Os 20 melhores jogos indie de 2021 até agora

Os 20 melhores jogos indie de 2021 até agora
De survival horror a sucessor espiritual de Pong, nossa lista tem inclusive vários jogos indie brasileiros

Os jogos indie estão conquistando cada vez mais espaço, com experiências diferenciadas e ideias criativas. Além disso, está cada vez mais fácil publicar títulos, com muitos lançamentos acontecendo semanalmente. Devida à grande quantidade de jogos, também está ficando cada difícil descobrir novos jogos. Sendo assim, o Showmetech preparou uma seleção dos grandes projetos independentes lançados neste ano até agora.

Neste artigo, listamos abaixo, em ordem alfabética, os 20 melhores jogos indie de 2021 até o momento.

Adios

Adios apresenta um dilema que poderá custar a vida de um criador de porcos
Adios apresenta um dilema que poderá custar a vida de um criador de porcos

Adios é um walking simulator sobre um fazendeiro que usa seus porcos se livrar dos vestígios de corpos para a máfia. Cansado, o protagonista decide quebrar o acordo quando um velho amigo, assassino de aluguel, chega em sua fazenda para entregar mais um corpo.

Adios pode até pecar em aspectos técnicos, como gráficos datados e pouco polidos, além de uma jogabilidade travada. Mas, apesar disso, o roteiro cinematográfico do jogo é suficientemente instigante para fazer o jogador querer saber o final dessa história. O jogo está disponível para PC, Xbox Series X e S e Xbox One.

Curse of the Dead Gods

Curse of the dead gods é um roguelike ideal para os fãs de hades
Curse of The Dead Gods é um roguelike ideal para os fãs de Hades

Hades foi considerado por boa parte da crítica, público e por quem vos escreve como um dos melhores jogos de 2020. E se você busca uma experiência semelhante, vale a pena dar uma chance para Curse of The Dead Gods. No jogo, somos um caçador de tesouros que resolveu se aventurar num templo antigo. Mas nem tudo saiu como o esperado, já que esse templo está sobre a maldição de deuses (aparentemente maias) e quanto mais fundo adentramos nele, mais corrompido o homem fica.

O jogo apresenta mecânicas semelhantes às de Hades e os elementos técnicos são muito bem desenvolvidos. No geral, o jogo é divertido, desafiador e um roguelike que merece atenção dos fãs do gênero. Curse of the Dead Gods está disponível para PC, PS4, Nintendo Switch e Xbox One.

Cyber Shadow

Cyber shadow é o jogo certo para os nostálgicos de plantão
Cyber Shadow é o jogo certo para os nostálgicos de plantão

Cyber Shadow é a aposta certa aos nostálgicos da época de ouro dos 8 e 16 bits. O jogo da Mechanical Head Studios se inspira bastante em jogos como Ninja Gaiden, Shinobi e Super Metroid. Com uma gameplay bastante desafiadora e arte pixelada tão linda quanto suas inspirações, a aventura de Shadow contra o Dr. Progen e seu exército sintético compõe um dos melhores jogos indie do ano. O jogo está disponível para Nintendo Switch, PC, PS4, PS5 e Xbox One.

Dandy Ace

Dandy ace é um (literalmente) mágico  roguelike  brasileiro
Dandy Ace é um (literalmente) mágico roguelike brasileiro

O roguelike Dandy Ace é o terceiro e mais ousado projeto do estúdio brasileiro Mad Mimic. No jogo, controlamos o personagem título, um mágico que é aprisionado dentro de um espelho por seu principal rival no mundo da mágica. Cabe ao jogador, então, lidar com poderes e upgrades para sair dessa situação.

Dandy Ace tem uma jogabilidade excelente e mecânicas extremamente gostosas de se jogar. O jogo é viciante e todos os saltos de dificuldades renovam os desafios que os fãs do gênero tanto gostam – além de ter uma excelente progressão e diversas combinações que criam a situação de jogo que você quiser. O jogo está disponível para PS4, Nintendo Switch e PC.

Dorfromantik

Dorfromantik é uma das melhores opções para quem está precisando relaxar
Dorfromantik é uma das melhores opções para quem está precisando relaxar

Dorfromantik é um daqueles jogos feitos para te relaxar. Com jogabilidade simples, intuitiva e cativante, os gráficos animados e uma música calma, você facilmente se vê ligeiramente mais tranquilo enquanto joga. Uma excelente terapia para os – espero que últimos – dias de pandemia.

A premissa é bem simples: você trabalha na doce cidade hexagonal de Dorfromantik, que conta com peças de diversos tipos de campos para inserir e formar uma pequena vila. Ele funciona como um jogo de quebra-cabeças e estratégia, e ao mesmo tempo que faz você pensar, também faz você relaxar. Dorfromantik já está disponível para PC, via Steam, GOG e Itch.io.

