Review gopro hero10 black

REVIEW: GoPro HERO10 Black

Avatar of césar marcos
A GoPro HERO10 Black é, sem dúvida, uma das melhores câmeras de ação e sua estabilização eletrônica impressiona bastante.

Quando participei do evento de lançamento da GoPro HERO10 Black eu fiquei bem surpreso com todas as funções e recursos anunciados, me pareceu ser propaganda demais. Tive essa impressão talvez por conta de ter testado uma GoPro pela primeira vez em 2014, a HERO3 Black Edition; na época, apesar de muito interessante e promissora, não me interessou muito, principalmente pelo meu perfil: caseiro.

Tive que testá-la para ter certeza de que tudo aquilo era verdade ou não, e, para minha surpresa, a nova GoPro entrega muito do que promete.

A começar pela estabilização, no vídeo de demonstração foi colocada uma GoPro HERO10 Black em um cachorro que, mesmo correndo, gerou vídeos sem nenhum tipo de tremida ou movimentações bruscas, tudo foi extremamente suave e natural. Sem usar um gimbal extra que tem várias articulações para reduzir as tremidas, a câmera faz o trabalho sozinha. Isso acontece por conta do GP2, o novo processador que vem embarcado e é bem mais poderoso que o antecessor, capaz de rodar o algorítimo de correção de imagem quadro a quadro, e o HyperSmooth 4.0, que faz parecer mágica o trabalho feito para suavizar vídeos gravados em situações extremamente agitadas.

A câmera é lotada de surpresas positivas, uma ou outra negativa, vem com inúmeros recursos e funções, mas antes de citar cada detalhe, precisamos ressaltar o compromisso da GoPro em reduzir os danos causados ao planeta:

A GoPro está comprometida com a utilização de embalagens ecologicamente corretas e sem plástico em todos os seus produtos. A embalagem da HERO10 Black não é nem uma embalagem em si, mas sim um estojo de viagem durável e de alta qualidade, criado para guardar outros suportes e acessórios GoPro.

Design e Construção

Foto da gopro hero10 black em um fundo colorido azul
A HERO10 Black repete o design certeiro da edição anterior que une beleza e boa construção. Foto feita com a GoPro HERO10 Black em um dia nublado. Ela consegue capturar os detalhes mais claros e mais escuros sem distorcer nenhum tom. Foto: César Marcos

A GoPro HERO10 Black é aquele produto que só de pegar você já sente que é bem construído e vai durar bastante. Ela segue o mesmo design da HERO9 Black, mesmo tamanho, mesmas medidas, é a mesma coisa. A grande novidade da versão anterior foi a tela LCD colorida de 1.4 polegadas na frente que te permite se enquadrar na cena quando estiver gravando vlogs, por exemplo. Não há informações sobre a resolução das telas, nem a frontal, nem a traseira.

Outra novidade é que a tampa da lente agora usa vidro hidrofóbico anti-queda. Sabe quando você tá gravando algo e uma gota de água na lente estraga a cena? Então, isso não acontecerá mais. Obrigado, GoPro!

Ela é toda vedada para proteger os componentes internos de água e poeira, o que faz dela uma câmera de ação à prova d’água (até 10 metros) sem usar cases ou qualquer acessório extra. Praticidade para quem a usar, um item a menos para comprar ou se preocupar: quem viaja sabe que qualquer coisa a menos no checklist é sempre bem-vindo.

Existem 3 microfones com redução avançada de ruído do vento e ela conta com alto-falante para você poder ouvir o áudio dos vídeos e também para os avisos sonoros. Há, também, vários acessórios que você pode acoplar; falaremos de cada um que testamos mais abaixo. Inclusive, todos os acessórios feitos para a HERO9 Black funcionam na HERO10 Black. Muito bom, né?

