Atualização do Spotify permite controlar músicas no Chromecast via PC ou Mac

spotify chromecast
Depois de anos, a versão para computadores do Spotify também é capaz de reconhecer e controlar a reprodução no Chromecast
Anúncio
Atualização do Spotify permite controlar músicas no Chromecast via PC ou Mac

Depois de anos de pedidos, o Spotify finalmente atendeu um dos desejos mais antigos de seus usuários: a possibilidade de se iniciar a reprodução de uma playlist do aplicativo no Chromecast a partir da versão para desktops do programa.

Até então, caso o usuário quisesse iniciar a reprodução de uma playlist ou de um podcast pelo Spotify no Chromecast, era necessário que essa reprodução fosse iniciada através do app do Spotify para dispositivos móveis, e a partir dele era possível escolher enviar a reprodução para a TV através do Chromecast. 

Agora, a partir da versão 1.1.38 do aplicativo para desktops, também será possível se conectar ao Chromecast direto do computador. Para isso, é só apertar o botão “dispositivos disponíveis” (que fica no canto inferior direito do programa, do lado do esquerdo do controle de volume) e, caso você possua um Chromecast conectado na mesma rede Wi-Fi do computador, ele irá aparecer na lista de dispositivos em que a reprodução de áudio pode ser controlada.

Antes dessa atualização, apenas as pessoas que utilizavam um notebook ou computador com o ChromeOS podiam controlar a reprodução pelo Chromecast direto da máquina, já que o Spotify deste sistema operacional era o mesmo utilizado em dispositivos móveis. Com a nova atualização, o mesmo agora pode ser feito também de qualquer computador ou notebook que usa o Windows ou macOS como sistema operacional.

Mudanças no Spotify

spotify chromecast
Caso você tenha um Chromecast conectado na mesma rede Wi-Fi, ele irá aparecer na lista de dispositivos disponíveis também na versão do Spotify para Windows e macOS (Imagem: WikiHow Tech)

A possibilidade de conexão da versão do Spotify para computadores com o Chromecast é apenas a mais recente de algumas novidades que a empresa vem disponibilizando nos últimos meses.

No final de junho, o aplicativo já havia voltado a disponibilizar no Brasil a visualização da letra das músicas que estão sendo reproduzidas de forma sincronizada com o que está tocando. Esta função já estava em teste desde 2019, e desde o 30 de junho foi disponibilizada oficialmente para países da América Latina e da Ásia.

Por enquanto ainda exclusiva da versão do Spotify para dispositivos móveis, e a letra é disponibilizada automaticamente na própria tela de reprodução, logo abaixo dos controles para pausar ou mudar de música.

spotify
Desde o fim de junho, o Spotify passou a mostrar as letras das músicas junto com a reprodução

A sincronização da letra com a música não é algo exatamente novo no serviço, e os usuários mais antigos devem se lembrar que ela já existia antes. A função esteve presente no Spotify entre os anos de 2015 e 2016, mas uma mudança no modelo de negócios e o fim da parceria com o Musixmatch (que era quem fornecia as letras sincronizadas) deixaram o app sem esta ferramenta pelos próximos quatro anos até a nova implementação em 2020, que tudo indica que desta vez será permanente.

Ainda que tenha sido pioneiro ao disponibilizar essa função em 2015, o Spotify acabou ficando pra trás na concorrência neste aspecto, já que todos os grandes concorrentes do app (Apple Music, Deezer e YouTube Music) já tinham disponibilizado a opção de letras sincronizadas da música que está tocando para seus usuários.

Outra novidade é que, desde o dia 21 de julho, o Spotify também passou a oferecer a seus usuários a opção de podcasts em vídeo — uma resposta direta ao YouTube, que tem feito cada vez mais sucesso com podcasts em vídeo sendo disponibilizados na plataforma. 

spotify podcast vídeo
Caso o podcast tenha disponibilizado a versão em vídeo, ela será tocada automaticamente assim que se iniciar a reprodução

Por enquanto, apenas alguns programas programas em inglês que já faziam sucesso no YouTube estão sendo disponibilizados pelo Spotify (como The Morning Toast, The Misfits Podcast e Higher Learning), mas não deve demorar muito para a oferta de programas aumentar.

Entre as vantagens proporcionadas pelo Spotify está o fato de, caso você saia do app para usar outro aplicativo no celular, o podcast continua sendo reproduzido normalmente apenas como áudio (o que não acontece no YouTube, que pausa a reprodução assim que o app entra em segundo plano). 

Outra vantagem é a possibilidade de se fazer o download do episódio pelo Spotify e reproduzi-lo, tanto em vídeo como apenas áudio, mesmo em locais que não há uma conexão com a internet, permitindo que você possa assistir seu podcast preferido sem gastar os dados do celular.

Fonte: 9to5 Google, TechCrunch, Spotify

Receba notícias como essa no seu email. Inscreva-se aqui:

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar um comentário

Assine nossa Newsletter