Drive Buy

Drive buy é um jogo de combate entre carros ideal para jogar com os amigos
Drive Buy é um jogo de combate entre carros ideal para jogar com os amigos

Drive Buy é um jogo de combate de carros com diversão garantida. Ele é uma mistura de Twisted Metal, Rocket League, Vigilante 8 e Mario Kart. Ou seja, um jogo de corrida nada convencional ideal para jogar com os amigos.

O objetivo do jogo é simples: para vencer, os motoristas devem apressar o máximo de entregas e abater os motoristas rivais com powerups. Focado principalmente no multiplayer, Drive Buy também é cross-play, permitindo assim aos jogadores de Nintendo Switch jogarem com os de PC e vice-versa.

El Hijo – A Wild West Tale

El hijo – a wild west tale é um jogo simples com uma reflexão gigantesca
El Hijo – A Wild West Tale é um jogo simples com uma reflexão gigantesca

Muitos jogos indie chamam a atenção por sua proposta, seja pela inventividade do gameplay, novas mecânicas ou experiência, e El Hijo – A Wild West Tale está no último grupo. Com uma temática nada fácil de se retratar – trabalho infantil – o jogo aposta aventura focada no stealth sem nenhuma violência. Nossa missão é atravessar diversos ambientes sem ser visto pelos inimigos para reencontrar a mãe do protagonista.

É uma experiência um pouco incômoda, mas sem pesar muito a mão no tema. El Hijo não é um dos melhores jogos tecnicamente falando, mas traz pontos importantes para fazer refletir, sem ser panfletário. O jogo está disponível para PS4, Xbox Series, Nintendo Switch e PC.

Genesis Noir

Viaje até o big bang para salvar sua amada
Viaje até o Big Bang para salvar sua amada

Você já imaginou um jogo no qual, para evitar um assassinato, você abre uma brecha no universo e se conecta diretamente ao Big Bang, a fim de salvar o amor da sua vida? Pois bem, essa é a aventura psicodélica de Genesis Noir. Basicamente, trata-se de um jogo de puzzles com foco em narrativa. Entretanto, há elementos muito específicos. Sua narrativa, por exemplo, não é clara, permitindo ao jogador usar da imaginação para supor e imaginar o que acontece na tela.

No jogo controlamos No Man, um vendedor de relógios que ao se encontrar com Miss Mass, o seu amor, e nos apresenta a eventos envolvendo ciúmes, inveja e um terceiro elemento, que atira na garota. Este tiro, curiosamente, envia uma grande onda de energia, com a qual o protagonista consegue “pausar” o mundo e investigar maneiras de salvar sua amada, sendo “levado” ao Big Bang. O está disponível no PCNintendo Switch e Xbox One.

It Takes Two

Uma das melhores experiências co-op dos últimos tempos
Uma das melhores experiências co-op dos últimos tempos

It Takes Two é o novo jogo da Hazelight Studios, do diretor de cinema Josef Fares, mesmo criador de A Way Out. Assim como o título antecessor, o jogo é totalmente em co-op, seu objetivo principal não é salvar o mundo ou competir com um segundo jogador. A missão é fazer com que amigos se ajudem e melhorem seus laços de amizade. 

Inspirado, tanto visualmente, mas também como temática, por animações da Disney Pixar, It Takes Two surpreende os jogadores a todo momento, seja pela sua gameplay quanto pelos seus diálogos divertidos. O que parecia ser um jogo simples se demonstrou um dos melhores co-ops dos últimos tempos e, de quebra, passa uma mensagem importante. Não seria surpresa se aparecesse nos indicados a jogo do ano. O game está disponível para PS5, PS4, Xbox One, Xbox Series e PC

Kaze and the Wild Masks

Kaze and the wild masks é o jogo de plataforma 2d mais divertido do ano
Kaze and the Wild Masks é o jogo de plataforma 2D mais divertido do ano

Kaze and the Wild Masks é o primeiro jogo de plataforma 2D desenvolvido pelo estúdio brasileiro PixelHive. Com inspiração em clássicos do gênero, principalmente na série Donkey Kong Country, que fez considerável sucesso no Brasil durante o auge do Super Nintendo. A proposta para se destacar é misturar os elementos de sucesso desses clássicos com mecânicas atualizadas e uma expressividade única.

Nessa aventura controlados a coelha Kaze, que busca resolver uma maldição que recaiu sobre o arquipélago, transformando todos os vegetais em criaturas terríveis. Além de tentar trazer a normalidade de volta ao mundo, a protagonista deve também resgatar seu amigo Hogo e, para isso, ela contará com o apoio das misteriosas e poderosas Wild Masks. O jogo está disponível para Nintendo Switch, PS5, PS4, Xbox One, Xbox Series X e S e PC.

