Programa de carros voadores da europa começa em 2022

Programa de carros voadores da Europa começa em 2022

Avatar of bruno martinez
Primeiro programa de carros voadores da Europa pode apontar como será o futuro da mobilidade urbana nas vias aéreas

Táxis aéreos, veículos e drones voadores capazes de fazer o transporte de carga, entrega de medicamentos e produtos, inspecionar as vias, fazer vigilância policial e auxiliar em situações de emergência médica parece muito futurista para você? Pois é, ao que tudo indica, o futuro chegou. Pelo menos essa é a proposta do programa de carros voadores da Europa, que vai começar a testar os novos serviços de mobilidade aérea ainda em 2021, sendo que a fase de testes urbanos está prevista para iniciar em 2022.

O projeto, chamado AMU-LED, faz parte do Horizon 2020, um programa de pesquisa e inovação da União Europeia iniciado em 2014 e tem como objetivo “garantir que os países europeus consigam produzir ciência de nível mundial, eliminando barreiras à inovação e permitindo que os setores público e privado trabalharem juntos na entrega da inovação”. 

O programa de carros voadores da Europa pretende melhorar a mobilidade urbana, otimizando o transporte de produtos e pessoas, auxiliando na redução do congestionamento das rodovias e até mesmo a diminuir a frequência de acidentes de trânsito. O AMU-LED já conta com a participação de 17 empresas, incluindo gigantes que produzem tecnologia e veículos aéreos como EHang, Boeing e Airbus. Somente a EHang possui cerca de 10.000 voos sem acidentes. Inclusive, a empresa já fez voos bem sucedidos com passageiros a bordo do seu  Veículo Aéreo Autônomo (AAV), o EHang 216, que tem capacidade para duas pessoas. 

Como serão os testes do programa de carros voadores da Europa?

O programa de carros voadores da Europa “é considerado uma das maiores demonstrações de serviços de mobilidade com veículos aéreos em meio urbano”, segundo o SESAR, órgão que regulariza a gestão do tráfego aéreo (ATM, sigla em inglês) no continente europeu. Os testes dos serviços oferecidos pelas empresas participantes do AMU-LED também serão acompanhados pela comissão europeia para operações seguras de drones, a U-space. Os resultados obtidos ao final da fase de testes vai ajudar as agências regulatórias de tráfego aéreo a criar novas regras para o funcionamento desse tipo de transporte.

Inicialmente, as simulações de voos do programa de carros voadores da Europa serão realizadas nas cidades de Amsterdã e Rotterdam na Holanda, Santiago de Compostela na Espanha e Cranfield no Reino Unido e terão duração de duração de dois anos. Serão mais de 100 horas de voos em cenários diversos e com diferentes veículos de transporte aéreo. A proposta é testar os serviços de entrega e transporte sem passageiros, em um primeiro momento. 

Programa de carros voadores da europa
A EHang deverá usar seu veículo aéreo autônomo durantes os testes do programa de carros voadores da Europa

O programa de carros voadores da Europa vai ajudar a repensar a mobilidade urbana e criar um novo tipo de transporte aéreo. Além disso, os veículos serão equipados com tecnologia de ponta como baterias de última geração, soluções de robótica e sistemas de inteligência artificial (IA). O programa será um passo importante para melhorar a mobilidade nos grandes centros e poderá ajudar a “criar cidades mais sustentáveis ??e inteligentes”, conforme informou o site DZNet

Você sabia que a Apple possui planos para entrar na indústria automotiva? Pois é, saiba tudo sobre a parceria entre a Apple e Hyundai que pode resultar no primeiro carro elétrico e autônomo da empresa. 

Fonte: ZDNet; Drone Watch; Dorne DJ; European Commission; EHang; SESAR

Inscreva-se para receber nossas notícias:

Total
0
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados