como crescimento no número de funcionários e interesse por vagas; veja a lista de 10 startups em alta no brasil em 2021
A DataSprints está na lista das startups do Brasil no Linkedin

A empresa, que fornece soluções para armazenamento de dados, inteligência artificial e analytics, abraçou o conceito de trabalho remoto. A DataSprints permite que seus colaboradores trabalhem remotamente de qualquer lugar do Brasil.

Kovi

C6 bank lidera lista das 10 startups em alta no brasil, segundo o linkedin. Em levantamento feito pelo linkedin com critérios como crescimento no número de funcionários e interesse por vagas; veja a lista de 10 startups em alta no brasil em 2021
A Kovi anunciou aporte de 100 milhões e garantiu lugar nas startups em alta no Brasil

A Kovi, que fornece aluguel de carros principalmente aos motoristas de aplicativo, anunciou em agosto a captação de um aporte de cerca de 100 milhões. A rodada série B foi liderada pelo fundo Valor Capital Group. A empresa tem 10 mil assinantes entre Brasil e México.

LivUp

C6 bank lidera lista das 10 startups em alta no brasil, segundo o linkedin. Em levantamento feito pelo linkedin com critérios como crescimento no número de funcionários e interesse por vagas; veja a lista de 10 startups em alta no brasil em 2021
Aposta em comida saudável, a LivUp também é uma das startups em alta no Brasil

Com foco em alimentação saudável, a Liv Up vende refeições prontas, além de frutas, verduras e legumes frescos e ampla parceria com influenciadores de diversos setores do entretenimento, passou pelo último ano com uma média de 2,5 mil entregas diárias. No ano passado, a foodtech mais do que dobrou de tamanho e ultrapassou R$ 100 milhões em faturamento.

fonte: LinkedIn

Inscreva-se para receber nossas notícias:

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados