Dicas para economizar gasolina e outros combustíveis

18 dicas para economizar gasolina e outros combustíveis

Avatar of carlos alberto jr
Manutenção preventiva e velocidade constante no trânsito são algumas das dicas para economizar gasolina e outros combustíveis

O último reajuste nos preços dos combustíveis, anunciado pela Petrobras, causou perplexidade aos motoristas brasileiros que precisam economizar gasolina. Afinal, o Brasil é um país com dimensões continentais, cuja economia depende fortemente do transporte rodoviário. Cerca de 65% das cargas que passam por rodovias são transportadas por caminhões. Isso quer dizer que, quando o preço dos combustíveis sobe, toda a economia é pressionada e impactada. Culminando em alimentação, transporte, saúde e educação mais caros.

O aumento já é o segundo do ano e o maior desde janeiro de 2021. Na ocasião, a gasolina ficou 10,2% mais cara, enquanto o diesel subiu 15,2%. Dessa vez, o reajuste fez com que a gasolina chegasse na casa dos 18,7% e o diesel a 24,9%.

Sem perspectiva de baixa do valor dos combustíveis, chovem conselhos para reduzir o consumo do automóvel, não é mesmo?! Verdadeiros milagres são prometidos. Mas sabia que essas soluções aparentemente fantásticas podem prejudicar seu veículo?

Entenda de uma vez por todas: quando se trata de consumir menos combustível, não existe mágica. Nesse cenário, qualquer recomendação que envolva modificar o veículo, por exemplo, está fadada ao fracasso. Afinal, isso significaria alterar as especificações de fábrica, pensadas justamente para que o carro tenha o melhor rendimento possível. Mas isso não impede de existirem, sim, métodos que ajudam a economizar gasolina. Nós reunimos alguns abaixo. Confira!

Cuide da calibragem dos pneus

Dicas para economizar gasolina e outros combustíveis
Medida simples e barata pode te fazer economizar no fim do mês (Foto: JF Diorio/Estadão)

Andar com pneus abaixo da pressão correta pode causar uma elevação de até 20% no consumo de combustível. Isso acontece porque, com uma área maior de atrito da borracha com a pista, o arraste aumenta e acaba forçando o motor.

A recomendação, portanto, é manter a calibragem indicada no manual do veículo, conferindo semanalmente logo ao sair de casa, enquanto os pneus ainda estão frios.

Não exagere no ar-condicionado

Quem é que não prefere circular em um veículo com ar-condicionado, não é mesmo?! No entanto, o ideal é que você se mantenha no conforto, com o carro a uma velocidade de cerca de 60 km/h. Abaixo disso, consumirá combustível em excesso. Isso porque o trânsito engarrafado força o carro a gastar mais.

Faça manutenção preventiva

O carro é nada mais que uma máquina cujos componentes funcionam de maneira integrada. Existem, portanto, muitas peças que influenciam no consumo. Aí entram as manutenções preventivas a favor da economia de combustível.

Troque os filtros de óleo, ar e combustível, além de substituir o óleo do motor conforme as quilometragens e especificações indicadas no manual. A propósito, trate de seguir à risca as recomendações da montadora, ok? Um simples lubrificante diferente do especificado pelo fabricante, por exemplo, pode aumentar o atrito no motor, esvaziando o tanque mais rapidamente.

Fique atento ao alinhamento

Rodas desalinhadas puxam o carro para direções diferentes, aumentando o atrito com o solo e o arraste dos pneus, forçando o motor e aumentando o consumo de gasolina.

O que você precisa entender é que o desalinhamento ser inerente ao uso ocorre não só quando o carro passa por obstáculos e faz curvas, mas também com o automóvel parado. Então, não dá mesmo para descuidar. O alinhamento das rodas deve ser feito como recomenda o manual do veículo — geralmente a cada 10 mil quilômetros rodados.

Use as marchas a seu favor

Dicas para economizar gasolina e outros combustíveis
Trocar machas adequadamente também faz bem para a economia do seu combustível (Foto: Pedro Bicudo)

A transmissão leva o giro do motor até as rodas. Entender a relação entre as marchas, força e velocidade é fundamental para escolher as engrenagens ideais para cada situação. A rigor, quanto menor a marcha, maior será o consumo de combustível. Andar só em “primeira e segunda” no trânsito pesado gasta muito mais do que rodar na estrada.

Em ciclo urbano, antecipe trocas de marcha e rode com a relação mais alta dentro do possível. Por exemplo, numa via de fluxo contínuo a 60 quilômetros, é possível andar em quarta marcha (e até quinta, dependendo do carro), usando no máximo 15% do acelerador. É mais econômico do que usar uma “terceira” e rotação mais alta (ainda que você esteja dentro da faixa permitida do conta-giros).

Evite peso desnecessário

Se você não estiver indo viajar, não precisa deixar o veículo sobrecarregado de coisas pesadas dentro dele. Ao colocar itens desnecessários que causam peso no carro, você estará forçando o veículo a trabalhar mais para se locomover. Sendo assim, evite acumular objetos pesados no automóvel, isso só irá te atrapalhar a economizar combustível.

Manter vidros fechados

Dirigir com vidros abertos gasta mais gasolina, principalmente se o veículo estiver em alta velocidade.

Dirigir com janelas abertas pode elevar a resistência do ar e fazer com que seu veículo consuma mais combustível. Portanto, o mais recomendado é deixar vidros do carro fechados.

Estacione na sombra em dias ensolarados

Deixar o carro na sombra tem várias vantagens que te vão ajudar a poupar bastante. Até porque entrar num automóvel que esteve um grande período de tempo exposto ao sol e ao calor, é quase como ir para dentro de um forno. É muito desagradável!

