Startup lança notebook modular com upgrades e personalização

Notebook modular
Notebook Modular contará com módulos vendidos separadamente para permitir aos usuários customizar o aparelho, desde mudanças de portas até a de HD

Um problema enfrentado constantemente por usuários de notebooks é a dificuldade de melhorar certos componentes dele, como a placa de vídeo ou mesmo os drivers de armazenamento. Pensando nisso, a startup Framework, de São Francisco, criou um notebook modular que pode ter as partes substituídas.

Por que um notebook modular?

O notebook modular, com previsão de lançamento para o inverno desse ano, conta com uma tela de 13.5 polegadas e é visualmente parecido com a linha de MacBooks da Apple, graças ao alumínio que constitui sua superfície. Porém, sua principal característica é que todas as partes dele podem ser substituídas, como, por exemplo, suas portas para USB-C, USB-A, MicroSD, entradas HDMI e afins. Se quiser colocar mais portas, o notebook também permite, a partir de “cartões de expansões” que podem ser acoplados em entradas internas do aparelho.

Notebook modular
Os módulos de entradas e portas sendo encaixados no Notebook.


Com esforço mínimo, só dependendo de uma chave de fenda, você pode facilmente abrir o notebook e mudar componentes internos, como bateria, teclado ou a tela. Segundo a empresa, até mesmo a placa mãe pode ser substituída para melhor desempenho, caso necessário.

Esse anúncio vem para suprir a necessidade de usuários de notebook que, por vezes, precisam mudar a configuração do hardware para atender melhor às demandas do trabalho ou mesmo do lazer. Afinal, acaba sendo bastante custoso trocar o computador inteiro ao invés de comprar os componentes em separado.

Porém, é importante frisar que as peças para upgrade não são aleatórias – elas precisam ser produzidas pela própria Framework para ter compatibilidade com o aparelho. A empresa espera que, com o passar do tempo, mais opções compatíveis com o dispositivo apareçam, feitas por outras companhias.

Notebook modular 2
Até componentes internos podem ser trocados com facilidade.

Ainda segundo a empresa, o notebook pode vir com configurações mais poderosas já de fábrica, como 64 GB de RAM, 4 TB de SSD NVMe e conexão com Wi-Fi 6E. Em processamento, o aparelho contará com processadores de décima primeira geração da Intel e, por fim, com uma webcam de 1080p 60 FPS.

Por hora, não há nenhuma informação do preço do aparelho ou de seus módulos, mas a Framework pretende divulgar mais detalhes nas próximas semanas, bem como com uma data de lançamento mais precisa.

Confira também a nossa matéria sobre os melhores notebooks anunciados na CES 2021, maior evento de tecnologia do mundo que ocorreu no início do ano.

Fonte: PC MAG

Receba notícias como essa no seu email. Inscreva-se aqui:

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar um comentário