Foto de uma gopro hero 10 black com acessórios em cima de um dormente de linha ferroviária
Módulo para vlogs com entradas extras e microfone embutido, lente, módulo de iluminação, são muitos itens. Foto feita com a GoPro HERO10 Black em um dia nublado. Ela consegue capturar os detalhes mais claros e mais escuros sem distorcer nenhum tom. Foto: César Marcos

Câmera

Há várias melhorias quando comparamos com a GoPro anterior. Além de saltar de 20 MP para 23 MP em fotos, agora é possível gravar em 5.3K a 60fps, 4K a 120 fps e 2.7k a incríveis 240 fps. Isso significa que a quantidade de quadros por segundo foi dobrada nas 3 resoluções

Veja as principais diferenças na tabela de comparação:

GoPro HERO10 BlackGoPro HERO9 Black
ProcessadorGP2GP1
Resolução de fotos23 MP20 MP
Resoluções de vídeo5.3K60, 4K120 e 2.7K2405.3K30, 4K60 e 2.7K120
Estabilização de vídeoHyperSmooth 4.0HyperSmooth 3.0

O ISO pode ser alterado entre o mínimo de 100 e o máximo 3.200 (à noite pode gerar imagens mais granuladas e com ruído). Há como controlar a nitidez e o nível de saturação, ou seja, são inúmeras regulagens que o usuário pode fazer pra adaptar o produto ao cenário que ele está e criar o resultado que ele espera.

Modos de foto e vídeo

Uma das novidades é o LTM (mapeamento local de tons), que agora não é exclusivo de fotos e é aplicado também em vídeos. Ele basicamente analisa as imagens capturadas e otimiza o contraste em áreas com menos detalhes para produzir melhores resultados em fotos e agora em vídeos também. O LTM em vídeos é proporcionado pelo GP2, que também possibilita a redução de ruído 3D (3DNR), que captura detalhes mais precisos e texturas mais realistas nas suas gravações.

Foto de um formigueiro feito com uma gopro hero10 black
Foto feita com a GoPro HERO10 Black em um dia nublado. Ela consegue capturar os detalhes mais claros e mais escuros sem distorcer nenhum tom. Foto: César Marcos

Fotos

Comparando ao modelo anterior, que fazia fotos com até 20 MP, a HERO10 Black ganhou um leve upgrade na resolução e agora produz fotos com 23 MP, disponível para todos os modos: disparo contínuo, foto noturna, SuperFoto e RAW.

Não há informações oficiais sobre a abertura do sensor, se é f/2,2 ou de quanto é, mas o que sabemos é que o ISO pode alternar entre o mínimo de 100 e o máximo de 3.200. A abertura do obturador também é configurável, podendo ficar aberto por 1/2000 ou até 30 segundos, e, claro, no modo automático.

Você também pode escolher entre três lentes:

  • Estreito: Lente de 27 mm com campo de visão estreito e sem efeito olho de peixe
  • Linear: Lente entre 19 e 39 mm com campo de visão amplo sem efeito olho de peixe
  • Amplo: Lente entre 16 e 34 mm com campo de visão amplo e efeito olho de peixe
  • Superview: Lente de 16 mm com campo de visão amplo e mais alto (disponível apenas para vídeos e em resolução abaixo de 5.3K)

O resultado de cada um dos modos é este:

É possível também escolher o modo de cor, e confesso que entre o Neutro e o Realista há bastante diferença, mas o Realista e o Vibrante são praticamente iguais.

Essa é uma câmera de ação, projetada para gravar pessoas praticando esportes e isso já é suficiente pra gente entender que ela não será usada à noite. É possível usá-la em situações de baixa luz, mas você terá granulação e ruído. Mexendo no ISO e no obturador para ficar 30 segundos aberto e usando tripé você consegue fazer fotos como a que fiz abaixo, mas lembrando, essa não é uma câmera para usar em situações de pouca luz.

Review: gopro hero10 black. A gopro hero10 black é, sem dúvida, uma das melhores câmeras de ação e sua estabilização eletrônica impressiona bastante.
À noite, com a câmera em um tripé, configurando ISO e obturador, dá pra fazer algumas fotos relativamente boas. Não é o foco, mas se precisar, é possível. Foto: César Marcos

De modo geral, em ambientes claros você conseguirá fazer excelentes imagens capturando as cores e os detalhes: a GoPro acertou em cheio.

Vídeos

Sim, temos aqui uma câmera minúscula capaz de gravar em 5.3K a 60 quadros por segundo com estabilização HyperSmooth 4.0 e capacidade de zoom digital de até 800 vezes.

