Ladrões usam airtag para roubar carros no canadá

Ladrões usam AirTag para roubar carros no Canadá

Avatar of victor pacheco
Etiquetas rastreadoras eram colocadas enquanto donos estavam locais públicos e roubos aconteciam durante a noite

Lançados em abril deste ano, já podemos afirmar que há ladrões que usam AirTag para roubar carros e gerar prejuízos. Como o dispositivo permite seu rastreio de forma remota, pessoas mal-intencionadas agora estão usando os produtos como um apoio em roubos de veículos sem que nem mesmo os donos percebam.

Cinco casos já foram registrados no Canadá apenas com esta técnica, que apesar de ser desenvolvida para lhe ajudar a encontrar seus pertences de uma forma tranquila, está trazendo verdadeiras dores de cabeça. Entenda o caso e o que a Apple já fez sobre o assunto.

Como as Apple AirTags funcionam?

Lançadas em abril deste ano e também já sendo vendidas no Brasil, as Apple AirTags são a solução da empresa da maçã para lhe ajudar a encontrar produtos e demais itens que possuem alto valor (de mercado ou sentimental). Podendo ser coladas em qualquer área plana, é possível fazer com que os produtos emitam um sinal sonoro para que quando você perca o produto importante, possa apenas seguir o sinal de som até encontrá-las.

Opções de apple air
Dá para acreditar que estão usando AirTags para roubar carros?
Foto: Apple

A solução foi lançada como uma opção própria para que a Apple possa vender rastreadores eletrônicos para um mercado que já dava suporte. Antes das AirTags serem lançadas, muitas empresas do ramo de segurança eletrônica possuíam modelos que rastreavam literalmente tudo.

Apple airtag conectada a um iphone
Modelo pode ser conectado a um iPhone e rastreio pode ser feito em até 100 metros de distância
Foto: Apple

As Apple AirTags já são vendidas no Brasil: a unidade custa R$ 279 e um kit com quatro unidades sai por R$804, ambas na Amazon. Mas há um problema: pessoas já estão usando isso como um apoio para crimes.

Uso do AirTag para roubar carros

Cinco meses depois do modelo chegar ao mercado, mais especificamente desde setembro deste ano, a policia do Canadá começou a perceber uma semelhança em cinco roubos de veículos: o uso da AirTag para roubar carros.

Enquanto os carros estavam estacionados em lugares públicos, como supermercados ou estacionamentos, os ladrões colavam as etiquetas rastreadoras nos carros e passavam a ter acesso à localização dos carros. O foco eram modelos mais caros de veículos.

“Desde setembro de 2021, oficiais investigaram cinco incidentes em que suspeitos colocaram pequenos dispositivos de rastreamento em veículos de luxo para que eles possam mais tarde localizá-los e roubá-los. As etiquetas são colocadas em áreas fora da vista dos donos quando eles estão estacionados em locais públicos como shoppings ou estacionamentos. Os ladrões então rastreiam os veículos até a residência da vítima, onde eles são roubados da garagem.”

Polícia Oficial do Canadá sobre uso e AirTag para roubar carros

Os roubos discretos de veículos

Você já presenciou algum carro sendo roubado sem nem mesmo que os donos vissem isso? É dessa forma que os ladrões estão atuando ao realizar o uso da AirTag para roubar carros. Como precisam ficar a no máximo 100 metros das etiquetas para saberem a localização em tempo real, então começa uma perseguição para que um roubo aconteça na parte da noite.

Uso de apple airtag para roubar carros
Fixagem de etiqueta rastreadora da Apple acontece quando pessoas estão em locais públicos Foto: CarCentral

Sabendo o local e até mesmo a forma como os veículos são estacionados, o maior trabalho dos ladrões é apenas esperar por um momento mais calmo e pronto, realizar o roubo. Ainda não se sabe como a polícia do Canadá agirá para acabar com este tipo específico de crime, mas pelo menos há conhecimento de que isso está começando a se tornar uma tendência não desejada.

A polícia do Canadá também acredita que esse tipo de roubo infelizmente passe a ser mais comum com o passar do tempo. Apenas na região onde estão utilizando AirTag para roubar carros, mais de 100 pessoas foram presas, mas há uma boa notícia em meio a este problemas: 350 veículos foram recuperados e entregues de voltas para seus donos.

 Como se proteger?

A polícia do Canadá recomenda que os veículos sejam estacionados dentro de um local coberto para que o acesso não seja tão facilitado. Outra ação que também ajuda é que com este problema que está acontecendo, os donos passem a fazer uma revisão nos pontos cegos do carro para que estes rastreadores não sejam colados.

Apple airtag sendo colocada em uma moto
Especialistas indicam que veículos não sejam colocados na calçada, mas sim em um local fechado
Foto: AutoEvolution

Em uma rápida pesquisa de mercado, é possível encontrar etiquetas de rastreamento na internet sendo vendidas a partir de R$ 20,00, então todo cuidado é pouco. Uma vez que possuem acesso ao carro durante a noite, o processo de ligação direta acontece em poucos segundos e você pode ficar sem seu carro.

O que a Apple disse sobre o assunto

A Apple lançou uma atualização no iOS 14.5, que permite que a AirTag envie uma notificação para aparelhos próximos assim que detectar que está longe do seu proprietário. Entretanto, o sistema ainda apresenta falhas: esta notificação vai funcionar apenas com iPhones, deixando de lado aparelhos Android.

Pessoa segurando apple airtag
Apple lançou atualização para evitar stalkers, mas isso vale apenas para quem tem iPhone Foto: Apple

Até hoje, a Apple ainda não oferece suporte para aparelhos Android em relação às Apple AirTags, com estas pessoas sem o conhecimento de que podem estar sendo perseguidas. Nos resta esperar pelos próximos capítulos desta história. Você imaginaria que pessoas poderiam usar AirTag para roubar carros? Compartilhe sua opinião nos comentários!

Veja também

O Showmetech já desenvolveu uma análise completa da Apple AirTag, confira o que achamos do rastreador:

Fontes: PC Mag, Interesting Engineering e MS Power User

Inscreva-se para receber nossas notícias:

Total
17
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Relacionados