Saiba tudo sobre o tensor, processador do google pixel 6

Saiba tudo sobre o Tensor, processador do Google Pixel 6

Avatar of fernando gomes
Novo chip fabricado pelo Google promete impulsionar a nova geração de smartphones Pixel e chega como concorrente do M1, da Apple

O Google revelou oficialmente os inéditos Pixel 6 e Pixel 6 Pro. A nova geração de smartphones com design único deve chegar ao mercado em breve, mas o que chamou mais a atenção foi o anúncio de que o aparelho possui um poderoso processador do Google de fabricação própria.

O chamado Tensor, referência a uma inteligência artificial de código aberto do Google, foi anunciado por Sundar Pichai em sua conta no Twitter. Segundo o CEO, o novo chip levou quatro anos para ser desenvolvido e duas décadas de estudo em experiência de computação. O executivo também afirma que essa é a maior inovação da família Pixel até agora.

O novo processador do Google

Essa é a primeira vez que o Google revela detalhes deste projeto, que até então circulava nas redes sociais apenas como boato. Assim como o processador M1, da Apple, o Tensor é feito em arquitetura ARM, que promete o melhor desempenho possível nos aparelhos. A novidade é notável, pois a sua chegada nos smartphones Pixel marca o fim da utilização dos chips Qualcomm nos sistemas principais dos lançamentos do Google. Segundo a empresa, o processador é capaz de realizar ações primárias sozinho e visa o futuro do uso dos celulares. Mais detalhes devem ser revelados em breve.

Saiba tudo sobre o tensor, processador do google pixel 6
Novo chip do Google terá estreia na nova geração do Pixel. (Imagem: Google/Divulgação)

Rick Osterloh, vice-presidente sênior de dispositivos e serviços do Google, disse ao Engadget que o processador apresenta pontos de sinal de imagem, o que viabiliza a inserção do aprendizado de máquina, novidade nos aparelhos Pixel. Espera-se que a companhia consiga bater de frente com o iPhone 13, já que ambos os projetos possuem fortes fabricações próprias. Estando até o momento sozinha no campo de anúncios tecnológicos inovadores, a Apple foi alcançada pelo rival e precisará ficar atenta com o lançamento dos smartphones nos próximos meses.

“O Tensor nos permite fazer os telefones Google que sempre imaginamos – telefones que estão cada vez melhores, enquanto exploram as partes mais poderosas do Google, tudo em uma experiência altamente personalizada”

Rick Osterloh, vice-presidente sênior de dispositivos e serviços do Google, em publicação no Blog da empresa a respeito de suas novidades.

Detalhes do Pixel 6

O novo Pixel 6 está sendo promovido como o smartphone responsável por levar os consumidores a uma “experiência transformadora”, Com o chip inédito, o lançamento do Google vai possibilitar o reconhecimento de fala e mudanças significativas na câmera do aparelho – a traseira desta, por sua vez, está incorporada no design industrial com um leitor digital, similar a uma ‘faixa preta’ no aparelho.

Outro detalhe interessante é o fato de que, segundo o Engadget, em um dos vários recursos inovadores no smartphone é possível desembaçar fotos trêmulas a partir de uma ferramenta de IA. O Pixel 6 terá três combinações de cores, três câmeras embutidas e Android 12 será equipado com o Material You (“Material Você”, em tradução livre), atualizações no sistema que trarão harmonia entre design e animação dos aplicativos.

(Vídeo: Google/Divulgação)

Veja também

Acesse também outras notícias relacionadas no Showmetech, como as mudanças visuais nos aplicativos Fotos e Paint no inédito Windows 11.

Fontes: Blog do Google | The Next Web | Engadget | Tom’s Guide

Inscreva-se para receber nossas notícias:

Total
1
Shares
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Posts Relacionados
Android ios app profit

Android consome mais dados do que iPhone?

Em 2011, o CEO da Sprint já havia alertado que os aparelhos com Android consumiam muito mais 3g do que os que iOS. Para quem tem planos limitados, só ficando de olho para não cair na incômoda redução de velocidade (que costuma ser aplicada pela operadora quando se atinge o limite do plano). A Cisco quantificou que o Android consome 38% mais MB/mês do que aparelhos que rodam o sistema operacional mobile da Apple...
Avatar of barbara costa
Leia Mais