Se a temperatura no interior do carro estiver insuportável, somos obrigados a circular com os vidros abertos ou a fazer uso do ar condicionado logo após o arranque, e isso sim, sem dúvida aumenta o consumo de combustível.

Estacionando o seu veículo na sombra, será exigido menos esforço ao ar condicionado para manter uma temperatura agradável, reduzindo assim o desperdício de combustível. Claro que nem sempre é fácil encontrar um lugar mais fresco, mas já sabe que se tiver essa opção, não hesite.

Desligue o motor em paradas longas

No trânsito, sempre que possível, mantenha ligado o sistema start-stop, que desliga o motor em paradas longas. Ao fazer a troca de pneus, procure por “pneus verdes”. Essa classe de pneumáticos utiliza compostos de borracha que reduzem o atrito com o solo. Quanto menor a resistência à rolagem, menor o consumo.

Evite andar em ponto morto

Dicas para economizar gasolina e outros combustíveis
Dica funcionava em veículos antigos, agora ela gasta mais combustível (Imagem: centersystem)

Um dos conselhos mais populares para economizar gasolina é andar em ponto morto em descidas. O detalhe é que, por mais que isso funcionasse na época dos carburadores, com a injeção eletrônica dos veículos atuais acontece justamente o contrário: com o carro desengatado, o sistema reforça o envio de combustível ao motor. Sem contar que essa é uma prática perigosa, pois elimina a ação do freio motor.

Planeje as rotas

É muito raro que você só tenha uma opção de trajeto para chegar ao local desejado. Por isso, é crucial considerar a otimização e o planejamento de rotas.

Para economizar, é preciso escolher não somente as rotas curtas, mas também as mais eficazes. Ou seja, encontre caminhos sem muitos buracos ou ladeiras, a fim de não exigir tanta tração. Com isso, você chega rápido ao destino gastando menos.

Ao colocar em prática essas dicas para economizar combustível, você vai fazer uma boa economia em suas viagens de frete. Não perca tempo e comece já a executá-las. Assim, suas entregas serão feitas com qualidade, e você não terá mais que repassar os valores dos reajustes de diesel diretamente para os clientes.

Procure dirigir com atenção

Dirigir com cautela, antecipando as paradas e mantendo distância dos veículos à frente, faz com que você freie menos e aproveite mais a energia gerada pela queima do combustível. Além disso, essa postura diminui a quantidade de vezes em que o motorista usa o acelerador nas marchas menores, que consomem mais gasolina.

Mantenha a velocidade baixa

Sabia que, ao passar de 80 para 100 quilômetros por hora, o gasto total de combustível do carro aumenta cerca de 30%? É isso mesmo: quanto mais rápido, maior é o consumo. O segredo está, portanto, em se manter sempre na velocidade de cruzeiro (a 80 quilômetros por hora), de modo a garantir um bom rendimento ao motor e, claro, evitar multas e acidentes.

Não descuide dos filtros

Dicas para economizar gasolina e outros combustíveis
Ar-condicionado pode ser mais econômico do que rodar com janela aberta (Foto: Divulgação)

O filtro de ar e de combustível são os elementos mais baratos (e mais críticos) do automóvel. A poluição das cidades ou o pó excessivo em vias com piso de chão comprometem demais a qualidade do ar que chega ao motor. Isso, claro, tem impacto na conta do posto. O filtro de combustível é a principal barreira entre o tanque e os injetores. Se ele estiver saturado, a mistura que chega à câmara de queima ficará comprometida. Sua conta bancária é quem levará o último golpe no caso de negligência com o item.

Nunca deixe o tanque na reserva para abastecer

Quanto menos combustível tiver no tanque, mais evaporação ocorrerá. Mantendo o tanque sempre cheio, haverá, certamente, menos perdas. Evite deixá-lo na reserva e, quando estiver perto da metade, abasteça. Assim, você economizará combustível!

Combustível de qualidade

Sempre abasteça em postos de confiança e caso note diferença de desempenho ou trepidações excessivas em marcha lenta logo após abastecer seu veículo, leve-o imediatamente ao seu mecânico de confiança e o informe do ocorrido. Pode parecer uma dica óbvia, mas em tempos de combustível tão alto, há quem acredite que economizar com uma gasolina de procedência duvidosa possa valer a pena, mas lembre-se, elas podem prejudicar seu veículo e a conta será mais alta no futuro, exemplos não faltam.

Evite dar arrancadas

Procure manter a tranquilidade ao conduzir seu veículo. Mesmo que esteja com pressa, evite dar arrancadas e freadas bruscas. Essa forma agressiva de dirigir representa um aumento no consumo de combustível, além de forçar alguns componentes de seu carro, levando-os a um desgaste precoce.

Considere trocar de carro

Por fim, essa seria a última alternativa: quanto mais novo é o veículo, mais tecnologia está incorporada em seu projeto. Nessas condições, o carro se torna mais eficiente para aproveitar a energia gerada pela combustão. Além disso, motores flex permitem que os proprietários escolham a categoria de combustível com melhor custo-benefício. Comprar um carro mais novo é uma excelente maneira de gerar economia a longo prazo!

Como você pôde observar, existem diversas formas de economizar combustível na cidade. Juntando todas elas, é possível obter uma boa diminuição nos gastos com esse item que faz nosso orçamento ir às alturas.

Veja também:

Não é só o combustível que anda alto, né? Confira outro artigo nosso com 14 dicas para economizar na conta de luz.

Fontes: Exame, Showmetech, G1

Inscreva-se para receber nossas notícias:

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Relacionados