A gente vê essa sopa de letrinhas na resolução e não faz ideia do que elas representam na prática. Para você entender o quão grande é a resolução de 5.3K, abaixo um comparativo entre as principais resoluções de vídeo da GoPro HERO10 Black:

Foto de árvores mostrando a diferença entre a resolução 5. 3k, 4k e o fullhd, resoluções da gopro hero10 black
5.3K tem 15,8 milhões de pixels, o que equivale a 91% mais resolução do que 4K, e incríveis 665% mais resolução do que o vídeo Full HD. (Foto/César Marcos)

Todas as resoluções de vídeo que a GoPro HERO10 Black aceita:

ResoluçãoFrames por segundo
1080P (Full-HD)30, 60, 120, 240 FPS
2.7K60, 120, 240 FPS
4K24, 30, 60, 120 FPS
5.3K30, 60 FPS
Ao todo são 13 opções de resolução e taxa de quadros por segundo que o usuário pode escolher.

Durante a gravação de vídeos você consegue regular a nitidez artificial das imagens e alternar entre baixa nitidez, média nitidez e alta nitidez

Para quem quer gravar vídeos acelerados ou em câmera lenta, existem três modos de gravação para fazer isso:

  • Câmera lenta: nas resoluções que aceitam 240FPS você consegue gravar em até 10% da velocidade normal, seguindo por 120FPS com 20%, 60FPS com 40%, 30FPS com 80% e 24FPS com a velocidade normal.
  • Time Lapse: modo acelerado de gravação para quando a câmera estiver parada que vai tirando várias fotos com intervalos de tempo. Aceita intervalos de 0,5 segundos até 60 minutos.
  • TimeWarp (ou Hyperlapse): outro modo de vídeo acelerado. Te permite criar vídeos acelerados em até 30x (ou seja, um vídeo de 5 minutos fica com apenas 10 segundos). Esse modo se torna mais interessante, pois usa a estabilização eletrônica da câmera para ajustar a imagem e criar vídeos suaves e sem tremidos.

Vale ressaltar que, para cada um dos modos, você consegue ajustar resolução (ao máximo de 4K para o TimeWarp), alternar entre as lentes Superview, Amplo, Linear ou Linear com nivelamento de horizonte [te permite movimentar a câmera em até 45º que o software consegue manter nivelado] e estreito com 27mm que é sem o efeito olho de peixe), PROTUNE, ISO, Cor, nitidez, temporizador e mais.

Por fim, você ainda consegue usar sua GoPro (a partir da HERO8) como webcam Full-HD a 30 quadros por segundo e sem áudio; você precisaria de um microfone extra.

Os vídeos produzidos são vívidos, as cores ficam perfeitas e em ambientes com tons claros e escuros você consegue ter detalhes de ambos sem estourar no claro ou granular muito nos pontos escuros. Quando comparamos com imagens produzidas pelas câmeras anteriores, a diferença é assustadora. Em qualquer resolução que você grave, as imagens serão nítidas e detalhadas. Ela grava a uma taxa de bits relativamente alta: 60 megabits por segundo.

HyperSmooth

O HyperSmooth 4.0 merece um espaço só pra ele de tão surpreendente que ele é. Nascido na GoPro HERO7 Black, a fabricante informa que o recurso “oferece estabilização tipo gimbal para criar capturas de vídeo ainda mais suaves” através de “análise de cena avançada e algoritmo de correção do obturador de rolo, a câmera é capaz de olhar proativamente como o movimento está acontecendo quadro a quadro e ajustar a correção para tornar o vídeo super suave. Isso é obtido por meio do aumento da memória de processamento da câmera (não deve ser confundida com a memória de gravação do cartão SD). Usamos um algoritmo avançado de correção do obturador.

O recurso é realmente impressionante e o resultado é inacreditável. Os vídeos ficam extremamente estáveis e suáveis. Desci um morro de terra correndo gravando e na gravação não havia trepidação alguma. A estabilização oferece nivelamento do horizonte com limite de inclinação de até 45 graus e também funciona em gravações ao vivo, vale ressaltar.

Quando gravamos a 5.3K, só há 3 modos de estabilização: turbinado, padrão e desligado, o modo alto não está disponível. Infelizmente isso tudo tem um preço: consumo de energia. Quando ativa, a estabilização eletrônica somada ao algorítimo (que usa processamento) analisando quadro a quadro eleva o consumo de energia e a bateria, que já não faz milagres, é drenada mais rapidamente.

