Review: Sony WH-XB700 aprimora a linha com conforto e som poderoso

Imagem destacada do WH-XB700
Novo Sony WH-XB700 da família Extra Bass chega com estilo, conforto e som poderoso, traçando assim uma nova era na linha

A linha Extra Bass da Sony está aí para provar que é possível fazer headphones mais baratos e acessíveis aliados a uma ótima qualidade sonora. O Sony WH-XB700 é o mais novo integrante que está chegando nessa família, anunciado na última quarta-feira (19) em um evento em São Paulo, com a promessa de seguir o sucesso da linha Extra Bass no Brasil. Será que ele seguirá com a qualidade dos antecessores? Confira conosco nessa análise completa.

Design

Em primeiro contato, o headphone se mostra bem bonito e estiloso, a cor preta se estende por todo seu corpo dando espaço somente a uma parte prata em seus extensores feitos de alumínio. Manuseando o WH-XB700, à princípio a construção em plástico, algo típico dos modelos da linha Extra Bass, podem passar fragilidade, mas durante os nossos testes essa sensação passou longe, se mostrando bastante resistente ao uso diário.

Parte frontal do WH-XB700
Design do headphone se destaca por ser estiloso

Por ser Bluetooth, o headphone possui botões para facilitar o acesso a funções básicas como aumentar/diminuir o volume, pausar/reproduzir/avançar faixas. Esses botões ficam quase invisíveis à distância já que se mistura ao seu corpo feito do mesmo material e não possui nenhum tipo de destaque. Todos eles se encontram na parte inferior de ambos os lados do fone, o que faz o visual ficar mais limpo e de fácil acesso do usuário.

Entradas do WH-XB700
Entradas USB-C e P2 trazem mais opções ao usuário

O mesmo pode ser dito das entradas P2 e USB-C encontradas próximas aos botões do lado esquerdo do fone. É bom notar que é bem conveniente a Sony colocar a entrada USB-C em seu produto, já que se tornou padrão para aparelhos e gadgets atualmente. Como estamos numa fase de transição dessas portas, às vezes sofro quando estou na rua, pois eventualmente preciso carregar algum aparelho e ele ainda possui a antiga entrada Micro USB. Podemos ficar tranquilos em relação ao WB-XB700, já que estará pronto para receber o carregador do dia a dia.

As almofadas de isolamento acústico são muito competentes e fazem o trabalho de desconectar o usuário do mundo exterior com primor. Elas ficam apoiadas na orelha e não em volta delas como os headphones mais recentes, mas a empresa se mostrou preocupada com o conforto e colocou um material mais confortável do que os presentes na geração passada da linha Extra Bass. Não senti incômodo algum durante os longos períodos de utilização.

Já que falei sobre conforto, ele se aplica a todo o headphone. A parte superior possui um acolchoamento maravilhoso feito do mesmo material das almofadas de isolamento, criando uma combinação maravilhosa da leveza do corpo de plástico com o conforto dos apoios.

Almofadas de isolamento do WH-XB700
Almofadas de isolamento são muito confortáveis e isolam o ruído exterior com primor

Senti falta do logo da Sony nas laterais do headphone assim como nos modelos anteriores. Contudo, eles realocaram o logo para as alças com a mesma cor do corpo, ficando bem clean e minimalista.

Som

O que mais me chama atenção no trabalho da Sony é o custo-benefício atrelado na concepção de seus produtos voltados ao som. Toda a linha Extra Bass é muito competente pelo preço que nos é cobrado e o mesmo ocorre com o Sony WH-XB700. O som reproduzido é digno de um headphone intermediário de qualidade, com ressalva.

Botões do WH-XB700
Botões do headphone fazem a utilização ser simples e intuitiva

As frequências são muito bem distribuídas para todo o tipo de música, conseguindo se superar em relação aos seus antecessores, já que havia um exagero em frequências graves sem sub-bass de qualidade tornando o som sem brilho. Consequentemente, era necessária uma abertura das frequências médio/agudas e agudas no equalizador para haver um equilíbrio sonoro.

O WH-XB700 chega corrigindo tais erros e deixa tudo muito mais equilibrado. Notei um trabalho melhor no sub-bass, criando uma experiência de graves mais imersiva, coisa que faltava nos modelos anteriores.

Para melhor entendimento, os sub-bass são as frequências mais graves de um som, começando por volta de 60Hz e indo até a frequência mais grave que o ouvido humano consegue ouvir (20Hz). Em suma, o sub-bass é uma frequência mais “sentida” do que escutada: um ótimo exemplo são shows em arenas e estádios com equipamentos de ponta, onde em certos momentos você sente seu corpo vibrar ao bater do bumbo ou em notas mais graves de um baixo.

Esse é o requisito básico para se avaliar em um headphone com foco em graves e a Sony traz um pouco dessa experiência em um produto mais barato.

Esses graves mais profundos podem ser ajustados pelo aplicativo da Sony para headphones, tanto para mais quanto para menos. Fica a gosto do usuário o quanto de graves quer em seu fone, isso o faz ser muito versátil para todos os estilos musicais.

