Lg anuncia a saída do mercado de smartphones

LG anuncia a saída do mercado de smartphones

Avatar of dácio augusto
Depois de 6 anos de perdas na divisão, a LG anuncia a saída do mercado de smartphones, mas ainda irá vender e dar suporte aos modelos disponíveis no mercado

Após 6 anos de perdas constantes no mercado, hoje a LG anuncia a saída do mercado de smartphones. Segundo a empresa, a decisão irá permitir que os recursos dela sejam focados em áreas que apresentam crescimento e retorno financeiro, como componentes de veículos elétricos, smart homes e inteligências artificiais.

Lg anuncia a saída do mercado de smartphones depois de ter lançado vários aparelhos inovadores, como o lg wing
LG Wing foi um dos vários celulares fora do comum lançados pela LG, mas que não conseguiram conquistar o mercado

A decisão da LG de sair do mercado de smartphones já era especulada há meses, por conta das várias perdas da empresa no mercado nos últimos anos. Mesmo quando focava em celulares mais baratos e acessíveis, a competição com marcas como realme e Xiaomi na categoria acabou dificultando a popularização dos aparelhos da marca coreana no mercado.

Segundo o anuncio oficial da LG, os últimos celulares lançados continuarão sendo vendidos, e ainda terão suporte da empresa por um período que irá variar entre as regiões do mundo. Quanto a corte de funcionários, nada foi dito além de que serão decisões locais de cada operação da empresa. A marca espera ter completado o fechamento da divisão até Julho deste ano.

Em março, informações que a LG tinha tentando vender sua divisão de celulares mas que não conseguiu foram divulgadas por sites de tecnologia, e que o possível encerramento das atividades e desenvolvimento de novos produtos poderia ocorrer. Ainda em março, o portal de informações coreano DongA revelou que a empresa tinha parado o desenvolvimento de seus celulares dobráveis, mesmo os que tinham sido mostrados na CES 2021.

Segundo informações divulgadas pelo portal Nikkei Asia, não é só pelas poucas vendas que a empresa decidiu sair do mercado. Como a LG não tem produção própria de chips e processadores, a falta global dos componentes fez com que ela não conseguisse obter os componentes necessários para produção de aparelhos no futuro, o que ajudou na decisão de abandonar o mercado.

LG anuncia a saída do mercado de smartphones com um grande legado

Lg anuncia a saída do mercado de smartphones
A série LG K foi uma das últimas a receber lançamentos no Brasil.

Durante sua permanência no mercado, a LG lançou vários aparelhos fora do comum, comparado aos rivais, tentando conquistar uma parcela do mercado. Aparelhos como o LG Wing, em que o display principal podia ser virado para mostrar uma tela secundária menor, e os vários celulares com tela dupla lançados pela empresa, mas nenhum conseguiu conquistar o mercado. Segundo dados de venda, a LG até 2020 era responsável por pouco mais de 2% do mercado de celulares mundiais.

No Brasil, alguns dos últimos celulares lançados da marca foram os LG K52, K62 e K62+, focados para o mercado de entrada. Com sua saída do mercado de smartphones, a LG se junta a outras empresas que abandonaram ou venderam suas divisões de celulares, como a Nokia e Blackberry.

Impacto para funcionários da LG no Brasil

Lg anuncia a saída do mercado de smartphones
Fábrica da LG localizada em Taubaté, interior de São Paulo, pode ter 400 funcionários afetados pelo fim da divisão de celulares.

A LG conta com uma fábrica no Brasil, localizada em Taubaté, interior de São Paulo, voltada para a produção de smartphones e monitores, e outra fábrica localizada em Manaus, Amazonas, que produz aparelhos de ar-condicionado, geladeiras e demais eletrodomésticos. A fábrica de Taubaté com mil funcionários, e cerca de 400 ficam focados na produção de celulares. O fim da divisão de celulares não irá afetar a parte de monitores dessa fábrica, nem a fábrica de Manaus.

Desde 26 de março, os trabalhadores da divisão de celulares da fábrica de Taubaté estão em greve, por conta das incertezas geradas pelas especulações sobre o que iria acontecer com a divisão de celulares da LG. Embora o anúncio do fim da mesma tenha sido feita hoje, até o fechamento dessa matéria nenhum posicionamento sobre o destino dos trabalhadores dessa fábrica havia sido divulgado.

Posicionamento da marca

A LG Brasil emitiu um comunicado oficial sobre o fim da divisão de celulares:

“Desde o segundo semestre de 2015, o nosso negócio global de celulares tem sofrido uma perda operacional por 23 trimestres consecutivos, resultando em um acumulado de aproximadamente 4,1 bilhões de dólares (US) até o final de 2020.

Depois de avaliar todas as possibilidades para o futuro do nosso negócio de celulares, o Headquarter Global decidiu por fechar esta divisão a fim de fortalecer sua competitividade futura por meio de seleção e foco estratégico.

Como uma companhia que valoriza profundamente a contribuição de cada funcionário, cliente e parceiro LG, nós comunicaremos de forma aberta e transparente durante este processo, buscando uma abordagem justa e pragmática, enquanto atendemos as obrigações jurídicas.

É com tristeza que compartilhamos esta notícia com os nossos clientes e parceiros que ao longo de todos estes anos nos demonstraram confiança e nos deram apoio.

A LG Electronics do Brasil agradece vocês e irá se concentrar fortemente em seus negócios de modo a continuar a fornecer produtos e serviços inovadores que tornarão a vida melhor.”

LG Electronics do Brasil

Fonte: The Verge, Engadget, G1

Inscreva-se para receber nossas notícias:

Total
1
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados