Galaxy s22+

Samsung ensina como proteger apps no celular

Avatar of bruno martinez
Dicas da Samsung focam em como usuários podem proteger seus smartphones e apps de situações de furto

Com os recentes problemas e relatos virais de pessoas que tiveram celulares roubados, e logo depois tendo as vidas financeiras completamente bagunçadas pelos ladrões, os consumidores de smartphones estão cada vez mais buscando formas de proteger os dados contidos nos aparelhos, para evitar que um furto vire um momento mais crítico do que deve ser. 

Considerando a quantidade de dados sensíveis que são armazenados em aparelhos móveis, esses problemas já eram previstos por muitas das fabricantes móveis, como a Samsung, que há um bom tempo possui ferramentas de proteção e segurança na linha Galaxy para evitar esse tipo de situação.

Nesse contexto, Renato Citrini, gerente sênior de produtos da Samsung Brasil, compartilhou com o Showmetech como os usuários de dispositivos Galaxy podem aproveitar ao máximo as funções de segurança disponibilizadas nos aparelhos. Confira:

A segurança dos smartphones da Samsung contra acessos indesejados

Pessoa segurando samsung galaxy s21
A proteção de dados em aparelhos da Samsung é presente em todos os smartphones do portfólio atual da empresa. (Imagem: Showmetech)

Partindo do básico, Citrini afirma que a Samsung tem como um de seus pilares a segurança de seus produtos, seja na parte de software como do acesso dos aparelhos, utilizando características como pasta segura, identificações e validações por meio de reconhecimento facial e biométrico, além de páginas oficiais online que explicam como cada uma dessas funções de proteção podem ser utilizadas.

Porém, todas essas situações precisam da adoção dos usuários, o que pode ser complicado pois ainda existem muitos donos de celulares que nem usam a primeira camada de proteção: o bloqueio de tela com senha, que já pode expor dados pessoais dos usuários.

Mesmo quem não tem um aplicativo de banco no celular pode ter um delivery de comida ou outro tipo de programa com pagamentos, permitindo que ladrões possam realizar transações com as informações financeiras da vítima.

Renato Citrini, gerente sênior de produtos da Samsung Brasil

Para evitar esse problema, a recomendação é que usuários utilizem senhas e principalmente os métodos de identificações biométricas/faciais (tidos como mais seguros) no bloqueio de tela de seus smartphones — e, em caso de palavras-chave, sempre utilizar sequências complexas e difíceis de serem desvendadas. 

O bloqueio da tela é importante para proteção de celulares

Mulher tirando captura de tela no galaxy s22
O bloqueio de tela pode ser uma solução forte de proteção em smartphones. (Foto: Reprodução/Samsung)

Sabendo que alguns dos casos de roubos de contas mais virais dos últimos meses ocorrem com os ladrões furtando celulares durante o uso pelas vítimas, seja em um táxi com janela aberta ou em lugares movimentados, Citrini afirma que é importante que usuários configurem o bloqueio de tela rápido em seus smartphones. 

O bloqueio pode ser configurado para que com sinais mínimos de inatividade do usuário — por exemplo, cinco segundos sem contato do dedo com a tela ou mesmo o celular travando por conta de alguma execução falha de aplicativo — o display se apague e, caso o aparelho tente novamente ser aberto, a senha seja necessária.

Celulares da Samsung também contam com a possibilidade de configurar o botão de liga/desliga para bloquear o smartphone com um breve toque. Além disso, enquanto o dispositivo tiver conexão com a internet, através do site Find my Mobile é possível emitir comandos que desativem sistemas como o Samsung Pay, bloquear o celular e até mesmo apagar todos os dados armazenados.

O Samsung Pass e a segurança de gerenciadores de senhas

Samsung ensina como proteger apps no celular. Dicas da samsung focam em como usuários podem proteger seus smartphones e apps de situações de furto
O Samsung Pass é uma importante parte do sistema de segurança dos celulares da empresa. (Imagem: Reprodução/Samsung)

Enquanto o bloqueio da tela é importante para impedir acesso ao telefone, Citrini também destaca que é de suma importância incluir diferentes camadas de proteção para credenciais de acesso a serviços online — e é nesse contexto que o Samsung Pass se destaca.

O Samsung Pass é um gerenciador de senhas exclusivo para smartphones da linha Galaxy. Usuários podem cadastrar as credenciais de acessos para diversos serviços, e quando forem realizar o login, em vez de digitar a sequência, podem só utilizar a identificação biométrica para que a ferramenta realize o processo de entrada.

O Samsung Pass está disponível em todos os smartphones Galaxy que estejam executando o Android 7.0 ou superior, mas algumas funções, como reconhecimento facial, só ficam ativas em aparelhos que contem com o hardware compatível.

A força do Samsung Knox

Samsung ensina como proteger apps no celular. Dicas da samsung focam em como usuários podem proteger seus smartphones e apps de situações de furto
O Knox é uma plataforma de segurança de software da Samsung. (Imagem: Reprodução/Samsung)

Ao passo que muito se fala sobre os riscos de roubos e furtos de celulares, é importante também lembrar que existem os riscos de ataques cibernéticos nos aparelhos — e para essas situações, a Samsung conta com o Knox.

O Knox é uma plataforma de segurança para smartphones Samsung que reúne uma série de recursos no sistema operacional e no armazenamento do dispositivo, checando por possíveis permissões de programas maliciosos que possam ter se instalado no aparelho — e possam servir de vetores para espionagem, ataques de phishing (roubo de informações por engenharia social) e ransomware (o famoso sequestro digital).

A solução de segurança ao nível de software da Samsung também conta com funções para criptografar os dados do aparelho, com a chave para liberar o acesso sendo mantida em uma parte do hardware, dificultando o acesso de invasores a credencial.

Além disso, é a partir do Knox que os usuários de dispositivos Samsung podem ter acesso à Pasta Segura: função que, basicamente, faz com que um aplicativo ou arquivo deixe o armazenamento geral do aparelho e seja movido para uma região da memória que só possa ser acessado por meio de confirmação de identidade do usuário. 

O Knox está disponível na grande maioria dos smartphones que fazem parte do portfólio atual da Samsung. Caso esteja pesquisando um aparelho e queira identificar se ele tem ou não compatibilidade com esse serviço, a fabricante tem um site que lista os modelos em que ele pode ser encontrado.

Recomendações gerais de segurança

Por fim, mesmo com todas as funcionalidades que a Samsung coloca para melhorar a segurança em seus dispositivos, é importante que os usuários tenham em mente passos básicos para proteger seus smartphones. Listamos alguns dos principais a seguir:

  • Sempre use senhas únicas para cada um dos serviços que você assina;
  • Evite utilizar dados como data de aniversário ou nomes de irmãos como credenciais de acesso;
  • Tome cuidado com quais informações divulga em redes sociais, já que elas podem servir para pessoas mal-intencionadas identificarem padrões ou dados pessoais que podem ser utilizados, como por exemplo, para responder perguntas de segurança em serviços ou mesmo que coloquem o usuário em uma situação de ser visado pelo crime;
  • Não guarde fotos de documentos na galeria do smartphone, já que ladrões podem utilizar esses dados para invadir contas.

Veja também

Teve o celular roubado? É importante saber como proceder nessas situações tão graves e que podem trazer tantos impactos para os usuários.

Inscreva-se para receber nossas notícias:

Total
1
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts Relacionados