Performance e Tela

A maior atualização talvez esteja aqui: o processador GP2. Desde a HERO6 Black, lançada em 2017, não tínhamos atualização no processador fabricado pela própria GoPro.

Entre os destaques proporcionados pelo processador estão:

  • Navegação mais fluida e com poucos travamentos (bem poucos mesmo)
  • Resoluções mais altas
  • Taxas de quadros 2x mais rápidas
  • Qualidade de imagem superior
  • Proporciona estabilização de vídeo HyperSmooth 4.0
  • Algoritmos de vídeo aprimorados com mapeamento de tom local (LTM) e redução de ruído 3D (3DNR) que capturam detalhes mais precisos, texturas mais realistas e melhor contraste

Não há muito o falar sobre a tela. Ela cumpre seu papel, a traseira é touch, a tela na frente ajuda a se enquadrar em selfies e vlogs e é mais intuitiva que as telas anteriores, mesmo que não te permita controlar nada por ela, já que não é touch.

Review: gopro hero10 black. A gopro hero10 black é, sem dúvida, uma das melhores câmeras de ação e sua estabilização eletrônica impressiona bastante.
REVIEW: GoPro HERO10 Black

Bateria

É o calcanhar de Aquiles. Até agora são só elogios, mas a bateria deixa bastante a desejar. A começar pela imprecisão ao informar a porcentagem restante. Aparentemente existe um problema de software desde o lançamento que faz com que o valor restante de bateria mude conforme o modo que você esteja. Em nosso teste, ao alterar do modo de foto para o modo de vídeo, o valor mudava.

Também notamos que, enquanto fazíamos um TimeWarp em Full-HD, o vídeo foi encerrado por falta de bateria. Entretanto, ao ligar a câmera notamos que o visor informava ter 9% ainda. Esse problema foi relatado por outros usuários, então pode ser que em breve a GoPro resolva.

Usar o visualizador pelo smartphone e ter o GPS ativo ajuda a drenar mais rapidamente a bateria e em nossos testes contribuiu bastante para o aquecimento da câmera, algo que já é comum em modelos anteriores e até em outros aparelhos: sincronização de dados sem fio demanda muito esforço e uso de recursos, então não tem muito como evitar.

Uma bateria extra pode te ajudar a registrar situações onde você não conseguiria, e nem teria tempo, de colocar a bateria pra carregar. Uma bateria extra no site da GoPro custa quase R$ 300,00. Outra opção é usar uma bateria externa para carregar, e é possível usá-la enquanto carrega, mas aí você perde a resistência à água, já que a tampa de proteção fica aberta.

E aí você poderia comprar esse carregador duplo de bateria que hoje está custando R$ 679,00 no site da GoPro:

Review: gopro hero10 black. A gopro hero10 black é, sem dúvida, uma das melhores câmeras de ação e sua estabilização eletrônica impressiona bastante.
Imagem: GoPro

Acessórios e módulos

Review: gopro hero10 black. A gopro hero10 black é, sem dúvida, uma das melhores câmeras de ação e sua estabilização eletrônica impressiona bastante.
Foto: César Marcos

Se você também cresceu brincando de Lego, se sentirá realizado. A GoPro oferece vários acessórios que você “monta” para ganhar recursos extras ou melhorar o que ela já tem. A lista de acessórios da GoPro é imensa, tem desde coletes para prender a câmera no cachorro, até cases, filtros de lente, suportes, tripés, adaptadores, bastões de selfie e tudo que você imaginar.

Testamos alguns deles voltados para quem faz vlogs, veja abaixo:

3-Way 2.0

A GoPro o classifica como sendo “Uma garra ergonômica para câmera que se transforma em um tripé e em um braço de extensão para selfies ou capturas com follow-cam.

Realmente, todas as regulagens dele nos dão versatilidade pra posicionar a câmera de várias formas diferentes. No começo você pode ter um pouquinho de dificuldade pra manuseá-lo, mas depois você se acostuma.

Imagem: GoPro

Ele mede 49,53 cm quando totalmente aberto e retraído tem até 20,32 cm. É útil, mas como tripé pode ser bem pequeno.

No site da GoPro o 3-Way 2.0 é vendido por USD 69,99.