Loop Hero

Com premissa de um rpg tradicional, loop hero inova em sua gameplay
Com premissa de um RPG tradicional, Loop Hero inova em sua gameplay

Desenvolvido pelo estúdio russo Four Quarters e publicado pela Devolver Digital, Loop Hero é um RPG com elementos de roguelike e construtor de baralhos, muito semelhante a board games e demais jogos de estratégia. Some tudo isso com ambientação Dungeons and Dragons e o visual nostálgico dos gráficos em 8 bits, e o resultado é um RPG tático com atmosfera meio sombria e bastante retrô, cuja jogabilidade é relativamente simples, apesar de demandar muita estratégia por meio do uso inteligente de cartas.

O jogo é ambientando em um universo pós-apocalíptico aonde o personagem principal tenta entender tudo que aconteceu. No jogo, você precisará recolher recursos e, para isso, será necessário usar cartas para recriar os mapas, assim inserindo terrenos como montanhas, castelos, cemitérios e muitos outros. A aventura é construída em vários níveis, com o herói, chamado Lich, que caminha continuamente por uma estrada circular – daí o nome “loop”do título. O jogo está disponível apenas para PC, via Steam e Epic Games.

Mundaun

Mundaun é uma história de horror psicológico que não deve nada ao cinema
Mundaun é uma história de horror psicológico que não deve nada ao cinema

Este jogo, que se assemelha a experiências cinematográficas como “A Bruxa” e “O Farol”, o protagonista viaja para Mundaun pela primeira vez desde sua infância após ficar sabendo da misteriosa morte de seu avô em um incêndio. No decorrer da gameplay, ele descobre que algo diabólico está assombrando os habitantes que restaram do viralejo. A busca pelo significado por trás desses eventos sinistros leva o jogador em uma odisseia pela montanha Mundaun: dos prados íngremes e campos rochosos até o pico coberto de neve. O jogo está disponível para PS5, PS4, Nintendo Switch, Xbox One, Xbox Series X e S e PC.

Narita Boy

Narita boy é uma viagem nas referências dos anos 80
Narita Boy é uma viagem nas referências dos anos 80

Jogos homenagem são muito comuns entre os indie, inclusive já citamos acima alguns exemplos nessa lista, mas Narita Boy, título de estreia do Studio Koba, é um jogo que se inspira em uma obra de homenagem ao livro – que posteriormente foi adaptado para o cinema – Jogador Número 1.

No jogo, estamos no chamado Reino Digital, um lugar cujo balanço está prejudicado pelos ataques do Him e seu séquito de soldados, dispostos a dominar os locais e assumir o controle da programação. Ao melhor estilo da clássica Jornada do Herói, começamos como uma pessoa comum que, transformada para esse reino digital, assume ares de salvador, empunhando uma espada tão tecnológica quanto seus próprios inimigos para enfrentar uma ameaça enraizada nas próprias linhas de código que estamos explorando.

Esse banho de referências pixeladas representando a década de 80 está disponível para PS4, Nintendo Switch, Xbox One e PC.

Olija

Ajude o náufrago faraday a fugir de terraphage em olija
Ajude o náufrago Faraday a fugir de Terraphage em Olija

Em Olija assumimos o papel de Faraday, um náufrago preso em uma terra misteriosa conhecida como Terraphage. O jogo de ação e plataforma produzido pelo estúdio Skeleton Crew Studio claramente inspirado em clássicos como Another World, combina exploração, puzzles e narrativa cinematográfica para criar um universo instigante. O jogo está disponível para PS4, Nintendo Switch, Xbox One e PC.

Qomp

Qomp é a sequência de pong que não sabíamos que precisávamos
Qomp é a sequência de Pong que não sabíamos que precisávamos

Quando joguei Qomp, lembrei automaticamente de Tetris 99. Não por similaridade entre os jogos, mas sim por ambos serem continuações que eu não sabia que precisava. No caso de Qomp, ele é uma sequência espiritual – e não oficial – do clássico Pong de Atari.

A proposta do jogo é simples, porém muito criativa e divertida: você joga como a bola de Pong, que finalmente consegue se libertar da partida de tênis virtual que tem sido sua prisão desde 1972. A partir daí, o jogo se transforma em uma aventura de plataforma repleta de puzzles muito criativos e inesperados – tudo isso seguindo a clássica jogabilidade do original. Qomp está disponível apenas para PC.

