Conecte-se conosco
sundar pichai - Google quer expandir o Android One para novos países. Será que vem para o Brasil?

Android

Google quer expandir o Android One para novos países. Será que vem para o Brasil?

Descontente com os preços cobrados pelos aparelhos pelo mundo, o Google criou o programa Android One, focando em smartphones acessíveis.

Descontente com os preços cobrados pelos aparelhos pelo mundo, o Google criou o programa Android One. A ideia é simples: oferecer aparelhos com valores bem mais acessíveis, focando em países em desenvolvimento. Os primeiros aparelhos foram anunciados na casa dos US$ 100, valor bem menor do que os praticados atualmente. Basta considerar que o iPhone mais acessível e um Galaxy S7 ficam na casa dos US$ 700. E, mesmo assim, Sundar Pichai, CEO do Google, afirma que os smartphones do Android One devem chegar ao patamar de US$ 30 em uma recente viagem à Índia.

A primeira fase do projeto iniciou na Índia, em seguida expandido para Bangladesh e Vietnã. Depois, alguns países da África começaram a receber os aparelhos, posteriormente sendo estendido para Espanha e Portugal. O Google pretende expandir o alcance do projeto para cada vez mais países, isso já há algum tempo. O próximo país previsto é os Estados Unidos, onde a empresa identificou um mercado a explorar, segundo o The Information.

O projeto Android One:

Outro grande diferencial do Android One é a velocidade das atualizações. O controle é feito pelo próprio Google, que garante até duas versões após os aparelhos chegarem ao mercado. Se um modelo foi anunciado com o Android 5.1 Lollipop, por exemplo, ele deve chegar até o Android 7.0 Nougat. O Google faz isso exatamente para combater a postura de muitos fabricantes. Depois de anunciarem um modelo mais básico, ele é esquecido depois de pouco tempo. Aliás, acabam ficando permanentemente com a versão do Android de fábrica.

Sundar Pichai deixou claro que o foco continua sendo os países em desenvolvimento. Será que a América Latina está nos planos do Google? O Android One certamente seria muito bem recebido por aqui. Afinal, os preços dos aparelhos não param de aumentar. Já imaginou ter um aparelho com a última geração do Android na casa dos R$ 100?

Continue lendo
Advertisement

Apaixonado por livros e ávido devorador de conteúdo, passa um bom tempo separando o que é informação e o que é ruído.

Comentários
Subir