Butanvac

Como funciona a Butanvac, primeira vacina brasileira contra COVID-19

Avatar of dácio augusto
100% nacional, a Butanvac usa tecnologia da vacina da gripe para ser mais eficaz e diminuir o custo de produção

O Instituto Butantan anunciou que a Butanvac, vacina contra a COVID-19 100% nacional, terá as documentações enviadas para a Anvisa para obter a autorização de iniciar sua fase de testes com voluntários. Se aprovada, o Instituto Butantan acredita que os testes já serão iniciados em abril.

Butanvac, a vacina 100% nacional

Butanvac
Instituto Butantan, localizado na capital paulista

Segundo Dimas Covas, diretor do Instituto Butantan, a vacina está sendo desenvolvida há exatamente um ano. Ela também será testada no Vietnã e na Tailândia, países que participam de um consórcio internacional junto do Instituto Butantan para o desenvolvimento do imunizante.

A Butanvac foi elaborada com a mesma tecnologia da vacina da gripe, o que faz com que somente uma dose seja necessária (para eficácia) e o custo de produção seja mais barato que de outros imunizantes disponíveis no mercado. Além disso, ainda segundo Covas, a Butanvac é eficaz contra a variante P1 do vírus, que atualmente está sendo o grande causador dessa segunda onda da pandemia.

A autorização da Anvisa é necessária para que os testes das duas primeiras fases possam ser feitos. Na fase 1, um pequeno grupo de voluntários saudáveis são escolhidos e imunizados, e é feito um acompanhamento médico do progresso. Na fase 2, há imunização de um grupo maior (que inclui voluntários de grupo de risco) onde, mais uma vez, é feito acompanhamento dos efeitos da Butanvac. Na fase 3, que necessita de outra autorização, é onde a real eficácia é calculada.

Após realização de testes e a autorização da Anvisa para uso na população, o Instituto Butantan espera conseguir colocar 40 milhões de doses da vacina no mercado até o final do ano. A produção da Butanvac começa já em maio, independente dos resultados dos testes. Nenhum cronograma da Coronavac, também distribuída pelo Butantan aqui no Brasil, será afetado com essa nova vacina nacional.

Fique em casa

O Brasil está passando por sua maior crise sanitária da história, graças à pandemia da COVID-19. Diariamente mais de 3 mil mortes pelo vírus estão sendo contabilizadas, e o sistema de saúde nacional está em colapso. Mesmo com a vacinação já iniciada, é necessário continuar em casa para se proteger e cuidar de seus iguais.

Fique em casa se possível, use máscara e se proteja. É um trabalho coletivo.

Para mais informações sobre as vacinas, fique de olho no Showmetech.

Fonte: G1

Inscreva-se para receber nossas notícias:

Total
1
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados