Óculos inteligente do Projeto Aria do Facebook tem detalhes vazados

Óculos inteligente do projeto aria do facebook tem detalhes vazados
Com detalhes vazados do manual de instruções, primeiro modelo do óculos inteligente do Projeto Aria não traz display embutido

Quase um ano após o anúncio do ambicioso experimento de Realidade Aumentada (RA) do Facebook através do óculos inteligente do Projeto Aria, um manual sobre o funcionamento do gadget vazou do banco de dados da Federal Communications Commission (FCC), revelando detalhes sobre o dispositivo. Com o codinome Gemini EVT (teste de avaliação de engenharia), duas ausências chamam a atenção: a RA e a Realidade Virtual (RV).

Detalhes vazados do óculos inteligente do Projeto Aria

Pelas imagens divulgadas pelo manual notamos que a aparência externa do dispositivo é como de óculos comuns, com poucos botões e no dia-a-dia pode até passar despercebido aos menos atentos que se trata de um óculos tecnológico. Ainda conforme o manual, o gadget é equipado com um chipset da Qualcomm, sensores de proximidade e de imagem da câmera, sendo o último semelhante ao do Oculus Quest 2.

Óculos inteligente do projeto aria do facebook tem detalhes vazados
São apenas quatro botões, garantindo assim, uma certa descrição aos usuários do dispositivo

O Gemini EVT não tem um display embutido. Portanto, não espere as funções de realidade aumentada como as encontradas no Google Glass. Na verdade, o projeto parece ser mais simples do que se imaginava há quase um ano. O dispositivo possui quatro câmeras e três botões para ligar, capturar e silenciar. Ele também tem uma série de LEDs para permitir que os transeuntes saibam que o dispositivo está ativo e gravando. O botão mudo também muda para o modo de privacidade, que supostamente interrompe a gravação de som. O manual não contém detalhes sobre as especificações das câmeras.

Os óculos são carregados usando um conector magnético no estilo Fitbit, via USB, que também pode transferir dados. Há também um aplicativo de iOS (o manual não especifica se também haverá uma versão para Android) complementar, chamado Ariane, para enviar dados que os óculos coletam e verificar o status da conexão e a vida útil da bateria.

Óculos inteligente do projeto aria do facebook tem detalhes vazados
App Ariane indica status do óculos

É importante ressaltar as informações contidas no manual são do protótipo de dispositivo, além do que a versão encontrada no site da FCC é a 0.9 do documento, datado de 28 de agosto de 2020. Ou seja, é muito provável que o Facebook tenha feito significativas nesse intervalo de quase um ano.

O que é o Projeto Aria?

O Projeto Aria é uma iniciativa de pesquisa do Facebook para ampliar as aplicações de RA. Simplificando, o Facebook está coletando dados para otimizar os óculos de RA antes de lançá-los para os consumidores, como vimos acima.

A princípio, o Facebook fará apenas uma centena desses dispositivos inicialmente. O dispositivo será limitado a funcionários do Facebook e contratados na área da baía de San Fransisco e em Seattle.

Para o futuro desenvolvimento comercial, esse grupo deverá utilizar os dispositivos durante o dia, em casa, nos escritórios da companhia e em áreas públicas. Essa diversidade de ambientes será importante para que os desenvolvedores consigam ter uma boa noção dos movimentos da cabeça, além de conseguirem rastrear os olhos e desenvolver algoritmos de áudio.

Outros óculos inteligentes

Muito possivelmente conectado com a nova iniciativa, o Facebook também anunciou ano passado planos para lançar, ainda em 2021, um modelo de óculos inteligentes da marca Ray-Ban. O novo produto será fruto da parceria entre a companhia e Luxottica, que também desenvolve modelos para outras marcas como Oakley, Armani e Versace. Ou seja, o que teremos no futuro com o Projeto Aria pode ter até semelhanças com o lançamento em parceria com a Ray-Ban, mas são produtos diferentes.

Óculos inteligente do projeto aria do facebook tem detalhes vazados
Design e funções do óculos inteligente da parceria Facebook e Ray-Ban seguem em sigilo

Sem detalhes de design ou funções, tudo que temos é a garantia de Mark Zuckerberg que “os óculos têm seu formato icônico e permitem que você faça coisas bem legais”, dito em uma conferência de lucros da empresa mês passado.

Embora esses avanços sejam planejados para o futuro, o Facebook já conta com produtos próprios e de terceiros disponíveis que fazem uso de AR e VR:

  • Oculus Rift e Oculus Quest
Óculos inteligente do projeto aria do facebook tem detalhes vazados
Oculus Rift e Oculus Quest são dispositivos dedicados ao público que busca experiências mais imersivas com audiovisual e jogos

Comprado pelo Facebook há algum tempo, a plataforma Oculus sempre foi considerada uma das principais interações de VR no mundo. Com um foco para jogos de realidade virtual, com dois modelos disponíveis: o Rift, que é para quem já tem um PC em casa, e o Óculos Quest, que já vem com todo hardware interno.

  • Samsung Gear VR
Óculos inteligente do projeto aria do facebook tem detalhes vazados
Samsung Gear VR é um dispisitivo voltado para quem quer utilizar a tecnologia de realidade aumentada com o celular

Focado para celulares e dispositivos mobile, o Samsung Gear VR permite que pelo celular os usuários tenham experiências de realidade aumentada e virtual. Ele também é feito com tecnologia da Oculus.

Pelo que acompanhamos desde o ano passado, nota-se que Zuckerberg busca desenvolver as áreas de AR e VR, para ele ter, num futuro próximo, o domínio deste provável mercado consumidor. Não só daqueles que buscam maior imersão em experiências audiovisuais ou de jogo, mas também o público que quer apenas utilizar uma tecnologia de facilitação no dia-a-dia.

O que achou das novidades? Conte para nós nos comentários! Para mais notícias sobre o óculos inteligente do Facebook e o Projeto Aria, fique de olho no Showmetech.

Fontes: ProtocolThe Verge | The Next Web | FCC

Receba notícias como essa no seu email. Inscreva-se aqui:
Tags

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar um comentário