Computador acessando plano mais barato da netflix

Plano da Netflix com propaganda deve ser lançado esse ano

Avatar of victor pacheco
Custando menos para o usuário, o plano da Netflix com propaganda deverá incluir anúncios entre os episódios de programas assistidos na plataforma

Após todos os rumores de que a grande empresa de serviço de streaming de vídeo lançaria novidades para manter seus clientes ativos e também garantir a volta de antigos clientes, o co-CEO Ted Sarandos confirmou que veremos um plano da Netflix com propaganda ainda em 2022.

A informação havia sido vazada no mês passado pelo The New York Times, mas agora há mais informações sobre como esta ideia será tirada do papel. Entenda o caso agora mesmo.

Co-CEO confirma rumores de Netflix com propaganda

O lançamento de serviços de streaming de vídeo como HBO Max, Disney+, Star+ e outros provocou grandes problemas na Netflix, que há cerca de cinco anos era praticamente intocável. Apenas no último trimestre, foi registrada a perda de 200.000 assinantes na plataforma, isso sem falar sobre a pirataria dos conteúdos originais, que são chamariz para captação e retenção de clientes.

Ted sarandos, co-ceo da netflix
Executivo confirmou que empresa deixou parcela de clientes de lado (Foto: Reprodução/Internet)

Mas isso também não significa um grande problema: a Netflix ainda é o serviço de streaming de vídeo com mais assinantes em todo o mundo, atingindo o número total de 222 milhões de usuários. Os sinais apontam que este número pode diminuir ainda mais caso a empresa não comece a agir. O foco do novo plano da Netflix com propaganda será justamente tentar captar as pessoas dispostas a pagar menos se precisarem ver anúncios para isso.

Deixamos um grande segmento de clientes fora da mesa, que são as pessoas que dizem: ‘Ei, a Netflix é muito cara para mim e não me importo com publicidade’. Estamos adicionando uma camada de anúncio; não estamos adicionando anúncios à Netflix como você a conhece hoje. Estamos adicionando um nível de anúncio para pessoas que dizem: ‘Ei, quero um preço mais baixo e assistirei a anúncios.

Ted Sarandos, co-CEO da Netflix

Pouco se sabe como a ideia acontecerá na prática, mas é certo que a empresa deve colocar os anúncios entre os programas, como uma espécie de pedágio obrigatório para que os clientes consigam terminar de assistir aos filmes, séries e documentários disponíveis no serviço de streaming de vídeo.

Um plano semelhante a este já está disponível no Crunchyroll, que permite que contas gratuitas assistam a conteúdos sem a necessidade de pagamento. Outra informação que também não foi divulgada pela empresa é qual empresa seria a “fonte” dos anúncios.

O Wall Street Journal divulgou no início deste mês que a NBC News e o Google são os principais concorrentes para fornecer a publicidade, mas Sarandos afirma que a empresa não possui uma favorita e “seguem conversando com todos agora, para tomar a decisão”.

Smartphone acessando plano da netflix com propaganda
Google e NBC News são os principais apontados para serem parceiros da empresa (Foto: Reprodução/Internet)

No começo deste mês, rumores de que a Netflix poderia comprar a Roku para ter acesso aos anúncios da plataforma começaram a circular, mas o próprio executivo confirmou que a empresa “não precisa disso”, na mesma entrevista que deu em sua passagem pelo festival de publicidade de Cannes.

Disney investirá na mesma ideia

Estima-se a casa do Mickey planeje exigir que os clientes do plano mais barato assistam 4 minutos de propaganda a cada 1 hora conteúdo assistido. Ainda não há informações sobre preço, porém mais detalhes devem ser divulgados até o final do ano. Anúncios de bebidas alcoólicas e política foram vetados pela diretoria do Disney+.

Smartphone com o aplicativo do disney+ aberto
Disney também deve lançar plano com anúncios até o final do ano (Foto: Reprodução/Internet)

Ted Sarandos também não divulgou detalhes sobre o plano da Netflix com propaganda, mas não deve levar muito tempo para que mais informações sejam divulgadas. É importante lembrar que a empresa que é a casa de produções como Stranger Things, The Umbrella Academy e mais já chegou a lançar um plano gratuito e sem anúncios no Quênia, focado em permitir o primeiro contato com produções originais da plataforma.

Pessoa acessando serviço de streaming
Informações sobre preço de novo plano da Netflix com anúncios devem ser divulgadas em breve (Foto: Reprodução/Internet)

A companhia também está testando uma taxa adicional para pessoas que compartilharem a senha de sua conta, mas ainda não há informações de que isso chegará ao Brasil. Você estaria disposto a pagar menos em uma assinatura da Netflix se tivesse que assistir anúncios? Diga pra gente nos comentários!

Veja também

Saiba tudo o que chega ao catálogo da Netflix durante o mês de julho.

Fontes: The Verge l PC Mag

Inscreva-se para receber nossas notícias:

Total
12
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Relacionados