Tesla apresenta caminhão elétrico e novo Roadster

Tesla apresenta caminhão elétrico e novo Roadster 6
A Tesla apresentou o seu novo veículo elétrico: trata-se de um caminhão e um novo carro de alta velocidade. Veja os detalhes aqui.

Conhecida por seus carros autônomos (e caros), a Tesla não se contentou com seus automóveis de passeio e passou a diversificar os produtos. Desde 2016 a empresa passou a produzir painéis de energia solar e vem anunciando a entrada no mercado de automóveis maiores.

Inicialmente apontado para meados de outubro, o lançamento de seu primeiro caminhão, o Tesla Semi, aconteceu nesta quinta-feira, 16 de novembro, apresentado pelo CEO da Tesla, o bilionário Elon Musk.

Especificações

Com características de carro esportivo, o caminhão de pequeno porte da Tesla tem banco único central na cabine e promete passar dos 90 km/h em 5 segundos, levando 20 segundos em seu peso máximo, cerca de 36 toneladas. Isso se deve aos três motores de 258 cavalos com potência total de 1.302 cv.

Tesla apresenta caminhão elétrico e novo Roadster 7

O veículo conta com quatro motores independentes sobre cada roda, sincronizados com o computador de bordo. Dessa forma, ele pode configurar a potência de cada roda individualmente para manter a estabilidade.

O Tesla Semi vem com sistema de gestão e rastreamento integrados, atingindo longas distâncias de conexão.

Segundo Musk, as pastilhas de freio do veículo “basicamente devem durar para sempre”. Ele ainda afirma que os vidros são todos à prova de explosões.

Autonomia

Como os demais carros da Tesla, os caminhões também são autônomos. Podem guiar-se sozinhos, principalmente em rodovias, em que há muitos trajetos em linha reta e uma velocidade constante.

Tesla apresenta caminhão elétrico e novo Roadster 8

A autonomia do veículo se completa com a capacidade da bateria aliada ao bom aproveitamento de combustível. Com uma carga, ele pode percorrer até 800 km.

De acordo com a empresa, o Tesla Semi apresenta uma economia de US$200 mil em dois anos, em comparação com caminhões semelhantes movidos a diesel.

A economia pode ser ainda maior considerando que os veículos que andarem em comboio somente precisarão de motorista no veículo que estiver à frente.

Ainda não há informações mais detalhadas sobre sua bateria, apenas que ela ocupa boa parte abaixo da cabine. Apesar disso, o espaço de visualização do condutor não é interferido. Pelo contrário, o para-brisa permite a visão do chão logo à frente do caminhão.

Design e tecnologia

Por fora, o Tesla Semi já surpreende. Com linhas futuristas e inovadoras, o design foi projetado para uma aerodinâmica que possibilite alcançar altas velocidades com mais facilidade.

Mas não é só a parte externa que impressiona, mas também todo o desenho interno inovador. O banco central do motorista dá mais espaço e conforto para quem dirige. Para o controle total do veículo, a cabine tem duas telas touch de 15 polegadas com dados bem completos.

Tesla apresenta caminhão elétrico e novo Roadster 9

Pelas telas, o condutor tem acesso à localização e imagens de câmeras que ficam ao redor do carro. Somente o acionamento das luzes deve ser feito por um botão físico.

E não é só isso

Para a surpresa de todos, o evento de lançamento não acabou por aí. Transportado pelos próprios caminhões, foi revelada a nova geração do Roadster, o carro de aceleração rápida da Tesla.

Tesla apresenta caminhão elétrico e novo Roadster 10

Capaz de atingir 96 km/h em menos de 2 segundos, o novo Roadster alcança o primeiro lugar como o carro de aceleração mais rápida, superando os consagrados Porsche 918 Spyder e Bugatti Chiron.

Com objetivo de superar os carros a gasolina, a Tesla investiu na autonomia do esportivo. Uma carga da bateria pode durar por até 1.000 km.

Tesla apresenta caminhão elétrico e novo Roadster 11

Preços

Esse quesito não reflete uma grande preocupação da empresa. Com qualidade em todos os outros aspectos, o preço vai para as alturas.

O preço inicial do novo Roadster será de US$200 mil, cerca de R$655 mil. É possível fazer reserva por meros US$50 mil adicionais, aproximadamente R$163 mil a mais.

Para quem tem ansiedade e muito, muito dinheiro e quiser garantir ser um dos primeiros 1.000 donos do esportivo terá que desembolsar a quantia de US$250 mil, nada menos que R$820 mil. À vista. E isso significa receber o carro somente em 2020, quando ele começa a ser comercializado.

Corra para garantir o seu! 😛

Para o Tesla Semi o preço ainda não foi revelado. Sua produção começa em 2019, mas a reserva é uma pechincha perto do que você acabou de ler acima: US$5 mil (R$16.400).

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar um comentário

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Receba notícias por e-mail

Receba notícias no seu e-mail
Holler Box