Série de The Last of Us é liberada para produção pela HBO

Joel Miller batendo num inimigo em The Last of Us Remastered
A série de The Last of Us foi liberada para produção pela HBO, com Neil Druckmann, criador do game, como roteirista e produtor executivo.

Os fãs de uma das franquias dos games mais memoráveis dos últimos anos podem comemorar (ou entrar em desespero, a depender do otimismo de cada um): a série de The Last of Us foi liberada para produção pela HBO. O que era rumor antes, agora foi confirmado pelo press release do canal em sua conta oficial do Twitter.

A boa notícia é que, ao contrário de muitas adaptações, a série de The Last of Us terá o escritor e criador original do jogo, Neil Druckmann, como um dos roteiristas e produtores executivos. Junto a ele, estão Craig Mazin, responsável pela série de sucesso Chernobyl, e Carolyn Strauss, que foi produtora executiva tanto do próprio Chernobyl quanto do super sucesso Game of Thrones.

Série de The Last of Us abordará o primeiro jogo

Série de The Last of Us é liberada para produção pela HBO, anunciada nessa sexta feira
Seguindo a história do primeiro jogo, a série terá Joel e Ellie viajando pelos Estados Unidos. (Imagem: canal oficial do Playstation)

De acordo com o comunicado oficial, a série de The Last of Us será coproduzida pela Sony e narrará os acontecimentos do primeiro jogo, quando Joel, 20 anos depois do vírus ter se espalhado pelos Estados Unidos, recebe a dura missão de traficar uma menina de 14 anos, Ellie, que pode ser a chave para a cura da doença, para o outro lado do país. Juntos, eles enfrentam todo tipo de adversidade e embarcam numa verdadeira jornada de autoconhecimento e sobrevivência.

Ainda não há informações sobre o elenco que atuará na Série de The Last of Us, mas, dada a aparição relativamente recente de Tom Holland no set de filmagens interpretando Nathan Drake na adaptação de Uncharted, pode ser que sejamos surpreendidos num futuro não tão distante com os atores responsáveis por viver tanto Ellie quanto Joel. Agora, se a Tess, o Bill e outras personagens importantes do jogo estarão presentes, não temos como saber.

Não é preciso dizer, mas criar grandes esperanças nesse momento não é uma boa ideia, principalmente porque ainda passamos pela pandemia do coronavírus. A série está nos primeiros estágios, tal qual um embrião, e, portanto, não fazemos a menor ideia de quando ela pode ser lançada, mas chuto uns dois anos a partir de agora, pelo menos. Ou não, vai saber?

Também não há informações se a HBO manterá o grau extremo de violência do jogo, como, por exemplo, a cena brutal de Joel torturando dois inimigos já ao final da narrativa. O que a vice presidente executiva, Francesa Orsi, afirma é que a série tentará agradar tanto os fãs assíduos da história do game quanto pessoas que nunca tiveram conhecimento do The Last of Us. Mas enfim, o que se sabe de fato é que o hype definitivamente foi alçado a grandes alturas, mesmo que ele já tenha sido criado em meados de março.

Fontes: The Verge | HBO PR | Playstation

Receba notícias como essa no seu email. Inscreva-se aqui:

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar um comentário

Assine nossa Newsletter