A casa luxuosa impressa em 3d | showmetech trio

A casa luxuosa impressa em 3D | Showmetech TRIO

Avatar of lucas gomes
Veja também a nova tecnologia VR nos próximos carros da Audi e o protótipo de um veículo de carga para missões à Lua no Showmetech TRIO desta semana!

No Showmetech TRIO da semana (14/03/2022), falaremos sobre a House Zero, uma casa luxuosa impressa em 3D, construída sob um design biofílico e moderno; também abordaremos sobre a nova tecnologia de realidade virtual inclusa em carros da Audi; E, por fim, falaremos do FLEX Rover, um veículo de carga que poderá ser utilizado para viagens à Lua. Confira as principais notícias da semana com a gente

Conheça a House Zero

Durante o evento South by Southwest, que teve início na última sexta-feira, 11 de março, foi apresentado ao público uma luxuosa casa construída por impressões em 3D: a House Zero. Concebida pela empresa especialista em impressões 3D, ICON, em parceria com os estúdios de engenharia Lake Flato, a House Zero está localizada em Austin, capital do Texas, nos Estados Unidos.

A casa foi construída a partir do sistema Vulcan, da ICON, que utiliza materiais baseados em programas de computador. As paredes da House Zero, por exemplo, levaram dez dias para serem impressas, oferecendo à estrutura 186 metros quadrados.

A casa luxuosa impressa em 3d | showmetech trio
A luxuosa casa impressa em 3D | Showmetech TRIO. Reprodução: ICON

Reforçadas com metal, as paredes da casa foram impressas com um material exclusivo da companhia chamado Lavacrete, um elemento bem semelhante ao concreto que é bastante hermético e ainda aumenta o isolamento do local. O segundo material mais utilizado na construção da House Zero foi a madeira.

De acordo com a ICON, a casa foi construída tendo como base um “design biológico”, oferecendo às curvas das paredes impressas em 3D uma circulação de ar mais favorável para dentro da casa. A House Zero ainda possui três quartos, sendo dois deles suítes. 

A casa luxuosa impressa em 3d | showmetech trio
A luxuosa casa impressa em 3D | Showmetech TRIO. Reprodução: ICON

Apesar de não haver planos da ICON em vender modelos da House Zero, o projeto que já foi construído será utilizado para receber parceiros, arquitetos, organizações e desenvolvedores como um futuro espaço para exibição da arquitetura moderna. Os próximos planos da empresa incluem construções na Lua. Incrível, não é mesmo?

Holoride e a tecnologia VR nos carros Audi

A tecnologia VR, sigla para “realidade virtual”, está inclusa em diversos dispositivos hoje em dia. Altamente utilizada em video games para aumentar a experiência de imersão, agora veremos também essa tecnologia em futuros carros da marca Audi.

No caso estamos falando da Holoride, um novo tipo de VR voltado para automóveis. Tendo como público-alvo os passageiros que possivelmente ficam entediados depois de várias horas vendo o mesmo cenário, a nova tecnologia poderá realizar algo como uma “dupla viagem” para quem estiver sentado no banco de trás do veículo.

A casa luxuosa impressa em 3d | showmetech trio
Tecnologia VR em carros Audi | Showmetech TRIO. Reprodução: Holoride

Essa plataforma utilizará informações do próprio automóvel, como velocidade, localização e configurações de navegação, incluindo as curvas no caminho e as  paradas, para trazer essa experiência no mundo virtual. Ou seja, o usuário sentirá os movimentos feitos pelo carro na segunda tela. A Holoride foi baseada em informações oferecidas por gigantes do automobilismo, como Porsche, Mercedes-Benz, Ford e, claro, Audi.

Em parceria com a Terranet, essa tecnologia foi desenvolvida para interagir e capturar o ambiente de maneira mais precisa e rápida. Este software ainda terá código aberto, oferecendo ainda mais possibilidade para que outros desenvolvedores também invistam e produzam novos conteúdos.

A casa luxuosa impressa em 3d | showmetech trio
Tecnologia VR em carros Audi | Showmetech TRIO. Reprodução: Holoride

Além disso, o sistema ainda conta com diversas parcerias de conteúdo, como a Disney, Discovery e a Universal Studios. A Holoride será utilizada para fins de distração em viagens, porém, utilizando como base os recursos já vistos em realidade virtual para jogos.

Os primeiros modelos VR vão aparecer nos novos veículos da Audi que devem ser lançados em junho deste ano.

FLEX Rover, o veículo de carga lunar

Flex, novo veículo de carga lunar | showmetech trio. Reprodução: interesting engineering
FLEX, novo veículo de carga lunar | Showmetech TRIO. Reprodução: Astrolab

E finalizando o nosso trio de notícias semanais, vamos dar uma olhadinha neste novo veículo de carga que deverá ser utilizado na próxima missão à Lua da NASA. 

+Construído pela startup Astrolab, o chamado FLEX Rover é um veículo que deve ser utilizado em breve para transportar cargas e também astronautas sobre a superfície do satélite da Terra. “FLEX” significa “Flexible Logistics and Exploration”, algo como “Exploração e Logística Flexíveis”.

A próxima missão da NASA à Lua, intitulada Artemis, já conta com diversos investimentos da empresa, e agora, o novo protótipo da Astrolabs pode não só ajudar no mapeamento lunar como também servir de instrumento para futuras missões em Marte.

O veículo tem capacidade para carregar cerca 1.500 kg e pode ser pilotado de forma remota ou por dois astronautas a bordo. Semelhante aos veículos vistos em lojas de departamento ou armazéns, o FLEX pode pegar ou descarregar itens de um a outro ponto.

O design do FLEX se assemelha ao LTV, atual veículo para cargas da NASA, que também é conhecido como Lunar Terrain Vehicle. Vários testes foram realizados com um protótipo em uma região próxima ao Vale da Morte, na Califórnia.

Este local é ideal para os testes, visto que o deserto apresenta terrenos desnivelados e vazios, o mais próximo que temos da Lua propriamente dita. Neste momento, o FLEX representa não só uma novidade tecnológica, mas também o início de uma era promissora da exploração espacial.

Veja também:

Confira também outros conteúdos relacionados no Showmetech. Não deixe de conferir a nossa última edição do Showmetech TRIO, que abordou o Starstim, novo estimulador cerebral para o tratamento de doenças, e mais!

Fontes: Dezeen e Interesting Engineering [1] e [2].

Inscreva-se para receber nossas notícias:

Total
18
Shares
1 comentário
  1. 10 dias pra imprimir as paredes e mais 4 meses pra construir todo o resto. Isso eles não falam kkkkkk
    Ou a estrutura de madeira, os fios, as tubulações e a alvenaria foram impressos também? kkkkkk

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Relacionados