Tudo o que sabemos sobre o próximo filme de Quentin Tarantino

Tudo o que sabemos sobre o próximo filme de Quentin Tarantino 7
Com o nome de "Once Upon a Time in Hollywood", o nono filme do diretor vai falar sobre Charles Manson e está previsto para agosto de 2019.

Ícone no mundo cinematográfico, conhecido pelos diálogos interessantes e frames sangrentos que apresenta, Quentin Tarantino é um dos diretores favoritos de quem adora cinema.

Pulp Fiction, Cães de Aluguel, Kill Bill, Django e Bastardos Inglórios são alguns dos filmes com melhores críticas e personagens marcantes da cultura pop.

Seu último longa foi Os Oito Odiados, lançado em 2016 e que faturou o Oscar de Melhor Trilha Sonora no mesmo ano.

Cena de Os Oito Odiados, oitavo filme dirigido por Quentin Tarantino.
Kurt Russell e Samuel L. Jackson em Os Oito Odiados.

Tarantino pretende se aposentar depois de atingir a marca de 10 filmes, e já está trabalhando no 9º: Once Upon a Time in Hollywood (Era Uma Vez em Hollywood).

 

Enredo

Era Uma Vez em Hollywood vai falar de Rick Dalton, uma antiga estrela de faroestes da TV e seu dublê, Clif Booth. Os dois não conseguem trabalhar com a queda do gênero em uma Hollywood hippie.

O filme vai se chocar com a realidade por causa da vizinha de Dalton, a atriz Sharon Tate e seu marido, Roman Polanski.

Sharon Tate, que estava grávida de 8 meses, foi assassinada pelos seguidores de Charles Manson, juntamente com amigos que passavam a noite em sua casa.

Tudo o que sabemos sobre o próximo filme de Quentin Tarantino 8
Sharon Tate, atriz assassinada pelo clã de Charles Manson em 1969.

Charles Manson ficou famoso por reunir quase que uma pequena sociedade em que ele persuadiu pessoas a matarem, de um jeito que culpassem a comunidade negra dos Estados Unidos, para que uma guerra racial começasse.

Durante essa guerra instaurada por eles, Manson e seu clã se esconderiam para sair quando ela acabasse e, assim, recomeçar o novo mundo.

Manson deu o nome de Helter Skelter para esse “apocalipse”, por causa da música dos Beatles. O líder do culto dizia que o White Album trazia esse mensagem escondida e que o disco do quarteto fantástico pedia que Manson fosse o salvador e o responsável por trazer o novo mundo.

Elenco

Já estão definidos dois atores para o filme: Brad Pitt e Leonardo DiCaprio.

DiCaprio já havia participado de um filme de Tarantino, em Django, onde ele teria machucado a mão enquanto estava atuando. Essa performance do Leo realmente foi digna de Oscar mas, infelizmente, também não foi dessa vez.

DiCaprio participará de Once Upon A Time in Hollywood.
DiCaprio ao lado de Tarantino.

Leonardo DiCaprio será a ex-estrela do faroeste, Rick Dalton, enquanto Brad Pitt interpretará seu dublê, Cliff Booth.

A atriz Margot Robbie, que recentemente fez um ótimo trabalho em Eu, Tonya, está cotada para o papel de Sharon Tate. Boatos que as negociações já até começaram.

Data de Estreia

Como a o filmes vai começar, de fato, no meio deste ano, é esperado Once Upon A Time in Hollywood estreie no dia 9 de agosto de 2019.

A data foi escolhido pois é o aniversário de 50 anos da morte de Sharon Tate.

 

Tarantino: mais uma decepção em Hollywood

Na onda de denúncias de assédio contra os homens poderosos de Hollywood, ficou claro que, infelizmente, quase todo homem que a gente gosta na indústria cinematográfica tem grandes chances de ser um lixo.

No caso de Tarantino, ele não assediou ninguém (nenhum denúncia até o momento), mas fez pouco o caso quanto Uma Thurman lhe contou sobre os ataques sexuais que estava sofrendo de Hervey Weinstein e defendeu Roman Polanski quando o diretor disse que “sexo com uma garota de 13 anos não era estupro”.

Sim, sexo com alguém menor de idade é estupro. Tarantino percebeu que ele não pensou muito antes de falar e se desculpou pelo comentário “insensível, ignorante e incorreto.”

Tudo o que sabemos sobre o próximo filme de Quentin Tarantino 9
Quentin Tarantino e Uma Thurman.

No relato de Thurman, que foi publico em fevereiro de 2018, a atriz conta o que passou enquanto trabalhava em um filme produzido por Weinstein e como quem ela considerava um amigo a decepcionou.

Primeiro que Weinstein acabou interferindo na relação criativa entre um diretor e uma atriz talentosíssimos, resultando em Thurman parando de ser tratada como uma parceira criativa e, sim, “uma ferramenta”.

Tarantino não apenas ignorou quando Thurman expôs Harvey e fez pouco caso das acusações, mas também, por conta da pressão da produtora, a forçou a fazer uma cena que ela não se sentia segura.

Tudo o que sabemos sobre o próximo filme de Quentin Tarantino 10
Uma Thurman em Kill Bill Volume 2.

Uma Thurman não queria dirigir o carro na estrada de terra na cena que abria Kill Bill 2. Tarantino usou da confiança que ela tinha nele para fazer Thurman fazer a cena. E Uma Thurman sofreu um acidente de carro, tendo sequelas que ela sente até hoje em seu joelho.

Thurman não conseguia as imagens do acidente da produtora para fundamentar o processo, por razões óbvias. Nesse caso, Tarantino, diferentemente dos outros homens de Hollywood, conseguiu um pouco de sua redenção.

Tarantino reconheceu seus erros e pediu desculpas à Uma Thurman. E, para se redimir, ele conseguiu as imagens da produtora para que Thurman conseguisse mais provas para trazer o caso à tona.

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar um comentário

Deixe seu comentário:

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Receba Notícias por E-mail:

Share via