Alphabet, dona do google, alcança us$ 2 trilhões em valor de mercado

Alphabet, dona do Google, alcança US$ 2 trilhões em valor de mercado

Avatar of otávio queiroz
Essa foi a primeira vez na história que a Alphabet bateu a marca, tendo dobrado de valor em pouco mais de 18 meses

A Alphabet, empresa controladora do Google, atingiu o valor de mercado de US$ 2 trilhões pela primeira vez em sua história. O feito, alcançado nesta segunda-feira (8), se deu graças à valorização das suas ações na Bolsa de Valores da Nasdaq. Em pouco mais de 18 meses, a empresa dobrou o seu valor, que era de US$ 1 trilhão em janeiro de 2020.

Segundo especialistas do mercado, os bons resultados registrados pela Alphabet são impulsionados por uma recuperação nos gastos com anúncios digitais e crescimento nos negócios em nuvem. A companhia é ainda a que possui o melhor desempenho em vendas este ano, com um avanço de 70% frente às outras empresas de tecnologia dos EUA.

Sede do google
Google e Youtube contribuíram para o crescimento da Alphabet no último ano (Foto: Reprodução/Internet)

Os bons números trouxeram um outro recorde para a companhia, que teve o seu melhor trimestre até hoje, registrando uma receita de US$ 65,1 bilhões nos últimos três meses, um aumento de 41% em comparação ao ano passado. Já os lucros tiveram um alta de quase 69%. O Google, por exemplo, teve um ligeiro aumento em seu lucro, alcançando a marca dos US$ 37,9 bilhões. Já o YouTube, uma outra empresa da Alphabet, faturou US$ 7,2 bilhões no último trimestre.

Com a valorização alcançada no início da semana, a Alphabet se torna a terceira empresa norte-americana com negociações públicas de ações a atingir esse número. Até então, somente a Apple e Microsoft haviam chegado ao mesmo nível. A dona do Google havia superado a casa do US$ 1 trilhão (R$ 5,5 trilhões) pela primeira vez em janeiro de 2020.

Criada oficialmente em 2015, a Alphabet é hoje a controladora do Google e de outras empresas, como a recém anunciada Isomorphic Laboratories – empresa que promete revolucionar o processo de descoberta de medicamentos por IA (Inteligência Artificial). Atualmente, a companhia tem Sundar Pichai como CEO.

Veja também:

Em outubro, a Microsoft ultrapassou a Apple e se tornou a empresa mais valiosa do mundo. O segmento de nuvem inteligente da companhia, que inclui o serviço Azure, colaborou para mudança no cenário.

Fonte: The Verge.

Inscreva-se para receber nossas notícias:

Total
4
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados