Review: monitor curvo Samsung C32F391 mescla imersão e elegância

Saiba o que achamos desse estiloso monitor curvo da Samsung e decida se vale a pena o investimento no C32F391!

Para o C32F391, a Samsung combinou a tela de 31,5 polegadas com um intuitivo design. Além disso, entregando uma configuração enxuta, mas não deixando de lado uma boa experiência. Mas será que vale a pena investir nessa máquina?

Design

Diferente de muitos modelos no mercado, o C32F391 é revestido em plástico na cor branca. Pode parecer estranho,  já que muitos monitores no mercado possuem a cor preta. Essa combinação deu mais que certo, se você não deixa a elegância de lado.

A tela de 31,5 polegadas possui curvatura de 1800 R, e permite uma imersão que impressiona. Seja para filmes ou partidas em seu videogame, o monitor proporciona uma profundidade que nos transporta para dentro da cena. 

A base ocupa pouco espaço, ideal se você possui uma mesa pequena

Na traseira, um botão permite acessar o menu de configurações, ao lado estão as conexões de vídeo e também uma entrada para fones de ouvido. A base foi muito bem desenhada e ocupa um espaço ideal para pessoas que possuem uma mesa ou estante pequena.

Conectividade

Se a Samsung caprichou no design, economizou nas conexões. Com apenas uma porta HDMI, o dono precisa escolher se vai conectar o PC ou o videogame. Além de uma entrada Display Port, ele também possui uma porta P2 para fones de ouvido. Ambas as conexões funcionaram perfeitamente durante o uso. 

Apesar do ótimo do design, as conexões são escassas

Para ouvir o som do que está sendo mostrado na tela, você terá que recorrer a outros dispositivos de áudio. Como seria uma extensão do monitor, uma entrada USB para ligar  ou carregar caixinhas de som seria legal de ter. Assim você não precisaria ter que ligar sua caixinha em outro lugar, já que usaria no C32F391. 

O foco não está no som

Citando saídas de aúdio, o monitor não possui alto falantes. Ponto chave na imersão, a Samsung poderia ter investido nesse ponto , já que o público-alvo desse produto não são apenas os gamers. Mas outros monitores da Samsung possuem caixas de som próprias, como o CF591, portanto se você considera um fator importante, tenha em mente que ao escolher o modelo deste review terá que usar bons dispositivos de áudio.

Como alternativa você pode também conectar headsets bluetooh na hora de suas partidas, além de utilizar caixas de som. 

Qualidade de imagem 

Produzido não apenas para gamers, este monitor entrega imagens impressionantes. Mesmo assim ele possui um modo de jogo e, com ele ativado, as cores ficam mais claras, dando um toque adicional na imersão. A tela LCD consegue reproduzir imagens com um contraste mais estático. Ou seja, cores mais claras e vivas, sendo este o ponto alto da máquina.

A curvatura de 1800 R consegue entreter por bastante tempo, seja para sua maratona de séries ou em longas horas de jogatina. Segundo a própria Samsungessa tela gera menos cansaço para os olhos do que monitores com tela plana. Um fato verdadeiro, pois a imagem imersiva consegue entregar uma ambientação suficiente para te prender nos eternos “mais cinco minutinhos”. 

O Samsung Magic Bright é um recurso com quatro personalizações de brilho pré-configuradas de fábrica. No modo “Filme”, as cores ficam mais claras e perceptivas, já o modo “Stardard” deixa as cores escuras mais fortes. Existe também as configurações “Dinâmico” e “Pessoal”, totalmente distintas das outras. Essas configurações programadas pela Samsung são bastante atrativas, já que em alguns cliques a imagem muda completamente. 

O C32F391 não possui suporte ao FreeSync (usuários com placas de vídeo da AMD deixados de lado), mas isso é explicado porque ele não foi pensado apenas para os gamers. Por esse motivo a taxa de atualização não é tão alta (60 Hz), mas podemos dizer que aliado ao painel VA, não foram percebidos borrões que comprometiam a boa imagem apresentada. 

Recursos extras

Se a imersão vai te prender por horas, vai ser necessário descansar sua visão para ela não ficar desgastada. Foi por isso que a Samsung colocou na máquina um “Modo de Proteção Ocular”. Nessa configuração as cores ficam mais fracas, mas nada que comprometa a experiência.

Há também três modos de poupança de energia, são eles: Automático (que diminui o brilho de acordo com o tempo de uso), Baixo e Alta. Uma alternativa bacana, já que você vai aproveitar seu investimento ao máximo e ainda cuidar da sua conta de energia elétrica.

Mas afinal, vale a pena?

O Samsung C32F391 é um monitor com design que impressiona e ainda apresenta imagens de tirar o fôlego. Pensado não apenas para os gamers de plantão, o C32F391 chama bastante atenção pela imersão apresentada, combinado a um estiloso design. Mais uma vez, a Samsung poderia ter investido em altos falantes próprios, mas isso pode ser contornado pelos ótimos dispositivos de áudio à venda no mercado, já que este não é o foco natural do aparelho.

O monitor de 31,5 polegadas está sendo vendido no site da Samsung por R$2.199,00,  mas também pode ser encontrado em lojas como a Magazine Luiza e as Lojas Americanas com preço médio de R$ 1.600,00. Este é um preço adequado para a configuração, que apesar de não ser robusta, consegue entregar uma experiência completa.

Leia também

https://show.m9n7y4ka-liquidwebsites.com/review-monitor-gamer-samsung-c24fg70-possibilita-imersao-que-todo-jogador-sonha/

Samsung C32F391
  • Design - 10/10
    10/10
  • Conectividade - 7/10
    7/10
  • Qualidade da imagem - 10/10
    10/10
  • Recursos Extras - 10/10
    10/10
9.3/10

Resumo

Imersão impressionante combinada com um design que chama atenção, apesar das poucas conexões serem um ponto negativo.