Módulo de lente Max para a HERO9 Black

Review: gopro hero10 black. A gopro hero10 black é, sem dúvida, uma das melhores câmeras de ação e sua estabilização eletrônica impressiona bastante.
Foto: César Marcos

Abaixo as principais características da lente Max:

  • Max HyperSmooth para estabilização de vídeo incomparável em até 2,7K60
  • Campo de visão (FOV) ultra-amplo de 155 para uma perspectiva aprimorada e melhor profundidade de campo
  • A trava de horizonte mantém seus vídeos no eixo horizontal ou vertical, mesmo se a câmera estiver montada descentralizada ou girar 360°
  • Max TimeWarp para proporcionar o mais alto nível de estabilidade já oferecido em vídeos TimeWarp
  • À prova d’água em até 5 m de profundidade quando instalado em uma câmera HERO.
  • Instalação e remoção fáceis sem ferramentas

Veja um exemplo de imagem feita com essa lente no modo de lente amplo:

Review: gopro hero10 black. A gopro hero10 black é, sem dúvida, uma das melhores câmeras de ação e sua estabilização eletrônica impressiona bastante.
Efeito olho de peixe é o que você quer? Então essa é a lente que você precisa. Foto: César Marcos

Tela frontal do módulo de display para câmeras

Review: gopro hero10 black. A gopro hero10 black é, sem dúvida, uma das melhores câmeras de ação e sua estabilização eletrônica impressiona bastante.
Módulo de tela acoplado ao módulo de mídia com o módulo de iluminação.
Foto: César Marcos

Ela usa entrada micro HDMI, ou seja: você precisa ter o módulo de mídia para conectar a câmera (e também para acoplá-la). A GoPro, como de costume, não informa a resolução ou a quantidade de polegadas da tela, só que tem 5 centímetros.

Há uma bateria interna para que você não precise sugar a já limitada bateria da câmera, e também não há informações sobre capacidade ou duração. É possível carregá-la usando cabo USB-C e ela se conecta à HERO10 Black, HERO9 Black e HERO8 Black por meio do módulo de mídia. Testei numa GoPro Hero4 Black (que tem a entrada micro HDMI) e o ícone na tela muda indicando que ela está tentando se conectar, mas nada é exibido na tela, infelizmente.

A HERO10 Black vem com a telinha quadrada de 1.4 polegadas na frente e pode ser insuficiente para quem grava vlogs, então é um acessório que se torna útil para este e outros tipos de usos.

Entretanto, não é uma tela touch e ao conectar na sua GoPro, ela desliga as telas da câmera, ou seja: você não consegue controlar ou mudar as configurações, você precisa desconectar a tela (que é um conector um tanto quanto frágil, é necessário ter cuidado, pois qualquer esbarrão já desconecta) para mudar qualquer configuração.

No visor é informada a porcentagem de bateria e ela muda o sentido da imagem quando você deita a tela ou quando você sobre. É importante lembrar que, enquanto conectada, você deve evitar a água, pois os conectores ficam expostos e você não quer estragar nem os módulos, nem a sua câmera.

A tela frontal é vendida no site da GoPro por USD 79.99

Módulo de mídia para as câmeras HERO10 e HERO9

Review: gopro hero10 black. A gopro hero10 black é, sem dúvida, uma das melhores câmeras de ação e sua estabilização eletrônica impressiona bastante.
O módulo da direita, a caixinha com espuma, é o módulo de mídia.
Foto: César Marcos

Como dissemos no começo do texto, a GoPro HERO10 Black tem o mesmo molde que a GoPro HERO9 Black, o que faz deste acessório compatível com as duas linhas.

No site é informado que ele foi “projetado para gravar vlogs e fazer transmissões ao vivo“, o que faz todo sentido, já que há um microfone direcional integrado que fornece áudio mais limpo, reduzindo o som ambiente e o ruído do vento, por exemplo.

Ele tem suportes cold-shoe para você conectar à tela frontal, módulo de iluminação ou outros acessórios próprios da GoPro ou de empresas terceiras, saída de micro HDMI (removida na GoPro 8) para reprodução em monitores externos, entrada de 3,5 mm para microfone externo, e entrada e saída USB-C para carregamento ou transmissão de dados.

O microfone do módulo vem com uma capa removível de espuma que suprime rajadas de vento de até 32 km/h de acordo com a GoPro. Para encaixá-la na câmera você precisa remover a porta da bateria (inclusive, não a perca, só essa tampinha é vendida por USD 19.99 no site da GoPro), e ela se conecta via USB-C mesmo.

