Carros autônomos alemães devem priorizar humanos em acidentes

Carros autônomos alemães devem priorizar humanos em acidentes
Especialistas alemães produziram um documento para que os carros autônomos priorizem a vida humana acima de tudo, caso haja algum acidente
carros autônomos
Uma das possíveis situações em que o carro iria ter que decidir o que fazer sozinho

Especialistas alemães apresentaram um documento com propostas para definir quais serão as diretrizes que a empresa irá seguir no desenvolvimento das tecnologias dos carros autônomos. Segundo o relatório, se o carro tiver que enfrentar um dilema moral em possível acidente, o carro irá priorizar o ser humano.

Isso significa que, numa situação entre atropelar um animal ou um ser humano, o carro irá escolher desviar do ser humano. “A proteção da vida humana deve ser a prioridade máxima”, disse o documento da Comissão Alemã de Ética.

O documento foi desenvolvido por um grupo formado por 14 especialistas de diversos segmentos da indústria, filósofos, especialistas em tráfego, teólogos, represente das montadoras, entre outros envolvidos indiretamente.

No total, esse grupo levantou 20 pontos. Em 36 páginas, os especialistas ressaltam a importância da direção autônoma na redução dos acidentes relacionados aos motoristas humanos. Outro ponto apontado, eles indicam ser essencial que seja possível identificar claramente quem é o culpado, caos ocorra algum acidente – o computador ou do condutor humano.

Como funcionam os carros autônomos

Carros autônomos alemães devem priorizar humanos em acidentes

Os carros autônomos utilizam um sistema controlado por computadores para conseguir dirigir sozinho. Esse sistema é responsável por interpretar os dados fornecidos por sensores, radares e câmeras. Com esses dados o carro consegue identificar o ambiente, possíveis obstáculos no caminho e a velocidade ideal para seguir nas vias.

Com isso, o automóvel consegue detectar o que está à sua frente, para, conseguir interpretar a situação e escolher a melhor forma de agir. Os sensores são os responsáveis por visualizar obstáculos à distância por meio de um sensor de detecção.

O computador principal analisa dados dos sensores e compara toda a informação mapeada e armazenada para avaliar as condições atuais da direção. Além disso, os carros autônomos podem contar com GPS, acelerômetro, odômetro, redes de comunicação entre carros, que são sistemas de avisos que permitem que um carro informe ao outro sobre um possível acidente na via e a necessidade de mudança de rota.

A combinação de informações provenientes dos sensores e das câmeras permite que o carro execute todas as tarefas e consiga decidir como agir. Porém, a decisão moral dos sistemas autônomos é um dos grandes problemas enfrentados pelos desenvolvedores e pelos órgãos regulamentadores, além de toda a parte de segurança e infraestrutura.

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar um comentário

Deixe uma resposta