Logo da Sony no Wh-XB700
Logo da Sony agora na alça do headphone

E como dito anteriormente, seus médios e agudos são melhorados e as músicas ficam com mais brilho, sendo possível ouvir todos os detalhes sonoros importantes ao fundo. Músicas como Daydreaming e Ful Stop da banda Radiohead são lindas de se ouvir – todos os efeitos, ambientações, synths e vocais de apoio ficam em evidência até para aqueles que não são muito ligados a detalhes.

Mas há uma ressalva no meio de toda essa qualidade. O WH-XB700 peca na qualidade em volume máximo, há distorções e alguns ruídos quando é exigido que ele mostre todo o seu potencial. O headphone está longe de ter um volume baixo, então isso não se torna um problema muito grande. Durante os testes, não necessitei aumentar até o máximo que meu smartphone permitia para ter uma experiência satisfatória.

Bateria e Conexão

O WH-XB700 é muito competente na bateria. De acordo com a Sony, ele é capaz de entregar 30h de autonomia e isso foi comprovado durante os testes. Antes de necessitar carregar o headphone, precisei de 4 dias de uso, já que ouço música mais quando estou fora de casa. Além disso, o carregamento é muito veloz e com apenas alguns minutos de carga ele foi capaz de me proporcionar horas de reprodução – claro, tudo isso por conta da velocidade do USB-C integrado ao headphone.

Caixa do WH-XB700
Caixa que acompanha o headphone segue o padrão da linha Extra Bass

O headphone se conecta de 2 formas: a primeira é via Bluetooth 4.2 com NFC, que garante uma transmissão de qualidade sem falhas ou engasgos, o alcance também é muito bom e só há algum corte na transmissão por meio de paredes ou obstáculos mais grossos; já a segunda é via cabo P2, entregando uma qualidade de reprodução levemente superior, mas a diferença entre os dois é bem pequena. Vale a pena a utilização integral por meio da conexão sem fio, já que é muito competente.

Microfone e Assistente de Voz

Outra novidade que acompanha o WH-XB700 é o suporte para as assistentes Siri e Google Assistente com botão dedicado no lado esquerdo. Com apenas um toque, a assistente fala a hora atual e lê as notificações do seu smartphone. Já pressionando o botão, o usuário pode pedir comandos como enviar mensagens, agendar um lembrete, fazer uma ligação e muitos outros.

Sensor NPC do Wh-XB700
Na direita, headphone possui conexão via NPC

O microfone embutido transmite a voz com clareza em ligações e áudios do WhatsApp, tudo bem limpo e livre de ruídos exteriores. A assistente sempre entende o que você quer e dificilmente vai te deixar na mão.

Aplicativo Sony WH-XB700

O aplicativo Sony Headphones complementa a experiência trazendo recursos muito legais para o headphone. Definir som surround, aumentar e diminuir o Clear Bass, controlar a posição do áudio, controlar a música em reprodução e definir configurações do assistente são umas das funcionalidades disponíveis.

Todos esses recursos fazem o pacote ficar ainda mais completo e aprimorar a experiência do usuário. O aplicativo está disponível na Apple Store e Google Play.

Conclusão

O Headphone Sony Extra Bass WH-XB700 é o que podemos chamar de evolução. Tudo o que a linha trouxe até aqui foi melhorado com o novo integrante da família, se destacando por ser estiloso, confortável, prático e com um ótimo som. Com frequências retrabalhadas e um sub-bass de qualidade, a Sony acertou em cheio e se firma cada vez mais como a líder nesse segmento.

O WH-XB700 está disponível em pré-venda nas cores Preto e Azul pelo preço promocional de R$ 599,00 na loja oficial da Sony no Brasil.

Especificações técnicas do Sony Extra Bass WH-XB700

ModeloWH-XB700
ConectividadeBluetooth 4.2 com NPC / Conexão P2-P2
Codec: SBC, AAC, aptX
Bateria30 horas de duração
Driver de som20–20,000 Hz (44.1 kHz Sampling)
Impendância: 37 ohm
Potência103 dB/mW
CorAzul, Preto
PreçoR$ 699,00

Review completo em vídeo

  • Design - 9/10
    9/10
  • Conforto - 10/10
    10/10
  • Reprodução sonora - 9.5/10
    9.5/10
  • Bateria - 10/10
    10/10
  • Microfone - 8.5/10
    8.5/10
  • Funções Extras - 9/10
    9/10
9.3/10

Summary

Novo integrante da família Extra Bass da Sony chega com estilo, conforto e som poderoso, traçando uma nova era na linha Extra Bass

Pros

  • Design bonito e estiloso
  • Botões bem localizados para realizar funções de forma intuitiva
  • Carregamento rápido via USB-C
  • Entrada P2 para continuar utilizando quando a bateria acabar
  • Almofadas de isolamento muito confortáveis
  • Som poderoso com sub-bass de qualidade e frequências bem equilibradas
  • Aplicativo traz funções extras para melhorar a experiência

Cons

  • Som em volume máximo pode estourar
  • Botão de assistente traz funções bem simples e nada interessantes

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar um comentário

Deixe uma resposta

Receba nossas notícias:
[widget id="jackmail_widget-2"]
Holler Box