O Módulo de Mídia está sendo vendido por USD 79.99.

Módulo de iluminação

Review: gopro hero10 black. A gopro hero10 black é, sem dúvida, uma das melhores câmeras de ação e sua estabilização eletrônica impressiona bastante.
REVIEW: GoPro HERO10 Black

Luz é tudo para a fotografia. Para ajudar a contornar situações de baixa luminosidade, a GoPro vende um Módulo de Iluminação à prova d’água que pode ser acoplado ao Módulo de Mídia ou com suportes da GoPro. Há 4 níveis de brilho que chegam a 200 lumens. Sua bateria é independente até 6 horas com brilho mínimo, e para recarregar basta abrir a tampinha e conectar o cabo USB-C.

Veja todas as características dele:

  • Até 30 segundos de brilho máximo no modo Overdrive
  • Modo estrobo para sinalização e visibilidade
  • Especificações de iluminação:
  • Modo Overdrive: 200 lumens, 200 lux a 1 m
  • Nível 3: 125 lumens, 120 lux a 1 m
  • Nível 2: 60 lumens
  • Nível 1: 20 lumens
  • Duração: 1 hora no nível 3, 2 horas no nível 2, 6 horas no nível 1
  • Temperatura de cor sem o difusor: 5.700K
  • CRI: Acima de 90

O Módulo de Iluminação está sendo vendido por USD 49.99.

Conclusão

É indiscutível que o produto é excelente. Se você já tem a HERO8 ou 9, talvez não valha o upgrade, mas se você não tem nenhuma câmera de ação ou tem modelos mais antigos e esteja cogitando comprar a HERO9 ou a HERO10, vá de HERO10.

Infelizmente, as informações sobre as características dela são muito escassas, não há dados sobre qual é o bluetooth, sobre a resolução da tela, abertura do sensor, sobre o GPS, se é Glonass, o que importa é que tudo funciona.

Vale o upgrade? A resposta é: depende. Qual modelo você já tem? Se você tiver a HERO8 ou HERO9, talvez não valha, dependerá muito da sua profissão ou do que você almeja fazer.

Entre a 9 e a 10, qual vale? Olha, ambas têm coisas em comum, mas o processador da 9 é o mesmo que vem sendo usado desde a 6, e o GP2 trouxe muitas melhorias, mais resoluções, e se você planeja comprar algo para durar muito tempo, vale sim investir um pouco mais e comprar a versão de 2021. Até porque, na data de publicação desta matéria, a HERO9 está mais cara que a HERO10.

Preço e disponibilidade

Você consegue comprá-la por R$ 3.549,00. O preço é salgado, mas por algum motivo está mais barato que a versão do ano passado, que está custando R$ 3.999,00. E aqui está o Review da GoPro HERO9 Black.

Especificações Técnicas – GoPro HERO10 Black

ModeloGoPro HERO10 Black
Wi-FiSim, 5Ghz
BluetoothSim
GPSSim
Altímetro e acelerômetroSim
Resistência a águaSim, 10 metros
Controle de vozSim
Bateria removívelSim, duração de 71 minutos 5K30fps ou 2H8M 1080P30fps
ArmazenamentoMicro-SD de até 512GB
Gravação de vídeo 5K25/30/50/60 FPS (5.3K)
Gravação de vídeo 4K 24/25/30/60/100/120 FPS
Gravação de vídeo 2.7K 24/25/30/48/50/60/100/120/200/240 FPS
Gravação de vídeo 1080P24/25/30/48/50/60/80/90/120/200/240 FPS
Vídeos em 360ºNão
Rotação automática de imagemSim
Estabilização de imagemSim, até 5K60FPS
Modo Timelapse, HyperlapseSim
Microfone InternoSim
Suporte a microfone bluetoothNão
Resolução da câmera23.6MP
Modo de disparos contínuosSim
Suporte ao formato RAWSim, com suporte ao modo HDR
AplicativoSim, para Android e iOS
Transmissão ao vivoFacebook/YouTube/GoPro Cloud
Controle RemotoSim
Case de mergulhoSim
ConexõesUSB-C, Micro-HDMI, Áudio 3.5mm
Preço
CoresPreta
Lançamento16 de setembro

Inscreva-se para receber nossas notícias:

Total
5
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Relacionados