Dinheiro esquecido em contas

Consulta e resgate de dinheiro esquecido em bancos começa hoje

Avatar of victor pacheco
Pessoas nascidas antes de 1968 e empresas criadas até esta data já podem solicitar o saque de dinheiro esquecido. Confira como solicitar o saque dos valores

O Banco Central liberou hoje (7) a consulta e resgate de dinheiro esquecido em bancos e demais instituições financeiras no Brasil. O Sistema Valores a Receber poderá ser consultado por pessoas físicas e jurídicas, de acordo com calendário divulgado pela autarquia do Governo Federal.

A consulta ao sistema havia sido liberada em 13 de fevereiro, entretanto apenas informava se havia algum valor a ser recebido, sem informar o saldo disponível e as instituições financeiras. Para ter acesso às informações, é necessário ter uma conta gov.br com nível de segurança prata ou ouro. Entenda todos os detalhes agora.

Como consultar os valores a receber

O Showmetech já desenvolveu uma matéria especial apenas para lhe mostrar como saber se tem valores a receber e o processo é bastante simples, não levando mais do que 10 minutos.

Primeiramente, é necessário acessar a página oficial do Sistema Valores a Receber, do Banco Central, para saber se você ou sua empresa possui algum valor em dinheiro esquecido. Será necessário digitar o CPF e data de nascimento ou o CNPJ e data de abertura do negócio.

Página de consulta do banco central de valores a receber
Primeira etapa consiste em saber se você tem dinheiro esquecido em alguma conta (Captura de tela: Victor Pacheco/Showmetech)

Caso realmente exista algum valor em dinheiro esquecido, o sistema irá apontar o dia em que você deve retornar ao sistema para consultar a quantia disponível e solicitar o resgate do dinheiro (a tela de consulta mostra apenas se você está dentro da lista de brasileiros que podem solicitar o resgate ou não).

Data de retorno de solicitação de dinheiro esquecido
Banco Central informa data que você deve retornar ao sistema para solicitar saque (Foto: Reprodução/Internet)

No dia correto, será necessário fazer login em sua conta gov.br para que o saque também seja solicitado. Para que o saque seja disponibilizado, é necessário que a conta gov.br seja do nível prata ou ouro.

Uma forma de conseguir atingir esta exigência é por meio da conexão de sua conta com sistemas do Governo Federal, assim como utilizar o reconhecimento facial por meio do aplicativo do TSE ou até mesmo DETRAN.

Calendário de solicitação no Banco Central

O Banco Central estabeleceu um calendário para solicitação de consultas e resgate de dinheiro esquecido em bancos. A primeira leva inicia hoje (7) e vai até o dia 11, disponível para pessoas nascidas até 1968 e empresas com abertura até este mesmo ano. É possível fazer uma repescagem no sábado seguinte ao último dia. Veja a tabela completa:

Consulta e resgate de dinheiro esquecido em bancos começa hoje. Pessoas nascidas antes de 1968 e empresas criadas até esta data já podem solicitar o saque de dinheiro esquecido. Confira como solicitar o saque dos valores
Calendário para consulta e resgate de dinheiro esquecido (Reprodução / Banco Central)

Se a data de repescagem for perdida, o Banco Central liberará uma segunda chamada a partir do dia 28 de março deste ano.

Para que o valor seja solicitado, você deve acessar o sistema do Banco Central na data correta e depois clicar na opção “Solicitar por aqui”, que permite o envio do valor via Pix em até 12 dias úteis. Dados pessoais serão solicitados e é importante que você guarde o número de protocolo.

Pessoa que realizou resgate de dinheiro esquecido
Atenção com as datas para não deixar de recuperar o dinheiro esquecido (Foto: Reprodução/Internet)

Caso a instituição na qual você tem valores a receber não tenha fechado uma parceria para liberar o valor via Pix, será necessário clicar na opção “Solicitar via Instituição“. Um número de telefone ou e-mail (ou ambos) aparecerá para que o contato seja realizado. O valor deve ser enviado via Transferência Eletrônica Disponível (TED) ou Documento de Crédito (DOC).

De onde vem o dinheiro esquecido em bancos?

A fonte dos valores de todas as contas são diversas, mas entre elas, há valores em fundos públicos, revisão de benefícios da Previdência Social, abono salarial que não foi sacado, malha fina do Imposto de Renda e até mesmo prêmios de loteria. Estas são as outras fontes:

  • Contas correntes ou poupança encerradas com saldo disponível;
  • Tarifas cobradas indevidamente, desde que previstas em Termos de Compromisso assinados pelo banco com o BC;
  • Parcelas ou obrigações relativas a operações de crédito cobradas indevidamente, desde que previstas em Termos de Compromisso assinados pelo banco com o BC;
  • Cotas de capital e rateio de sobras líquidas de beneficiários de cooperativas de crédito;
  • Recursos não procurados de grupos de consórcio encerrados.

Não deixe de solicitar seus valores a receber na data e hora correta para conseguir ter aquele dinheiro extra que irá lhe a ajudar na retomada das atividades da economia. Você acessou o sistema da forma correta? Conseguiu solicitar o saque via Pix? Diga pra gente nos comentários!

Veja também

Conheça os 20 melhores aplicativos para ganhar dinheiro

Fontes: Agência Brasil

Inscreva-se para receber nossas notícias:

Total
0
Shares
1 comentário
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Relacionados