Agora é possível rodar aplicativos do Windows no Mac M1

Usuários podem rodar aplicativos do Windows no Mac M1
Ferramenta CrossOver 20 permite que a execução de aplicativos do Windows no Mac M1, que já vem com os novos processadores da Apple

No início do ano, a Apple prometeu novos computadores, agora com processadores fabricados pela própria empresa. A promessa foi cumprida e, na semana passada, a marca anunciou os novos Macs M1, que contam com uma estrutura totalmente personalizada para a estrutura dos equipamentos da maçã.

Com este lançamento, muita gente se perguntou se daria para continuar rodando aplicativos e jogos do Windows no Mac M1, como acontece hoje. Por isso, o Showmetech trouxe para você a resposta para essa dúvida e a solução para o caso desse ser um futuro problema.

O Crossover é uma plataforma de código aberto que permite a execução do ambiente de um sistema operacional em outro distinto. No caso do CrossOver 20 ele garante a execução do ambiente do Windows nos Macs M1 — os novos modelos com processadores Apple Silicon — conforme um teste feito pela equipe de desenvolvedores.

Na prática, não é preciso instalar uma versão completa de um sistema operacional, como acontece com as máquinas virtuais.

A equipe da CodeWeavers conseguiu rodar o Windows no Mac M1 na versão mais recente do software que emula códigos de chips Intel no macOS por meio da tecnologia Rosetta 2 (uma espécie de tradutor de códigos binários), que faz o processo por meio da base x86 na nova estrutura de ARM do Mac.

“Isso é incrível quando você considera que estamos literalmente no dispositivo Apple Silicon mais barato que você pode comprar — um que é termicamente regulado e não tem um núcleo de GPU. Eu não posso te dizer o quão legal isso é; há muita emulação acontecendo nos bastidores”, disse um dos integrantes da equipe.

O grupo testou diversos aplicativos, incluindo o popular jogo Team Fortress 2, que, apesar do tempo de resposta, teve um bom desempenho, como mostra o vídeo a seguir.

De acordo com os testes, esta emulação só foi possível na versão beta do macOS Bug Sur 11.1, que já conta com correções para a tecnologia Rosetta 2. A emulação também foi testada pela versão mais recente do software, o CrossOver 20.0.2.

Ainda não há data prevista para as vendas dos novos computadores da Apple, portanto, os usuários só conseguirão ver aplicativos do Windows no Mac M1, na prática, quando houver a oficialização.

Novos Macs com chip M1

Usando o CrossOver, vai ser possível usar aplicativos do Windows no Mac M1
Apple garante mais desempenho nos novos produtos

Conforme divulgou o Showmetech, a Apple anunciou a chegada dos novos MacBooks em um evento virtual realizado na quarta-feira, 12. Na ocasião, a marca revelou dois novos modelos de computadores portáteis: MacBook Air, MacBook Pro, além de um novo Mac mini.

Segundo a Apple, todos esses produtos serão equipados com os novos chips M1, que são processadores fabricados pela própria empresa, e não mais pela Intel.

Nesse contexto, os novos modelos terão melhor desempenho, eficiência de energia e poderão ser integrados aos outros produtos da marca, rodando aplicativos móveis de forma nativa no macOS Big Sur.

O que é um emulador?

Um emulador é desenvolvido para que os usuários consigam aproveitar a experiência de um software em um sistema operacional diferente daquele para o qual ele foi criado. Existem emuladores para os mais diversos hardwares e que suportam vários aplicativos e jogos. Ou seja, se estiver usando um iPhone com um emulador Android, por exemplo, os usuários conseguem usar aplicativos que não estão disponíveis na App Store.

A lista de emuladores é bem extensa e o Showmetech já preparou uma lista com os 20 melhores emuladores de jogos clássicos para o sistema Android. Entre os softwares, há simuladores para o clássico Nintendo 64, que permite que jogos do console sejam reproduzidos no smartphone, e até para o GameBoy, que foi sucesso na década de 1990.

Fonte: 9to5mac

Receba notícias como essa no seu email. Inscreva-se aqui:

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar um comentário

Assine nossa Newsletter