Rain on Your Parade

Em rain on your parade, vamos ao caos com chuvas e rios em momentos inoportunos
Em Rain on Your Parade, vamos ao caos com chuvas e rios em momentos inoportunos

Rain on Your Parade conta a história de Nublado, uma nuvem recortada em papelão disposta a arruinar o dia de todos que encontra pelo caminho. Viaje o mundo e aprenda habilidades características de uma nuvem, como chuva e raios, que o ajudarão a fechar o tempo de todos!

Bebendo da fonte de Untitled Goose Game, Rain on Your Parade vem com um humor pastelão e falta de pretensão. Com tempo para fazer piadas visuais e situacionais, o game também se utiliza de de paródias ou referências à cultura pop em 50 fases de jogabilidade variada e com objetivos sempre diferentes. O jogo está disponível para Nintendo Switch, Xbox One, Xbox Series X e S e PC.

Raptor Boyfriend: A High School Romance

Deixe o preconceito de lado e jogue o dating sim raptor boyfriend: a high school romance
Deixe o preconceito de lado e jogue o dating sim Raptor Boyfriend: A High School Romance

Raptor Boyfriend: A High School Romance é um jogo sobre nostalgia, seja pela sua ambientação do ano de 1997 como pela perspectiva que ela nos dá de reviver o ensino médio e todos os microproblemas que se tornam gigantescos na cabeça dos adolescentes. No jogo, Stella é uma adolescente introspectiva que acaba de se mudar para uma cidade nova. Lá, ela ela faz amizade com três pessoas fora do comum: uma fada, um velociraptor falante e um pé-grande.

Usando da fantasia para contar um drama da vida escolar do adolescente, Raptor Boyfriend: A High School Romance é um dos melhores dating-sim (simulador de namoro) e um jogo que vem com mais substância nos diálogos, tudo somado a uma arte extremamente bonita e condizente com a época. O jogo está disponível apenas para PC.

Saturnalia

Saturnalia é uma assustadora história em um vilarejo na itália
Saturnalia é uma assustadora história em um vilarejo na Itália

Saturnalia é um jogo de terror de sobrevivência profundamente enraizado na cultura italiana regional. Inspirado fortemente nos rituais e festivais da Sardenha, podemos controlar quatro personagens diferentes seguindo uma narrativa complexa que nos leva para as profundezas mais sombrias de Gravoi, lugar onde os cidadãos estão desaparecendo e uma névoa enervante se aproxima.

Com um ótimo trabalho de localização, incluindo lugares reais, o jogo é assustador pelo pouco que temos: uma lanterna. A mecânica da vila reiniciar toda vez que os personagens dos jogadores estiverem mortos torna o jogo muito próximo de experiências cinematográficas, além de aumentar a vida útil do jogo. Saturnalia está disponível apenas para PC.

The Longest Road on Earth

Em the longest road on earth, jogamos um jogo de cotidiano com a trilha sonora mais marcante de 2021
Em The Longest Road on Earth, jogamos um jogo de cotidiano com a trilha sonora mais marcante de 2021

A indústria indie abrange o território mais íntimo e pessoal dos próprios desenvolvedores de jogos. Eles tratam de assuntos tabus e convidam o jogador a refletir, mostrando que o videogame pode se tornar algo a mais. The Longest Road on Earth nos convida a refletir sobre histórias do cotidiano como andar de bicicleta, apanhar conchas na praia ou passar o esfregão, sem caixa de texto, muito menos diálogos. A narrativa do game se assemelha com a experiência que o neorrealismo italiano, movimento que mudou o cinema, trouxe, sobretudo para histórias dramáticas, desde então.

O jogo tem quatro histórias, que, a princípio, parecem não ter relação entre si. Sua narrativa principal não tem nenhum evento épico ou grande desafio, pelo contrário, o convite à reflexão vem por meio de atividades rotineiras. Assim como uma experiência cinematográfica, o que dá vida e sentimento ao longo dessas atividades é sua trilha sonora, com 28 composições feitas para o jogo. The Longest Road on Earth está disponível para Android e PC.

Wildfire Swap

Tente causar o maior incêndio possível com apenas uma faísca
Tente causar o maior incêndio possível com apenas uma faísca

Por fim, chegamos a Wildfire Swap, um jogo de quebra-cabeça 2D viciante e desafiador do desenvolvedor Ryan Kubik Games. O jogo é sobre controlar incêndios, mas diferente dos títulos que jogamos como bombeiros, aqui somos uma pequena faísca e nosso objetivo é causar o maior estrago possível em diferentes níveis. Wildfire Swap está disponível apenas para PC.

Gostou da lista com os 20 melhores jogos indie? Veja outras recomendações de jogos indie – desta vez, exclusivamente brasileiros – e muito mais, aqui no Showmetech!

Veja também:

Receba notícias como essa no seu email. Inscreva-se aqui:
Tags

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar um comentário