CES 2018: AMD anuncia segunda geração dos Ryzen e muito mais

CES 2018: AMD anuncia segunda geração dos Ryzen e muito mais
Após o sucesso dos Ryzen em 2017, a AMD investiu pesado em APUs baseadas na mesma arquitetura. Além disso, para a alegria de todos, a empresa irá lançar a segunda geração dos Ryzen de desktop em breve.

Após o sucesso dos processadores Ryzen, que puseram a AMD de volta ao jogo, a empresa continua com os lançamentos. Além da parceria com a Intel anunciada recentemente, a empresa anunciou outras novidades para 2018.

Dentre as novidades estão: a segunda geração das CPU Ryzen; as primeiras CPU Ryzen com gráficos RX Vega integrados e mais. Confira tudo o que rolou no evento pré-CES da AMD.

Segunda geração dos AMD Ryzen

ryzenmais 01 - CES 2018: AMD anuncia segunda geração dos Ryzen e muito mais
A arquitetura Zen+ trará clocks mais altos e tecnologia Precision Boost 2.

Como mencionado anteriormente, a AMD está preparando a segunda geração de uma das linhas de processadores que mais vendeu em 2017. Os novos Ryzen virão com arquitetura de 12 nm e deverão ser lançados em abril deste ano.

A microarquitetura Zen+ se trata de uma atualização da Zen. Logo, é esperado um aumento de desempenho, mas sem saltos gritantes. É esperado um aumento de frequência dos clocks e também a chegada da tecnologia Precision Boost 2.

O Precision Boost 2 é a nova versão da tecnologia que usa sensores precisos de forma a aumentar as frequências do processador. Logo, há ganho de desempenho de uma maneira inteligente.

x470 01 - CES 2018: AMD anuncia segunda geração dos Ryzen e muito mais
“Lema” do socket AM4 é uma referência a Senhor dos Anéis.

Mas não há com o que se preocupar, apesar de ser uma nova versão do processador, a AMD manterá o mesmo socket (AM4). Com isso, você só precisará atualizar sua BIOS caso deseje fazer um upgrade.

Apesar disso, a empresa também lançará um novo chipset melhor adaptado à arquitetura. Trata-se do X470, que deverá acompanhar as placas-mãe que lançarão em conjunto com os processadores Ryzen.

Enquanto isso, não há sinal da já anunciada arquitetura Zen 2, que promete ser um salto maior do que o visto agora.

APUs Ryzen para desktop e novo cooler Wraith Prism

apuryzen 05 - CES 2018: AMD anuncia segunda geração dos Ryzen e muito mais
As novas APUs chegam por a partir de US$ 99.

As APUs Ryzen são fortemente esperadas por aqueles que buscam uma ótima relação custo x benefício. Trata-se de uma solução de entrada para rodar jogos de forma modesta.

O lançamento será feito de forma dividida, com o foco ficando, por enquanto, em dois modelos. No dia 12 de fevereiro chegarão: Ryzen 5 2400G e Ryzen 3 2200G. O primeiro virá com 4 núcleos, 8 threads e 11 Unidades Computacionais Vega, com preço inicial de US$ 169.

O Ryzen 3, por fim, virá com 4 núcleos, 4 threads e 8 Unidades Computacionais Vega. Seu preço inicial será de US$ 99. As novas APUs prometem bom desempenho em jogos na resolução Full HD, que é a mais popular no momento.

apuryzen 02 - CES 2018: AMD anuncia segunda geração dos Ryzen e muito mais
Destaque do cooler fica para a iluminação RGB.

Por fim, temos o novo cooler da AMD. Sendo um upgrade do primeiro Wraith, a solução térmica tem como novidade a iluminação RGB. Enquanto entra na moda, o cooler também tem maior compatibilidade com placas-mãe e promete ser ainda mais silencioso.

Vega mobile

ryzenultrafino 02 - CES 2018: AMD anuncia segunda geração dos Ryzen e muito mais
Os Ryzen 3 2300U e 2200U devem chegar ainda no começo de 2018.

Continuando na vibe das APUs, temos a linha Ryzen voltada para notebooks ultrafinos. Com essa linha, é possível trazer poder gráfico de forma compactada. Os primeiros modelos (Ryzen 7 2700U e Ryzen 5 2500U) foram apresentados no final do ano passado.

Agora, outros dois modelos foram anunciados: Ryzen 3 2300U e Ryzen 3 2200U. Sendo modelos de entrada, eles prometem embarcar em notebooks simples, mas úteis. A previsão de lançamento é para o começo de 2018.

Segundo a AMD, as novas APUs possuem menor consumo (cerca de 50% menor) e muito mais desempenho em CPU e GPU. Além disso, são compatíveis com a tecnologia XFR.

ryzenultrafino 03 - CES 2018: AMD anuncia segunda geração dos Ryzen e muito mais
Em comparação, o Ryzen 7 2700U com e sem mXFR.

Sendo um modelo mobile da XFR, a mXFR permite ajustar a tensão elétrica dos núcleos da APU com base em seu aquecimento. Com isso, o desempenho será adaptado de acordo com a necessidade da tarefa. Se você precisa mais da CPU, ela ficará mais forte. Caso precise mais da GPU, ela terá maior prioridade.

O Showmetech viajou para Las Vegas a convite da Samsung para cobrir a CES 2018. A maior feira de tecnologia só termina amanhã, então, continue de olho no nosso site.

Leia também

CES 2018: Intel lança Intel NUC, Always-connected e mais

AMD Ryzen 2 - CES 2018: AMD anuncia segunda geração dos Ryzen e muito mais

Comentários do Facebook

Receba Notícias por E-mail:

Share via