Instagram diminuirá importância do número de seguidores para verificar contas

Instagram vai diminuir importância do número de seguidores para verificar contas
Com objetivo de tornar o processo de contas verificadas mais justo, o Instagram deixará de levar em consideração a quantidade de seguidores do perfil
Anúncio
Instagram diminuirá importância do número de seguidores para verificar contas

Com mais de um bilhão de usuários ativos mensais, o Instagram vai deixar de priorizar o número de seguidores no processo de verificação de contas, diz novo comunicado no blog oficial do Facebook. Apesar deste número nunca ter importado na definição de quem é verificado ou não na rede social, ele ajudava na parte automatizada no processo, que selecionava o próximo perfil a ter candidatura analisada.

“Embora a contagem de seguidores nunca tenha sido um requisito para ser verificado por meio do formulário no aplicativo (ao qual qualquer pessoa pode se inscrever), tínhamos certos sistemas em vigor que priorizavam contas com muitos seguidores para ajudar a lidar com as dezenas de milhares de solicitações recebidas todos os dias. Desde então, removemos isso da parte automatizada do processo”

Adam Mosseri, diretor do Instagram

O executivo comenta que a medida foi tomada após dois meses de revisão das práticas de verificação de contas com o objetivo de garantir um processo mais junto e inclusivo, aumentando o escopo de publicações avaliadas para promover maior diversidade entre os usuários com o selo azul.

“Uma conta deve atender a certos critérios antes de ser verificada, incluindo um certo grau de notabilidade. Medimos a notabilidade por meio de artigos de imprensa sobre a pessoa que está se inscrevendo para verificação. Agora expandimos nossa lista de fontes de imprensa que consideramos no processo para incluir mais mídia negra, LGBTQ + e Latinx”

Adam Mosseri, diretor do Instagram
Instagram diminuirá importância do número de seguidores para verificar contas
Pessoas e empresas com grande alcance se beneficiam da verificação de conta, que identifica perfis verdadeiros

A medida adotada pela rede social veio após promessas feitas em julho durante uma série de protestos, principalmente nos EUA, decorrentes do assassinato de George Floyd. Na época, o Instagram comunicou que iria rever suas políticas com o objetivo de dar mais voz aos usuários negros. Na época, Mosseri afirmou que os esforços para tornar a rede social mais inclusiva não parariam com as disparidades baseadas em questões raciais, analisando também como melhor servir a outros grupos sub-representados.

O comunicado oficial inclui também a criação da equipe de uma equipe focada em diversidade que se concentrará na criação de produtos justos e equitativos, incluindo trabalho conjunto com o time Inteligência Artificial para garantir justiça algorítmica. Outro objetivo da equipe de diversidade do Instagram é criar recursos que atendem às necessidades das comunidades carentes. 

A rede social também está em busca de um diretor de diversidade e inclusão para ajudar a encontrar, manter e desenvolver talentos mais diversificados. 

“Mais do que nunca, as pessoas estão recorrendo à plataforma para aumentar a conscientização sobre as causas raciais, cívicas e sociais com as quais se preocupam. Temos a responsabilidade de olhar para o que construímos e como construímos, para que as experiências das pessoas com nossos produtos reflitam melhor as ações e aspirações de nossa comunidade”

Adam Mosseri, diretor do Instagram

Fonte: Facebook

Receba notícias como essa no seu email. Inscreva-se aqui:

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar um comentário

Assine nossa Newsletter