5 coisas que você deveria saber sobre a bateria do seu celular

Bateria de celular
Mitos e verdades sobre a bateria de celular; descubra!

A vida útil das baterias é um problema perene para todo usuário de smartphones. À medida que o número cada vez maior de funcionalidades demanda mais carga energética, é comum que baterias tenham que ser recarregadas todos os dias e com intervalos cada vez menores.

As baterias de íon-lítio começaram a ser fabricadas em 1991 pela Sony. Desde então, apesar de melhorias em sua capacidade e fabricação, eles não mudaram fundamentalmente. Tudo indica que eles serão as mais usadas ainda por muitos anos à frente.

No que diz respeito aos smartphones especificamente, muitos mitos ou perguntas circulam sobre as baterias. Vamos responder 5 dessas perguntas.

smartphone 1785522 1920 667x1000 - 5 coisas que você deveria saber sobre a bateria do seu celular

1 – É preciso carregar o celular assim que você compra ele?

Não precisa. Essa pergunta está ligada ao fato das antigas baterias de níquel-cádmio terem um “efeito memória“, que fazia com que elas tivessem sua capacidade influenciada pela maneira com que eram carregadas e descarregadas. Por conta disso, alguns produtos vinham com a recomendação para carregar completamente e deixar a bateria plugada na energia por algumas horas antes de começar a usar o produto.

No entanto, com as modernas baterias de íon-lítio, esse efeito não é mais tão significativo. Muitos fabricantes já não fazem a recomendação mais. A mesma razão se aplica à segunda pergunta.

2 – Mito: Descarregar a bateria até 0% para calibrar o medidor do celular

Nos anos 80 e 90, quando baterias de níquel-cádmio eram muito comuns, havia a recomendação para descarregar completamente a bateria antes de carregar novamente. O objetivo era de evitar que o “efeito memória” reduzisse a vida útil da bateria.

Como dito na primeira pergunta, as atuais baterias de íon-lítio não estão mais sujeitas a esse efeito. Assim, não existe mais a necessidade desses cuidados para evitar o memory effect. Com as atuais baterias, você pode plugar e desplugar da energia várias vezes ao dia, em vários níveis diferentes de carga, e ainda sim não haverá nenhum tipo de efeito memória.

battery 2286442 1920 720x507 - 5 coisas que você deveria saber sobre a bateria do seu celular
Carregando bateria de celular

3 – Precisa tirar da tomada quando estiver com 100% de carga?

Esse é outro mito que ainda circula por aí. Todo equipamento mais moderno possui circuitos projetados para parar ou diminuir drasticamente o fluxo de energia para a bateria quando a capacidade total de carga é atingida. Em alguns casos, deixar a bateria ligada mesmo depois de atingir 100% pode fazer a temperatura aumentar um pouco. Mas mesmo assim, para que algum dano aconteça, seria necessário deixar a bateria ligada na energia por muito tempo.

Em geral, no processo de carga a temperatura da bateria e do carregador aumenta. Isso se deve à corrente elétrica fluindo pelos equipamentos. Dependendo das características do equipamento pode se que esquente um pouco mais ou que seja imperceptível.

4 – Desligar bluetooth e Wi-Fi aumenta o tempo que você pode usar o celular? E o modo avião?

Os módulos Bluetooth e Wi-Fi atuais são muito mais eficientes do que suas antigas versões. O bluetooth em especial deu um salto nesse sentido na versão 4.0, também chamada de BLE (Bluetooth Low Energy). O Bluetooth 5.0 também continua a mesma tendência de baixo consumo energético.

Devido ao baixo consumo, as módulos bluetooth e wi-fi não são tão custosas em termos de energia. O que realmente drena carga do celular são os módulos de rádio e do celular em si (seja GSM, GPRS, CDMA,TDMA ou outro), principalmente quando você está em um local onde as antenas ou ERBs (Estações Rádio Base) estão muito distantes.

Caso você queira eficiência máxima, desligar wi-fi e bluetooth pode ajudar, mas a diferença não é tão grande. Agora, usar o modo de avião sim faz uma enorme diferença, ao desligar os módulos que mais gastam energia, o modo avião diminui drasticamente o consumo energético do celular.

Para saber mais dicas de como economizar bateria do celular, leia este artigo do Showmetech.

5 – Usar carregadores e cabos apenas do fabricante

Cabos e carregadores estão disponíveis em uma variedade de qualidade e preço impressionante. A questão de usar equipamentos do mesmo fabricante também é um mito, o que existe são equipamentos de boa e má qualidade. Um cabo e carregador de outra marca, mas que seja bom, é tão capaz de carregar sua bateria quanto os modelos originais que vieram na caixa.

É claro que equipamentos genéricos a preço baixo provavelmente não vão durar muito, além de poderem sim causar algum dano. A dica é pesquisar boas marcas e modelos de qualidade, não necessariamente os modelos do fabricante original.

Uma nota de atenção deve ser dita em relação aos cabos USB-C. Diferentes implementações desse cabo possui especificações distintas, e não é sempre que se pode simplesmente trocar o cabo por outro de um fabricante diferente. Conheça aqui os diferentes padrões de cabos USB e consulte essa referência para entender melhor os problemas do USB-C.

Você conhece mais alguma dica ou mito? Compartilhe nos comentários conosco!

smartphone 1641909 1920 - 5 coisas que você deveria saber sobre a bateria do seu celular

Comentários do Facebook

Receba Notícias por E-mail:

Share via