Conecte-se conosco
Óculos VR Daydream View vs Gear

Comparativo

Daydream View ou Gear VR, qual óculos VR se sai melhor na briga?

Ambos são os melhores óculos portáteis para a tecnologia VR, mas qual se sai melhor na disputa? Descubra neste comparativo

Óculos VR Daydream View Gear

Mesmo que a passos curtos, a realidade virtual já chegou nos smartphones e faz sucesso com alguns públicos. Desde o primeiro Google Cardboard, lançado há quase três anos, vimos os óculos VR evoluírem bastante – de lá pra cá, a Samsung apostou na ideia com o Gear VR, enquanto a Google, por sua vez, finalmente apresentou o Daydream View, o seu primeiro óculos pronto para uso e que não é feito com recortes de papelão.

Mas, afinal, qual deles é melhor? Embora só o modelo da Samsung esteja disponível no Brasil, decidimos comparar as duas opções e eleger a peça mais indicada para uma experiência confortável, imersiva e prática, afinal, o principal diferencial do VR nos smartphones é ter a tecnologia pronta para ser utilizada – sem muitos cabos e configurações, como ocorre no Oculus Rift e similares.

Design e usabilidade

Samsung Gear VR Óculos

O Gear VR, da Samsung, é completamente feito em plástico

Apesar de o Gear VR ter melhorado bastante desde a sua primeira versão, ele ainda peca nos quesitos design e conforto. Dizemos isso porque, além de dar mais trabalho na hora de acoplar o smartphone, o óculos da Samsung é uma grande peça de plástico – mais pesada e mais desengonçada que o produto do Google.

Do lado contrário, o Daydream View parece ter sido inteiramente pensado no conforto do usuário. O acabamento mistura plástico, tecido e espumas – algo que não só reduz o peso do dispositivo como também o torna mais agradável ao toque;

Google Daydream View Óculos VR

Por outro lado, o Daydream View tem um design com acabamento em tecido

Um outro ponto interessante dos dois concorrentes é a forma como cada um comporta o smartphone dentro de si: enquanto o Daydream View não exige uma acoplagem exata, o Gear VR requer uma conexão USB para funcionar completamente; a maioria dos usuários relata que conectar o smartphone ao Gear VR é uma tarefa mais difícil, pois o processo dá a impressão de que vai danificar um dos dois aparelhos.

Controles e ajustes

Samsung Gear VR Óculos

Em sua versão 2017, o Gear VR ganhou controles bem parecidos com aqueles presentes no Daydream View. Ambos funcionam como uma espécie de varinha mágica, detectando o movimento das mãos e o acionamento de botões físicos, além dos dois também terem um touchpad clicável – o que ainda auxilia a realização de algumas tarefas.

Neste ponto em específico, o óculos da Samsung sai na frente: além do seu controle ser conhecidamente melhor, sofrendo menos com imprecisões, por exemplo, ele tem um botão tipo ‘gatilho’ na sua parte inferior; isso não só melhora a experiência em games FPS, mas também dá mais liberdade ao usuário para que ele interaja com os conteúdos.

Google Daydream View Óculos VR

Sobretudo, o controle do Gear VR, que agora vem incluso na caixa, também tem um acabamento superior ao daquele presente no Daydream View: enquanto o modelo da Samsung mistura vários tipos de plástico, dando um toque mais agradável ao produto, o aparelho da Google é duro, rígido demais e até mesmo um tanto desconfortável de se usar, conforme dizem os relatos.

Talvez, a única desvantagem do controle do Gear VR seja o fato dele funcionar com pilhas. Não sabemos ao certo a autonomia do dispositivo – mas visto que ele é cheio de funções, como acelerômetro, giroscópio, botões e até um touchpad, é provável que as pilhas não durem tanto como num mouse sem fio, por exemplo.

