Conecte-se conosco

AMD

Raspberry Pi anuncia o Pixel OS, um sistema operacional voltado para PCs mais antigos

A Raspberry Foundation acaba de anunciar o Pixel OS, sistema voltado especificamente para notebooks e desktops mais antigos e básicos.

O Raspberry Pi já é bastante conhecido atualmente. Chegou ao mundo como um “computador de US$ 25” voltado para regiões carentes, e acabou conquistando cada vez mais espaço desde então. Por ser um computador básico, seu sistema operacional deveria ser o mais leve quanto possível. Basta considerar que a primeira versão trazia um SoC com apenas um núcleo rodando a 700 MHz e 256 MB de memória RAM. As versões seguintes receberam upgrades consideráveis, mas a proposta dos sistemas operacionais continuou a mesma.

Porém, os sistemas não eram compatíveis com PCs. Seu chip usa a arquitetura ARM, não o x86 dos processadores Intel e AMD, e os sistemas operacionais eram compilados para ele. Até agora. A Raspberry Foundation acaba de anunciar o Pixel OS, sistema voltado especificamente para notebooks e desktops mais antigos e básicos. Ele é baseado no Debian, um sistema leve por natureza, mas este é voltado para usuários Linux mais experientes. Já o Pixel OS foca no usuário iniciante, facilitando tanto a instalação quando o uso diário.

Requisitos mínimos

Quais são os requisitos mínimos necessários? Bom, ele funcionou bem em um ThinkPad X40, com um processador Intel Pentium M e 512 MB de memória RAM. Ou seja, mostra que o Pixel OS consegue rodar em boa parte das máquinas mais antigas sem grandes problemas. Vale comentar que o Pixel OS não é único sistema com essa finalidade. Há diversas distros Linux com o mesmo propósito, indo do TinyCore até o Xubuntu (Ubuntu com LXDE), cada uma delas com a sua particularidade.

Se o Pixel OS repetir o crescimento explosivo do Raspberry Pi, não demorará muito para que ele figure nas primeiras colocações do Distrowatch, que monitora continuamente a popularidade de cada distribuição. Além disso, é sempre bom ver alternativas para reviver máquinas mais antigas, incapazes de rodar as versões mais recentes do Windows. Se interessou pelo Pixel OS? Para experimentá-lo, basta baixá-lo gratuitamente no site oficial para PC ou Mac. Já experimentou o sistema? Conte para nós o que achou!

Apaixonado por livros e ávido devorador de conteúdo, passa um bom tempo separando o que é informação e o que é ruído.

Comentários

Mais de AMD

Dica

Advertisement

Mais Lidas

Advertisement

Reviews

Cultura Geek

Tutoriais

Subir