Software e catálogo

Samsung Gear VR Óculos

A UI utilizada no Gear VR é a mesma do Oculus Rift

O Gear VR está há muito mais tempo no mercado, por isso ele tem um catálogo maior e mais diverso de softwares VR. Este é um fator preponderante na compra de um óculos para realidade virtual, afinal, mesmo com a Google prometendo investir na plataforma do Daydream, não dá para esperar até o fim do ano para ter uma boa quantidade apps e jogos disponíveis.

No que diz respeito a qualidade desses softwares, ambos são bem parecidos: em ambos existem apps mal construídos, jogos com uma péssima jogabilidade e outros softwares simplesmente fantásticos. A questão é que enquanto a plataforma da Samsung tem mais de 100 aplicativos disponíveis, o Daydream, da Google, está lutando para chegar na metade disso até o fim de 2017.

Google Daydream View Óculos VR Controle

Já o Daydream View tem uma interface mais limpa e cartunesca

Por outro lado, a plataforma da Samsung é, e provavelmente sempre será, exclusiva de smartphones Galaxy pré-selecionados pela empresa. Não há método oficial para se ter o serviço noutros modelos de smartphone – o software só é compatível com as linhas Galaxy S6, Galaxy S7, Galaxy S8 e os Galaxy Note a partir da quinta geração.

O Google Daydream também está restrito aos smartphones Pixel, porém, isso deve mudar no futuro: a big G já prometeu que deve tornar a plataforma compatível com aparelhos da Samsung, Huawei, LG e de várias outras fabricantes.

Preço e disponibilidade

Samsung Gear VR Óculos Preço

Tanto aqui quanto nos EUA, o Daydream View acaba sendo mais barato que o Gear VR, da Samsung. Embora não seja vendido no Brasil, o óculos da Google custa US$ 80; na conversão sem impostos, sai por cerca de R$ 270 – um valor bem mais barato que os quase R$ 800 que a coreana cobra pela versão 2016 do Gear VR.

Sendo assim, investir no produto da Google pode até parecer mais cômodo para o bolso, no entanto, vale lembrar que deve se levar um tempo até o Daydream se tornar compatível com outros smartphones não-Google; isto pode ser um problema sério para quem comprar os óculos da empresa.

Em contrapartida, o óculos da Samsung até faz presença no mercado brasileiro, mas se trata de um dispositivo caro, de uma geração anterior e também restrito aos aparelhos da sua fabricante – e sem qualquer previsão para que isso mude um dia.

Veredito

Óculos VR Daydream View vs Gear

Depois de tanto discutir sobre esses dois produtos, podemos concluir que não se trata de um ser absolutamente superior ao outro; muito pelo contrário, a decisão por algum deles depende muito mais das circunstâncias de quem pretende comprá-los.

Enquanto o Daydream View se parece uma escolha mais sóbria, ainda mais para quem quer conhecer a realidade virtual, o Gear VR se mostra consideravelmente mais completo – desde que você tenha um dispositivo Samsung e aceite pagar o preço que ele cobra por isso.

Óculos VR Daydream View vs Gear

Sendo assim, é válido analisar também os usos que você dará ao seu óculos VR. Caso você queira explorar a realidade virtual de maneira mais ativa, com jogos e aplicativos, um óculos 100% compatível com o seu smartphone – como o Gear VR no caso dos Galaxys, é algo que realmente se faz necessário.

Contudo, se você deseja uma experiência mais passiva, que consista em assistir filmes e ver vídeos em realidade virtual, até mesmo um óculos mais simples, que seja o Daydream View ou qualquer outro de qualidade razoável, provavelmente já vai suprir as suas expectativas muito bem.

 

19 anos, brasiliense, acadêmico de Direito e apaixonado por tecnologia, informação e entretenimento.

Comentários

Mais de Comparativo

Dica

Dicas para se preparar para a Black Friday

Computadores

Dicas para se preparar para a Black Friday

Por 27 de junho de 2017
Advertisement

Mais Lidas

Advertisement

Reviews

Cultura Geek

Tutoriais

Subir